Centenas de moedas de ouro romanas encontradas na cave de um teatro abandonado

MiBAC / Twitter

Detalhe das moedas encontradas

No norte de Itália, perto da fronteira com a Suíça, arqueólogos encontraram centenas de moedas antigas de ouro. As moedas estavam na cave de um teatro abandonado da cidade de Como.

Pertencentes ao séc. V, no final do tempo do Império Romano, as moedas estavam numa ânfora feita de pedra-sabão (também conhecido como pedra de talco) e enterradas na terra na cave de um antigo cinema fechado desde a década de 90.

Maria Grazia Facchinetti, especialista em moedas raras contou à CNN que a pessoa que enterrou a jarra “fê-lo de tal maneira que, em caso de perigo, poderiam ir até ao local e recuperá-las”. “As moedas estavam empilhadas em rolos, similarmente ao que se faz hoje nos bancos”, acrescentou.

Na conferência de imprensa, a especialista afirmou que as moedas estavam cunhadas com imagens dos imperadores Honório, Valentiniano III, Leão I, António e Líbio Severo e “não vão além de 474 d.C.”.

“As pistas recolhidas fazem-nos acreditar que o dono destas moedas não era um sujeito individual, mas que poderiam pertencer a um banco público ou depósito”, afirmou Maria Grazia Facchinetti.

Segundo o Times of London, Luca Rinaldi, o responsável arqueólogo local, classificou as mais de 300 moedas como tendo um valor “inestimável“. “Estamos a falar de uma descoberta excecional”, disse o arqueólogo.

“É praticamente uma coleção inteira, ao contrário de tudo aquilo que já se encontrou no norte de Itália. Geralmente as moedas encontradas estão coladas, mas estas conseguem estar todas separadas, é quase como abrir uma carteira”, afirmou Rinaldi.

Segundo alguma comunicação social italiana, o valor destas moedas de ouro do tempo romano poderá ascender aos milhões de euros. Os arqueólogos encontravam-se a escavar a base do teatro histórico Cressoni que, segundo o Ministério da Cultura, estaria a ser reestruturado.

De acordo com a Newsweek, o local estaria a ser preparado para se transformar numa zona residencial. O teatro Cressoni abriu portas em 1807 e encerrou em 1997, pouco tempo depois de se ter transformado num cinema.

Segundo noticiado pela CNN, os arqueólogos também desenterram no mesmo local uma barra de ouro de uma outra jarra. O antigo cinema fica perto da área do fórum Novum Comum, local onde outros artefactos romanos também foram descobertos.

“Ainda não sabemos o verdadeiro significado histórico e cultural desta descoberta”, afirmou o ministro da cultura Alberto Bonisoli num comunicado de imprensa. “O que sabemos é que esta área provou ser um verdadeiro tesouro para a nossa arqueologia”.

Descobertas no passado dia 7 de setembro, estas moedas bem preservadas entram no leque das grandes descobertas recentes de artefactos romanos.

Em 2016, os arqueólogos descobriram uma moeda de ouro romana com 2000 anos em Jerusalém, cunhada com a imagem de Nero, um dos imperadores Romanos mais conhecidos. Outras moedas romanas também foram descobertas nos escombros das ruínas de um castelo no Japão.

Segundo o ministério do património e atividade cultural, as moedas encontradas na cidade de Como foram transferidas para um laboratório de restauro sediado em Milão, onde serão examinadas.

ZAP // NPR

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Caro Sr. Vasco, boa tarde.
    No tempo dos Romanos, a caminho dos Bancos Suiços?! Estava a brincar, não é? 🙂 🙂 🙂
    Cumprimentos e bom fim de semana!

RESPONDER

Famílias numerosas queixam-se de disparidades no preço da água consumida

A Associação Portuguesa das Famílias Numerosas queixou-se da diferença no preço da água consumida consoante o município onde se vive e o número de pessoas do agregado familiar. Na quarta edição do estudo sobre a água …

Costa condiciona extensão do Brexit para além de 23 de maio à aprovação do acordo

O primeiro-ministro, António Costa, defendeu esta quinta-feira que uma extensão do Brexit para além de 23 de maio implica a ratificação do Acordo de Saída pelo Parlamento britânico ou a realização de eleições europeias no …

Ter avós, tios ou primos com Alzheimer influencia risco de desenvolver a doença

Ter avós, tios ou primos com Alzheimer aumenta a probabilidade de desenvolver a doença, concluiu um estudo recente que avaliou a história familiar de mais de 280 mil pessoas. Na última década, vários estudos indicaram a …

Marcelo Rebelo de Sousa promulgou a nova lei da paridade (mas com alguns parêntesis)

O Presidente da República promulgou a nova Lei da Paridade. A lei estabelece que as listas para a Assembleia da República, para o Parlamento Europeu e para as autarquias locais têm de assegurar a representação …

Cientistas descobrem o que provocou três eras glaciais na Terra

Cientistas estadunidenses calcularam que um evento geológico repetido deu origem às três últimas eras glaciais no nosso planeta, a última das quais ainda mantém o seu gelo nas regiões polares. Segundo a revista Science, a responsável …

A Terra pode guardar um Oumuamua no seu interior

Uma parte da terra que pisamos poderia vir, literalmente, de outras regiões da galáxia - áreas muito distantes do local onde o planeta está localizado e que para chegar até aqui teriam que viajar anos-luz …

Há um planeta mais próximo da Terra do que Vénus

A partir do Sol, a ordem dos primeiros planetas começa com Mercúrio, depois Vénus e depois a Terra. Então, Vénus é o planeta mais próximo do nosso? A resposta é: depende. Uma equipa de cientistas acaba …

O fim das consolas está à vista. Google lança serviço de videojogos na "nuvem"

A Google apresentou o seu novo serviço de jogos na "nuvem", Stadia, na Game Developers Conference (GDC), em São Francisco. O serviço não precisa de nenhuma consola e pode ser jogado em qualquer plataforma. O CEO …

Câmaras escondidas em hotéis filmavam hóspedes sem consentimento

O escândalo foi revelado na Coreia do Sul, onde dois homens foram presos por esconder câmaras em hotéis, que transmitiam as imagens em direto para um site, onde havia quem pagasse dinheiro para ver as …

Mesquita Nunes quer ser feliz (e que haja espaço nos partidos para quem tem vida profissional)

Adolfo Mesquita Nunes defende que "tem de haver espaço nos partidos para quem tem vida profissional". O antigo vice-presidente do CDS/PP apresentou a sua demissão do partido para assumir funções na administração da Galp. "Tem a …