“Choveu” no Sol (e o fenómeno pode resolver dois mistérios antigos)

Por que motivo a coroa do Sol – a camada mais externa do nosso astro – atinge temperaturas muito mais altas do que a superfície solar? Esta é a questão que há anos intriga cientistas, configurando um dos maiores e mais duradouros mistérios da nossa estrela. Uma equipa de cientistas da NASA pode ter resolvido a questão.

De acordo com uma nova investigação, cujos resultados foram publicados na passada semana na revista científica especializada The Astrophysical Journal Letters, a chave para resolver este mistério da Física solar pode estar nas “chuvas” de plasma do Sol.

A equipa, liderada pela cientista Emily Mason, sugere que os gases muito quentes e eletricamente carregados – o chamado plasma – do Sol elevam-se através de loops à medida que a superfície do Sol atinge temperaturas mais altas. Ao afastar-se, sustentam os especialistas em comunicado, o plasma arrefece e volta à superfície da estrela.

Os cientistas comparam este processo, que a Ciência batizou como “chuvas coronais”, às chuvas que ocorrem na Terra. A diferença, apontam, é que no segundo caso a precipitação ocorre sob a forma de chuva e não de plasma. Na Terra, quando a temperatura sobe, a água evapora, sobe e forma nuvens onde, quando arrefece, condensa, caindo sob a forma de chuva – que, por sua vez, arrefece a superfície do nosso planeta.

Noutra palavras, os cientistas defendem que tanto a Terra como o Sol estão de forma semelhante sujeitos a “chuvas”, o que muda são os tipos de condensação e arrefecimento.

“A Física é literalmente a mesma“, afirmou Emily Mason, especialista da Universidade Católica da América, no estado norte-americano de Washington, em declarações ao portal Science News, descrevendo os resultados da investigação preliminar.

Um segundo mistério resolvido no horizonte

Mason passou meses a procurar “chuvas coronais” em enormes estruturas magnéticas, conhecidas como “serpentinas de capacete”. “Provavelmente analisei três ou cinco anos de dados”, afirmou. Mas todas as suas tentativas foram em vão até que se debruçou em estruturas solares menores – a questão não era o que procurar, mas onde procurar.

E foi precisamente nas estruturas menores, que até então não tinham sido analisadas, que a especialista encontrou a “chuva” de plasma – que pode resolver não só um mistério do Sol, mas dois. “[Estas estruturas pequenas] eram realmente brilhantes (…). Quando finalmente olhei para [os seus dados], tive a certeza que ocorreram dezenas de horas de chuva de uma só vez”, explicou Mason, citada pela mesma nota de imprensa.

Até então, e de acordo com os dados da Ciência moderna, acreditava-se que as “chuvas coronais” apenas poderiam ocorrer em loops fechados, sendo que o plasma não podia escapar destas chuvas. Contudo, a nova investigação sustenta o oposto: o plasma inicia o seu “movimento” em circuito fechado, mas pode ser dividido – enquanto um parte do plasma participa na formação das “chuvas”, o restante pode, à luz do novo estudo, encontrar uma saída e fugir do loop, formando vento solar.

As “chuvas” de plasma encontradas nas estruturas menores do sol podem justificar as elevadas temperaturas da coroa, mas também a fonte do vento solar lento – dois dos maiores mistérios do nosso sistema planetário.

Os resultados da investigação indicam que o processo de aquecimento da coroa é extremamente localizado e ocorre apenas em condições particulares. Apesar de o seu trabalho não explicar exatamente por que motivo a coroa aquece tanto, fornece importantes pistas sobre o lugar onde este processo pode ocorrer, frisou Mason.

“Tendo em conta que a compreensão do aquecimento coronal é, sem dúvida, o problema mais importante por resolver da Física solar, as medidas detalhadas da chuva coronal são extremamente importantes”, pode ainda ler-se na publicação.

SA, ZAP //

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Me tira uma duvida a coroa em torno do sol nao seria mais quente por terr calor em si e receber mais do sol continuamente e por gravidade reter mais do que o sol.

Catalunha. Manifestações provocam 199 detidos e 289 polícias feridos numa semana

Quase 200 pessoas foram detidas e 289 agentes da polícia ficaram feridos desde a passada segunda-feira nos protestos na Catalunha contra a sentença que condenou 12 dirigentes políticos catalães, segundo fontes policiais. Desde a passada segunda-feira, …

Quase metade do rendimento das famílias na Grande Lisboa é para pagar renda

A prestação derivada da compra de uma casa na Área Metropolitana de Lisboa (AML) representa uma taxa de esforço de 28% para as famílias. Contudo, arrendar é ainda mais dispendioso, com as rendas a representarem …

Portugal conquista ouro no basquetebol nos INAS Global Games

Portugal conquistou hoje quatro medalhas no último dia dos INAS Global Games, competição mundial para atletas com deficiência intelectual, através da seleção de basquetebol (ouro) e do ciclista Carlos Carvalho (três medalhas de prata). A equipa …

Benfica e FC Porto doam receitas ao Cova da Piedade e Coimbrões

O Benfica e o FC Porto decidiram entregar a sua receita, correspondente à bilheteira e à transmissão televisiva, aos seus adversários da terceira eliminatória da Taça de Portugal. Na semana passada, jogou-se a terceira eliminatória da Taça …

Nova lei de registo dos animais vai levar freguesias a perderem receita

O objetivo da nova lei é criar uma base única de dados nacional de registo dos animais e acaba com a obrigatoriedade da licença para os cães. O presidente da maior freguesia do distrito de Bragança, …

Vem aí um novo ecoponto (e vai ser castanho)

A partir de janeiro de 2024, todos os Estados-membros da União Europeia vão ser obrigados a ter um quarto contentor para a recolha seletiva do lixo. Desta vez, será castanho e passará a estar nas ilhas …

Federação Portuguesa de Futebol condena jogadores por viciação de resultados

O Conselho de Disciplina da Federação Portuguesa de Futebol condenou dois futebolistas e dois treinadores por manipulação de resultados no âmbito do caso "Jogo Duplo". O Público chama-lhe "uma decisão histórica". No âmbito do caso "Jogo …

Diferendo entre Galp/REN e ERSE pode custar 179 milhões de euros aos consumidores

As empresas de gás da Galp e da REN Portgás voltaram a impugnar as tarifas reguladas publicadas pela Entidade Reguladora dos Serviços Energéticos (ERSE) e avançaram com o décimo processo judicial. Caso vençam, os clientes …

Salário mínimo de 700 euros "é perfeitamente razoável", diz líder da CIP

O presidente da Confederação Empresarial de Portugal (CIP), António Saraiva, considerou que é "perfeitamente razoável" que o salário mínimo nacional (SMN) alcance os 700 euros durante a próxima legislatura. “Parece-me tão razoável como pode parecer outro …

Descoberto caminho de peregrinos mandado construir por Pôncio Pilatos em Jerusalém

Um caminho em pedra que terá sido usado há cerca de 2000 anos por peregrinos e mandado construir por Pôncio Pilatos foi descoberto perto do Monte do Templo, em Jerusalém, com uma centena de moedas …