Centeno tomou posse e elencou 4 desafios estratégicos para o Banco de Portugal

José Sena Goulão / Lusa

Mário Centeno não acredita em “estratégias de dividir para reinar”. O recém empossado governador do Banco de Portugal elencou, esta segunda-feira, quatro desafios estratégicos para o Banco de Portugal.

Na ótica de Mário Centeno, governador do Banco de Portugal, a instituição deve assegurar uma supervisão mais “exigente e proativa”, procurar influenciar a política monetária europeia e credibilizar os processos de resolução bancária, protegendo as finanças públicas.

“O Banco de Portugal tem de ser uma instituição de referência, que congrega muitos dos melhores técnicos formados nas melhores universidades portuguesas”, começou por afirmar o governador, no discurso de tomada de posse. “Tem de se tornar sinónimo de ação coletiva com as restantes instituições nacionais e europeias para enfrentar os inúmeros desafios do futuro próximo”, acrescentou, citado pelo Económico.

Na cerimónia, que decorreu esta segunda-feira no Salão Nobre do Ministério das Finanças, o ex-ministro das Finanças elencou quatro desafios estratégicos, sendo que o primeiro é a supervisão. Centeno entende que é preciso assegurar uma supervisão mais “eficiente, exigente e proativa”, para que “criando confiança”, se ““crie valor num mundo em que a transição digital tem alterado profundamente a prestação de serviços financeiros”.

Em segundo lugar, o novo governador considera que o BdP deve procurar “participar e influenciar a política monetária europeia, em prol do crescimento da área do euro inclusivo e estável, num contexto de taxas de juro baixas e em que as medidas de política monetária não-convencionais têm um papel reforçado”.

Em terceiro lugar, Centeno afirmou que o regulador deve “definir uma política macro potencial que assegure a estabilidade do sistema financeiro e não permita a acumulação de riscos sistémicos, que ponham em causa a estabilidade do sistema e o financiamento eficiente da economia”.

O objetivo de Mário Centeno é que o Banco de Portugal crie “uma estratégia nacional que permita a Portugal vencer os importantes desafios que se lhe colocam na Europa e no mundo”.

Por último, é necessário “credibilizar as estratégias, os mecanismos e o processo de resolução bancária”, para que se assegure “a estabilidade financeira” e se garanta a proteção do “erário público”.

“O país precisa, como nunca, de instituições fortes e renovadas e de lideranças capazes de enfrentar os desafios que se nos põem com determinação num contexto europeu e mundial competitivo. É com enorme entusiasmo, mas sobretudo com responsabilidade e plena consciência dos desafios futuros que encaro a liderança do BdP numa instituição central para a República”, sublinhou.

Ficou claro que, na opinião de Mário Centeno, a independência do Banco Central não se questiona, nem se impõe. “Ao Banco de Portugal, não cabe ter estados de alma, acerca da natureza da sua independência, muito menos ao seu Governador. Mas também não cabe ao Banco de Portugal viver para si próprio e fechado sobre si próprio. Isso não assegura a independência, cria a irrelevância.”

O anúncio da aprovação da nomeação de Mário Centeno para governador do BdP, sob proposta do ministro das Finanças, João Leão, foi feito na passada quinta-feira, no final da reunião do Conselho de Ministros, em Lisboa. Mário Centeno sucede a Carlos Costa, cujo segundo mandato terminou a 8 de julho, depois de 10 anos à frente daquela instituição.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

De norte a sul do país, autarcas pressionam Governo para fechar escolas

Os diretores escolares esclarecem que não têm qualquer autonomia para encerrar escolas, dependendo essa decisão de um parecer da entidade de saúde pública local e da confirmação por parte dos serviços do Ministério da Educação. …

Muito mais do que tabaco. Cientistas identificam drogas tomadas pelos maias em recipientes antigos

Uma equipa de cientistas da Washington State University identificou a presença de planta que não é do tabaco em recipientes de drogas dos antigos maias. Os investigadores detetaram "marigold mexicana" (Tagetes lucida) em resíduos retirados de …

Pico na primeira semana de fevereiro. Mesmo confinando, modelo prevê 1154 doentes em UCI

Portugal deverá ter 1.154 doentes internados em cuidados intensivos num pico na primeira semana de fevereiro, mesmo com um confinamento igual ao de março, avança um modelo da NOVA Information Management School. Portugal deverá duplicar o …

Biden assume leme dos EUA. Trump concede 140 perdões (e pede que se "reze" pelo sucessor)

Joe Biden assume esta quarta-feira o leme dos Estados Unidos. Porém, antes de sair, o Presidente cessante, Donald Trump, perdoou e comutou penas a mais de 140 pessoas. Nas horas finais da sua presidência, Donald Trump …

Ouvir música clássica enquanto faz exercício? A Ciência sugere que sim

Estudos sugerem que, ao contrário daquilo que pensa, ouvir música clássica enquanto se pratica exercício físico pode ajudá-lo no seu treino. Para muitas pessoas, uma parte essencial de qualquer regime de exercício é a música que …

“Não queiram fazer mistérios onde não existem”. UE encerrou caso do procurador europeu

A União Europeia (UE) deu por "encerrado" o caso do procurador europeu José Guerra e dos lapsos no seu currículo enviado pelo Governo. “A reunião dos membros do Conselho da UE decorreu na segunda-feira e …

Jack Ma reaparece após estar "desaparecido" quase três meses

O bilionário fundador do gigante do comércio eletrónico chinês Alibaba reapareceu, esta quarta-feira, numa reunião virtual com professores rurais, após meses de incerteza sobre o seu paradeiro. No vídeo, publicado no site do jornal chinês Tianmu …

Jesus voltou a testar negativo. Benfica confirma presença na Taça da Liga

O treinador do Benfica voltou a testar negativo ao novo coronavírus, num segundo teste realizado esta terça-feira, dia em que o clube anunciou ter 17 casos de infeção na sua estrutura profissional de futebol. "O Benfica …

Novas regras do confinamento entram em vigor esta quarta-feira (mas há exceções nos horários)

As novas medidas de restrição para travar a pandemia de covid-19 em Portugal entraram em vigor às 0h desta quarta-feira no âmbito do estado de emergência em vigor no país.  O primeiro-ministro anunciou esta segunda-feira que …

Ratos paraplégicos voltam a caminhar graças a proteína inovadora

Cientistas criaram e injetaram uma proteína no cérebro de ratos paraplégicos. Após um par de semanas, os ratos recuperaram a capacidade de caminhar. Não, não é milagre. Uma equipa de investigadores alemães conseguiu restaurar a capacidade …