Central nuclear de Almaraz sofre paragem não programada

Frobles / Wikimedia

Central de energia nuclear Almaraz, Cáceres (Espanha)

Central de energia nuclear Almaraz, Cáceres (Espanha)

A central nuclear de Almaraz, em Espanha, sofreu uma paragem não programada que interrompeu a alimentação elétrica do reator, denunciaram hoje o Movimento o Movimento Ibérico Antinuclear (MIA) e a Associação Ecologistas em Ação

O controlador automático disparou e deu-se uma paragem automática no reator, adiantaram à agência Lusa os ambientalistas num comunicado divulgado hoje pela associação portuguesa Zero, que integra o MIA.

A alimentação elétrica é fundamental para manter todos os sistemas de controlo e a segurança em funcionamento, explicam as associações, adiantando que a sua interrupção leva à paragem do reator para evitar males maiores.

Segundo os ambientalistas, não é a primeira vez que esta barra de alimentação elétrica dá problemas, tendo ocorrido problemas similares em janeiro de 2016.

No passado sábado houve outro incidente no sistema elétrico de salvaguardas, na unidade II de Almaraz, que fica a cerca de cem quilómetros de Portugal.

Unidade 1 de Almaraz encontra-se em “situação estável”

A Central Nuclear de Almaraz, em Espanha, já informou que a Unidade 1 encontra-se em “situação estável” e assegurou que “todos os controlos e proteções” funcionaram corretamente.

Em comunicado, a central adianta que os funcionários estão investigar a anomalia e a realizar testes e inspeções para voltar a ligar a rede elétrica da unidade.

A Central Nuclear de Almaraz, “seguindo os procedimentos estabelecidos”, notificou o Conselho de Segurança Nuclear (CSN) sobre a paragem não programada ocorrida às 09:57 de hoje [08:57 de Lisboa] na Unidade 1.

Informámos o CSN que “tinha ocorrido uma interrupção não programada na Unidade 1 devido à paragem da bomba principal número dois, como consequência da perda de potência da referida bomba”, refere o comunicado.

A situação foi denunciada pelo Movimento o Movimento Ibérico Antinuclear (MIA) e a Associação Ecologistas em Ação que reiteram a sua exigência para que não seja renovada a autorização de funcionamento da central de Almaraz, que tem licença até 2020.

“Esta acumulação de incidentes, ainda mais quando acontece no mesmo sistema de alimentação elétrica, mostra claramente que a central trabalha, a cada dia que passa, com a segurança mais degradada“, adverte o Movimento Ibérico Antinuclear, composto por várias organizações portuguesas e espanholas, e os Ecologistas em Ação.

Para os ambientalistas, é imperativo a realização de uma investigação para averiguar a causa específica dessas falhas repetidas.

“A causa principal é claramente o envelhecimento progressivo da central, que aconselha a que não seja prolongado o seu funcionamento”, vincam no comunicado.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Menos 115 deputados. Itália realiza referendo para reduzir Parlamento

A Itália organiza em 29 de março um referendo sobre a alteração da Constituição e a redução do número de deputados, uma data esta proposta pelo Governo de coligação entre o Movimento Cinco Estrelas (M5S) …

Flamengo chega a acordo com o Inter por Gabigol

Flamengo e Inter de Milão já chegaram a acordo para a transferência definitiva de Gabigol, jogador que esteve durante a última temporada na equipa brasileira por empréstimo. Segundo o portal brasileiro Globo Esporte, os dirigentes do …

Espanha quer "assaltar" o lugar de Centeno no Eurogrupo

Nadia Calviño, a número dois do Governo Espanhol, assume-se como favorita para assumir a presidência do Eurogrupo, caso o ministro das Finanças português, Mário Centeno, decida não entrar na corrida. A notícia é avançada esta terça-feira …

Dívidas de hospital de Lisboa travam compra de dois medicamentos para cancro

As dívidas do Centro Hospitalar Universitário de Lisboa Norte, que inclui os hospitais de Santa Maria e Pulido Valente, levaram o Tribunal de Contas (TdC) a chumbar a compra de dois medicamentos para um cancro …

Em 15 dias, foram transferidos 73 milhões da Sonangol para uma empresa de Isabel dos Santos

Em 15 dias, foram transferidos 73 milhões das contas da petrolífera estatal Sonangol no private banking do Eurobic, em Lisboa, para uma empresa de Isabel dos Santos, avança o Correio da Manhã esta terça-feira. …

Livro de John Bolton pode prolongar julgamento de Donald Trump

  Ao segundo dia de defesa dos advogados da Casa Branca no julgamento do impeachment de Donald Trump, caiu uma "bomba" no Senado. O livro escrito por John Bolton, ex-conselheiro de segurança nacional do Presidente dos …

Afinal, Bruno Fernandes pode rumar ao Barcelona (e fazer escala no Valência)

Afinal, o futuro do internacional português Bruno Fernandes pode passar por Espanha e não por Inglaterra, onde foi dado como quase certo. O negócio envolve dois emblemas espanhóis e o avançado ex-Benfica Rodrigo Moreno. De …

Coronavírus já matou 106 pessoas na China. E já chegou à Alemanha

A China elevou para 106 o número de mortos causados pelo coronavírus e o número de infetados já chegou aos quatro mil. Esta segunda-feira, confirmou-se um caso na Alemanha, sendo agora o segundo país da …

Iniciativa Liberal quer privatizar CGD, TAP e RTP

O Iniciativa Liberal quer privatizar a Caixa Geral de Depósitos, a TAP e a RTP. Esta segunda-feira, no Parlamento, o deputado único João Cotrim Figueiredo defendeu ainda a redução do IVA na eletricidade para uma …

PSD convidou BE e PCP para negociar. Teme-se uma "perigosa" coligação negativa no IVA da luz

O PSD está disponível para "conversar" com a esquerda parlamentar para negociar uma solução que permita baixar o IVA da eletricidade. A garantia foi dada por um dos coordenadores do processo orçamental do PSD, Duarte Pacheco, …