Com a chegada dos talibãs, chineses veem oportunidade de negócio no Afeganistão

Wakil Kohsar / AFP

Vários empreendedores chineses estão a olhar para a chegada dos talibãs ao Afeganistão como uma oportunidade de investir em mercados inexplorados do país.

O contínuo avanço dos talibãs no Afeganistão gerou uma crise humanitária sem precedentes nos últimos tempos. Entre o caos, há quem veja uma oportunidade de negócio, como é o caso de um empreendedor chinês que, em declarações à VICE, apenas deu a conhecer o seu sobrenome: Liu.

O empresário chinês ganha cerca de 30 mil dólares por ano numa empresa de engenharia elétrica em Pequim. No entanto, o elevado preço do mercado imobiliário na capital chinesa torna o futuro complicado para Liu.



Com a queda de Cabul para os talibãs, Liu especulou que um boom em novas construções levaria a uma procura cada vez maior por sistemas de energia. O empreendedor asiático pensa agora mudar-se para o Afeganistão por alguns anos e ganhar mais de dez vezes o seu rendimento atual.

“Agora que há apenas um partido, não vai ficar demasiado confuso. Se os talibãs governarem o país por conta própria, a construção de infraestruturas será o foco. Eu quero uma fatia disso”, disse Liu à VICE.

A narrativa que se concentra no desenvolvimento futuro, mas ignora as atrocidades passadas dos talibãs, estimulou um senso equivocado de otimismo entre alguns chineses.

Vários empreendedores chineses, frustrados com a intensa competição na China, planeiam focar o seu futuro no Afeganistão. As oportunidades de investimento variam desde a eletrónica às embalagens plásticas e fertilizantes.

“Os talibãs precisam da construção da China. O Afeganistão é um ponto chave para conectar o projeto Nova Rota da Seda da China ao Médio Oriente”, disse um outro empresário ouvido pela VICE.

Outro empresário disse estar interessado em trazer os seus produtos de iluminação e fertilizantes para o Afeganistão. Os mercados na maioria dos países asiáticos já estão saturados, disse, mas o Afeganistão era um mercado inexplorado.

“Com o risco vêm os lucros maiores. Precisamos de nos preparar para ir lá quando a situação melhorar, para preencher a lacuna”, disse o chinês na casa dos 40 anos. “Pelas notícias, sinto que os talibãs já não são tão terríveis. Quero apostar que os talibãs estão a tornar-se mais simpáticos”.

  Daniel Costa, ZAP //

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

  1. Têm olhinho para o negócio e quanto a direitos humanos estão-se marimbando, e desta forma têm conseguido levar a água ou moínho, melhor dizendo, melhorando o nível de vida do país.

RESPONDER

Ataque com arco e flecha na Noruega com cinco mortos confirmados. Suspeito mostrava sinais de radicalização

Polícia acredita que o suspeito terá agido sozinho, pelo que não estão a ser feitas buscas para localizar mais envolvidos. Durante a detenção, agentes também terão sido atingidos. O cidadão dinamarquês de 37 anos que as …

Rendeiro trocou de advogados durante a fuga (e agora tem na defesa o assessor do pai do motorista)

João Rendeiro tem uma nova equipa de defesa depois de ter trocado de advogados quando já tinha saído do país, para escapar à prisão. Agora, um dos seus advogados é Abel Marques, secretário-geral da ANTRAL …

Ruas cheias e impaciência. O "cocktail" que explica a violência nas noites de Porto e Lisboa

As autoridades policiais estão preocupadas com a escalada de violência nas noites de Porto e Lisboa. A euforia pós-pandemia e a impaciência nas filas de espera podem explicar este fenómeno. A vida noturna regressou quase totalmente …

Rangel aconselhado a dar já o passo que falta. Carreiras diz que Rio não se recandidata

O eurodeputado foi aconselhado por vários apoiantes a assumir já esta quinta-feira, no Conselho Nacional, que está disponível para ser candidato à liderança do partido. Na noite desta quarta-feira, e pouco depois de a direção do …

O vice-presidente da Comissão Europeia, Maros Sefcovic, na apresentação das propostas da UE para a Irlanda do Norte

Às turras com o Reino Unido, UE propõe criar "via rápida" no protocolo da Irlanda do Norte

A União Europeia mostra-se aberta a mudar partes do acordo e facilitar as trocas comerciais, mas continua a rejeitar uma renegociação geral do protocolo. O ex-conselheiro de Boris Johnson, Dominic Cummings, revelou também que o …

Liverpool está interessado em João Félix (e já acenou com 80 milhões de euros)

Com João Félix a ter dificuldades em adaptar-se ao futebol do Atlético de Madrid, o Liverpool está disposto a avançar com uma proposta de 80 milhões de euros. O Liverpool estará interessado na contratação de João …

Há mais 9154 alunos colocados na 2.ª fase do concurso de acesso ao Ensino Superior

Vagas disponibilizadas na 2.ª fase não foram preenchidas durante a primeira ronda de candidaturas por falta de procura ou não realização das matrículas. Finda a segunda fase de candidaturas ao Ensino Superior, há mais 9154 alunos …

Vulcão Cumbre Vieja lança lava, cinzas e fumo em La Palma

La Palma regista maior sismo até agora: magnitude 4,5 na Escala de Richter

Três dos 60 sismos registados foram sentidos pela população, tendo o de maior magnitude ocorrido às 02h27, em Mazo, com uma magnitude de 4,5 na Escala de Richter. Um total de 60 sismos foram registados na …

Rui Pinto denuncia ligações entre Vieira e sociedade de César Boaventura

Numa série de tweets, Rui Pinto denunciou ligações entre Luís Filipe Vieira, ex-presidente do SL Benfica, e a GIC Corporation SA, sociedade do empresário César Boaventura. De acordo com o hacker, a sociedade em causa "foi …

Pandora Papers. Presidente do Chile enfrenta processo de destituição por suspeitas de corrupção

As revelações dos Pandora Papers envolvem o presidente chileno, Sebastian Piñera, na venda de uma empresa de minério nas Ilhas Virgens Britânicas através de uma companhia detida pelos seus filhos. Depois de ver o seu …