Se diplomacia falhar, China admite uso de força militar para controlar Taiwan

csis_er / Flickr

Tsai Ing-wen, Presidente de Taiwan

A China vai atacar Taiwan se não houver outra maneira de impedir que este Estado se torne independente, disse Li Zuocheng, um dos mais importantes generais do país, esta sexta-feira. Esta será uma opção de último recurso caso a via diplomática não resulte.

“Se a possibilidade de reunificação pacífica for perdida, as forças armadas do povo, com toda a nação, incluindo o povo de Taiwan, vão tomar todas as medidas necessárias para esmagar resolutamente quaisquer planos ou ações separatistas”, disse Li, citado pela Reuters.

Taiwan é independente há mais de 70 anos, embora a China não o reconheça. Em várias ocasiões, a China prometeu tomar a ilhar de volta para seu controlo, escreve a Newsweek.

Tsai Ing-wen, a presidente eleita para um segundo mandato em janeiro, é considerada pelo Governo chinês como uma política pró-independência. Como tal, avisou-a várias vezes para não perseguir nenhum tipo de “separatismo”, caso contrário enfrentará consequências.

“Não prometemos abandonar o uso da força e reservamos a opção de tomar todas as medidas necessárias para estabilizar e controlar a situação no Estreito de Taiwan”, disse o general Li Zuocheng, esta sexta-feira.

“Enquanto houver uma pequena probabilidade de uma solução pacífica, aplicaremos cem vezes o esforço”, disse Li. No entanto, alertou os defensores da independência de Taiwan que o seu caminho “leva a um beco sem saída” e a oposição será “severamente punida”.

O Governo de Taiwan prometeu ainda apoiar ativistas pró-independência em Hong Kong, que têm travado confrontos com o Governo local apoiado por Pequim.

O legislativo chinês vai abordar, durante a sua sessão plenária, que arrancou na sexta-feira, a lei de segurança nacional de Hong Kong.

A lei proíbe “qualquer ato de traição, separação, rebelião, subversão contra o Governo Popular Central, roubo de segredos de estado, a organização de atividades em Hong Kong por parte de organizações políticas estrangeiras e o estabelecimento de laços com organizações políticas estrangeiras por parte de organizações políticas de Hong Kong”.

ZAP //

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

  1. Estes chineses dizem se diferentes do EUA mas no fim os resultados são os mesmos, controlo da população, dominação do mundo. Apenas são mais sufisticados na abordagem de dominação dando com uma mão tirando com 20 mãos… A China para crescer e vencer a bolha de dívidas que tem, necessita de que o mundo trabalhe e se vire apenas para eles…

RESPONDER

Trump refere-se a Fauci como "um desastre" e acusa-o de ser "idiota"

O presidente dos EUA, Donald Trump, disse nesta segunda-feira que o principal rosto do combate à pandemia no governo, o imunologista Anthony Fauci, é um "desastre" e possivelmente um "idiota", numa altura em que o …

Estado condenado a indemnizar cidadão romeno por tratamento desumano

O Tribunal Europeu dos Direitos Humanos (TEDH) condenou o Estado português ao pagamento de 14 mil euros por tratamento desumano do cidadão romeno Lonuţ-Marian Bădulescu, durante a detenção deste na cadeia do Porto. Numa decisão esta …

Panama Papers. Alemanha com ordens de detenção para Mossack e Fonseca

Um tribunal de Colónia emitiu ordens de detenção contra Jürgen Mossack e Ramón Fonseca por fraude fiscal e associação criminal no caso dos Papéis do Panamá, uma investigação internacional por branqueamento de dinheiro, anunciaram esta …

Depressão Bárbara. Registadas 654 ocorrências, mau tempo volta a agrava-se hoje

A Proteção Civil registou até ao final da manhã desta terça-feira 654 ocorrências devido ao mau tempo, sobretudo nas zonas urbanas a norte do rio Tejo, e colocou em alerta especial laranja mais três distritos …

Bolsonaro diz que vacina será gratuita mas não obrigatória

O Presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, disse esta segunda-feira que a vacina contra a Covid-19 será gratuita mas não será obrigatória para a população do país, o segundo com mais mortes no mundo devido à …

Estudantes indicaram professor que foi decapitado a jihadista (em troca de dinheiro)

Investigadores acreditam que vários estudantes indicaram por dinheiro quem era o professor Samuel Paty ao jihadista que o decapitou na sexta-feira ao lado da escola onde trabalhava na região de Paris. O ministro da Educação, Jean-Michel …

Portugal regista mais 15 óbitos, 1.876 novos casos e 1.932 recuperados

Portugal contabiliza esta terça-feira mais 15 mortos relacionados com a covid-19 e 1.876 casos confirmados de infeção com o novo coronavírus, segundo o boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim, …

Há ratos e répteis no Centro Hospitalar de Viseu. Ala psiquiátrica está em "péssimas condições"

O alerta partiu do bastonário da Ordem dos Médicos que denunciou a "péssima condição" a que os utentes estão sujeitos. Miguel Guimarães desafiou esta segunda-feira a ministra da Saúde a visitar o departamento de Psiquiatria do …

Portugal é pouco poupador, tem condições de trabalho precárias e pouca escolaridade

Portugal é um país envelhecido, com idosos a viverem sozinhos, pouco poupador e onde o trabalho é precário, os patrões e empregados têm baixa escolaridade e há poucas mulheres na polícia, revela uma publicação da …

País em duodécimos seria uma "irresponsabilidade". Bloco acusa Governo de chantagem “inaceitável”

A coordenadora do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, falou, em entrevista à Rádio Observador, sobre as negociações com o Governo para a aprovação do Orçamento de Estado para 2021. Em entrevista à Rádio Observador, a coordenadora …