“Não vejo nenhum conflito de interesses”. Centeno deixa porta aberta para liderar BdP

Stephanie Lecocq / EPA

O ministro das Finanças, Mário Centeno, descartou, para já, uma eventual recandidatura à presidência do Eurogrupo, frisando que defende a limitação do número de mandatos dos responsáveis políticos.

“[Um segundo mandato no Eurogrupo] não é algo que eu tenha, neste momento, equacionado. A seu tempo falaremos”, afirmou, em entrevista ao semanário Expresso este sábado publicada. “Falando em problemas, não é um problema que já tenha aparecido na minha folha para ser resolvido”, disse o ministro das Finanças.

O responsável pelas Finanças não adiantou muito sobre o tema, mas frisou que defende a limitação de mandatos. “Sou extremamente favorável à limitação do número de mandatos que os políticos exercem. E exerço-o o mais possível na minha pessoa também”.

Mário Centeno, que é ainda presidente do Eurogrupo, disse ainda não ver qualquer incompatibilidade se de Ministro das Finanças passar a ser Governador do Banco de Portugal (BdP). “Isso está escrito em algum sítio do Tratado?”, questionou.

Não vejo nenhum conflito de interesses. Dou dois exemplos: um dos vice-presidentes do BCE foi ministro das Finanças de Espanha. E o meu colega eslovaco também transitou das Finanças para o banco central. Estou só a dar exemplos”.

Questionado sobre se o BdP seria um desafio interessante, Centeno voltou a contornar a questão. “Já disse: o meu desafio agora é começar a apresentar o Orçamento do Estado para 2020 na Assembleia da República”, disse.

Apesar de “piscar o olho” ao Banco de Portugal, Mário Centeno nega a possibilidade de suceder a Carlos Costa, atual governador da instituição.

Na mesma entrevista ao Expresso, o governante responde às críticas dos aprtidos sobre o Orçamento do Estado, dando conta que o documento, que esta semana foi entregue no Parlamento, incluiu verbas para medidas que já foram aprovadas no tempo da geringonça pelos então parceiros de esquerda PCP e o Bloco de Esquerda.

“Centeno tem sido vital”

O Expresso escreve ainda este sábado que o Presidente da República, Marcelo Rebelo de Sousa, vê em Centeno um fator de estabilidade e gostaria que o governante chegasse ao fim da legislatura. “Tirar Centeno é cortar uma perna e um braço ao Governo e ao primeiro-ministro”, avançou fonte de Belém ao semanário.

O chefe de Estado vê na dupla Centeno-Costa uma garantia de equilíbrio “vital” para o Governo e para o país. Em Belém, conta ainda o Expresso, é considerado “um luxo” dispensar Mário Centeno, antevendo-se grandes dificuldades para substituir Centeno.

Mário Centeno tem sido vital”, confirma o Presidente da República, que espera que Mário Centeno continua no exercício das suas funções pelo menos até ao fim da presidência portuguesa na União Europa, ou seja, até finais de 2021.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Euro 2020: aplicação da UEFA pode originar problemas nas bancadas

Revenda de bilhetes não é controlada. Adeptos que não vão aos jogos são incentivados a transferir os ingressos. A aplicação oficial da UEFA, que permite comprar bilhetes para o Europeu 2020, também permite passar os bilhetes …

Parlamento Europeu pede levantamento de patentes de vacinas

O Parlamento Europeu (PE) apelou hoje à suspensão temporária de patentes para facilitar o acesso global à vacina e medicamentos para a covid-19. Numa resolução aprovada por 355 votos a favor, 263 contra e 71 abstenções, …

Encontrado esqueleto acorrentado em Inglaterra, uma rara evidência da escravidão romana

O esqueleto encontrado em Rutland, Inglaterra, foi identificado pelos cientistas como uma evidência rara e importante da escravidão na Britânia romana, sendo uma "descoberta internacionalmente significativa". Os restos mortais foram encontrados por trabalhadores da construção civil …

Trabalho infantil no mundo aumenta pela primeira vez em duas décadas

O número de crianças vítimas de trabalho infantil aumentou pela primeira vez em 20 anos, atingindo 160 milhões no mundo, anunciaram hoje a Organização Internacional do Trabalho (OIT) e a UNICEF. No relatório "Trabalho Infantil: estimativas …

Aplicação ajuda os casais a comunicar através do batimento cardíaco

Durante a pandemia, e com o distanciamento social, as pessoas perceberam ainda melhor o quão difícil pode ser estar separado de quem mais se ama. A pensar nisso, uma equipa criou uma aplicação que permite …

Os peixes-elefante também fazem pausas antes de partilhar algo importante

Cientistas descobriram que os peixes-elefante também fazem pausas quando querem passar uma informação importante a quem os está a ouvir. Por vezes, fazer uma pausa antes de dizer alguma coisa importante pode ser uma boa estratégia …

Moedas quer demissão de Medina por alegado envio de dados à Rússia

O candidato do PSD à Câmara de Lisboa, Carlos Moedas, disse esta quarta-feira que o presidente Fernando Medina terá de se demitir, caso se confirme que a autarquia enviou para a Rússia dados de três …

Portugal 4-0 Israel | Goleada e muito Bruno antes dos jogos "a doer"

Portugal segue viagem para Budapeste e para o EURO 2020 moralizado por uma vitória tranquila sobre Israel, num jogo que dominou de princípio a fim e em que os golos surgiram nos minutos finais de …

"Queres ganhar mais dinheiro? Rescinde e vai fazer outra coisa"

Paulo Borrachinha queria ganhar mais por cada combate no UFC. O presidente da competição leu e criticou o brasileiro. Paulo Costa, mais conhecido como Paulo Borrachinha no Brasil, iria lutar contra Jared Cannonier no dia 21 …

Principal rival do príncipe herdeiro da Arábia Saudita desapareceu após detenção

Um processo judicial norte-americano que envolve o príncipe herdeiro da Arábia Saudita, Mohamed bin Salman, devido a uma suposta violação de um contrato, revelou algo inesperado: o desaparecimento do seu principal rival. Apesar de ser apenas …