Governo chinês bane compras públicas de computadores e software estrangeiros

O Governo chinês ordenou que todos os escritórios governamentais e instituições públicas removam computadores e software estrangeiros, ao longo dos próximos três anos, depois da decisão de Washington de banir aquisição de equipamentos da Huawei.

A diretiva estipula que os compradores em diferentes setores do Estado chinês ou que dependam de subsídios públicos passem a recorrer a fornecedores de tecnologia domésticos, num golpe para as norte-americanas HP, Dell ou Microsoft.

A medida faz parte de uma campanha mais ampla para reduzir a dependência da China de fornecedores estrangeiros no setor tecnológico, numa altura em que uma prolongada guerra comercial com os Estados Unidos tem alimentado preocupações de uma “dissociação” nas cadeias de fornecimento entre os dois países. Segundo o jornal Financial Times, a ordem terá vindo do Gabinete Central do Partido Comunista Chinês.

No mês passado, o regulador de comunicações dos Estados Unidos excluiu o grupo chinês Huawei de um programa federal de subsídios, alegando que a empresa representa uma ameaça à segurança nacional dos EUA.

Washington, que acusa a Huawei de cooperar com o Governo chinês e os seus serviços de inteligência e de representar um risco para a segurança nacional dos EUA, tem ainda pressionado vários países, incluindo Portugal, a excluírem a Huawei na construção de infraestruturas para redes móveis de quinta geração (5G).

As autoridades norte-americanas restringiram ainda os negócios com várias empresas chinesas que desenvolvem sistemas de reconhecimento facial e outras tecnologias de inteligência artificial que acusam de estar associadas à repressão contra grupos minoritários muçulmanos na China.

Analistas da corretora estatal chinesa China Securities estimam que entre 20 a 30 milhões de peças serão trocadas como resultado da diretiva chinesa, com a substituição em larga escala a arrancar no próximo ano. As substituições vão ocorrer a um ritmo de 30%, no próximo ano, 50% em 2021 e 20% no ano seguinte.

No entanto, analistas consideram difícil substituir o software por alternativas domésticas, já que a maioria dos fornecedores desenvolve produtos para sistemas operacionais norte-americanos, como o Windows da Microsoft e o macOS da Apple.

Embora a Microsoft tenha produzido uma “Edição do Governo Chinês” do Windows 10, em 2017, através da sua joint venture chinesa, a diretriz emitida por Pequim estipula que os clientes do governo devem mudar para sistemas operacionais inteiramente chineses.

Os sistemas operacionais caseiros da China, como o Kylin OS, têm um ecossistema muito menor de programadores que produzem software compatível.

// Lusa

PARTILHAR

4 COMENTÁRIOS

RESPONDER

O Bosão de Higgs foi apanhado a fazer algo inesperado

Uma equipa de cientistas do Laboratório Europeu de Física de Partículas (CERN) observou o Bosão de Higgs, a fazer algo inesperado: à medida que caía, esta parecia decompor-se numa combinação inesperada de partículas. De acordo com …

Feitos de estrelas. Os nossos ossos são compostos por estrelas que explodiram

Uma nova investigação concluiu que metade do cálcio do nosso Universo é oriundo de uma supernova rica em cálcio, que explodiu há milhões de anos. O novo estudo, cujos resultados foram esta semana publicados na revista …

"Monarquia criminosa". Parlamento declara Catalunha republicana e não reconhece o rei

O Parlamento catalão aprovou esta sexta-feira uma resolução na qual declara que “a Catalunha é republicana e, portanto, não reconhece nem quer ter um rei”, rotulando a monarquia de “criminosa”. A resolução foi aprovada em sessão …

Novo método deteta metais tóxicos em alimentos e água em apenas algumas horas

Uma equipa de cientistas da Universidade de Joanesburgo, na África do Sul, desenvolveu um método sensível para detetar níveis perigosos de metais pesados em alguns alimentos e água. Os vestígios de metais como chumbo (Pb), arsénico …

Meghan Markle vence primeira batalha judicial contra jornal britânico

A Duquesa de Sussex conseguiu que o Tribunal Superior de Londres optasse por manter anónima a identidade das suas cinco amigas, como parte da ação legal que está a ser levada a cabo. O 39º aniversário …

Cientistas obrigados a rebatizar dezenas de genes humanos. A culpa é do Excel

Só no ano passado, os cientistas viram-se obrigados a mudar os nomes de 27 genes humanos por causa de um erro de leitura do Microsoft Excel. Tal como explica o portal The Verge, que avança …

"Vai continuar a queimar". Covid-19 é mais parecida com um fogo florestal do que com ondas e picos

Com o surgimento do novo coronavírus no mundo, vários especialistas previam que este iria surgir em ondas e picos. Agora a visão de futuro é outra e os especialistas dizem que a pandemia se compara …

Mudanças climáticas podem vir a causar mais mortes do que a covid-19, alerta Bill Gates

  As mudanças climáticas podem custar muito mais vidas nas próximas décadas do que a pandemia do novo coronavírus (covid-19). O alerta é do co-fundador da Microsoft, Bill Gates, que, através de uma reflexão no seu …

Descoberta a primeira disrupção gigante nas nuvens de Vénus

Uma equipa internacional de cientistas, que incluiu um investigador do Instituto de Astrofísica e Ciências do Espaço (IA), descobriu a "primeira disrupção gigante" nas nuvens de Vénus que tem fustigado as zonas profundas da atmosfera …

TVI aposta em estúdio a Norte. Nuno Santos quer Informação mais ao estilo da SIC Notícias do que da CMTV

O diretor-geral da TVI, Nuno Santos, afirmou, em entrevista ao jornal Público, que a estação de Queluz de Baixo vai apostar num estúdio no Norte, revelando ainda que pretende mudar a Informação do canal mais …