Casa de 600 mil euros pode custar liderança do Podemos a Pablo Iglesias

GUE-NGL / Flickr

Pablo Iglesias, líder do partido espanhol Podemos

O líder do Podemos e a companheira, porta-voz do partido, poderão renunciar aos seus cargos de deputados devido à polémica compra de uma vivenda de 600 mil euros.

Segundo o Diário de Notícias, o líder do Podemos, Pablo Iglesias, está envolvido numa polémica, juntamente com a companheira e porta-voz do partido Irene Montero, devido à compra de uma vivenda de 600 mil euros no norte de Madrid.

Para pôr um ponto final no mal-estar que se originou dentro do partido, o líder de esquerda convocou um referendo. “Consideras que Pablo Iglesias e Irene Montero devem continuar à frente da secretaria-geral e do cargo de porta-voz parlamentar do Podemos?”, é a pergunta à qual devem responder os militantes do Podemos.

Caso ganhe o “não” na consulta interna, os dois renunciam ao cargo de deputados.

“Quando se questiona a credibilidade de alguém, essa pessoa não se pode esconder e precisa de dar a cara. Cabe aos militantes do Podemos decidirem se continuamos a ser dignos de manter as responsabilidades que temos ou se temos que nos demitir”, afirmou Iglesias numa conferência de imprensa, citado pelo DN.

Vários membros do Podemos consideram que comprar um chalé de luxo é uma afronta a tudo o que o partido defende. “O código de ética do Podemos não é uma formalidade. É um compromisso em viver como as pessoas de trabalho para que as possamos representar”, disse José María González, citado pelo Observador.

O casal, cuja relação se tornou pública no ano passado, está à espera de gémeos. Para já, vivem numa casa alugada e para comprar esta nova moradia, que inclui piscina e casa de hóspedes, pediram um empréstimo de 540 mil euros a 30 anos, devendo pagar uma prestação mensal a 1600 euros, escreve o jornal.

Num comunicado conjunto no Facebook, o casal garante que pode pagar a prestação graças ao salário que recebem e indicam que a entrada para a casa, assim como as obras, foram pagas com as poupanças de ambos, sendo que Irene teve ainda de pedir dinheiro emprestado aos pais. Já Iglesias, além do ordenado de deputado, também tem dois programas na televisão e recebe direitos de autor dos livros que escreveu.

A polémica adensou-se porque, em 2012, Iglesias publicou um comentário no Twitter a criticar o atual vice-presidente do Banco Central Europeu, Luis de Guindos, na altura ministro da Economia, por ter comprado uma casa do mesmo valor.

“Entregarias a política económica de um país a alguém que gasta 600 mil euros num apartamento de luxo?”, podia ler-se na rede social do líder do Podemos. Confrontada com esta situação pelos jornalistas no Congresso espanhol, a companheira respondeu que é diferente comprar uma casa para “empreender um projeto familiar” ou para “especular”.

No Facebook, até já foi criado um evento satírico, chamado “Churrasco na mansão do Pablo Iglesias e Irene Montero”, que supostamente acontece a 2 de junho, conta o jornal online.

De acordo com a euronews, o referendo interno começa esta terça-feira, decorre até domingo e os resultados serão conhecidos na próxima segunda-feira.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Que raio é que uma coisa tem a ver com outra ? Uma casa de 600K€ é sinal de infidelidade ao partido ?
    Se tem rendimentos que lhe pague o credito e ainda por cima à espera de 2 filhos qual é o problema ?
    Será que aqueles que levantam este auto também não terão telhados de vidro ? Será mesmo ?
    Isto vai de mal a pior ! Todos tem de viver em barracas para dar o exemplo.

  2. Caros “Pois” e “Pedro”… andais ambos distraídos. Então queiram lá ver que em Espanha consegue alguém pagar apenas 1600 euros por mês e num prazo de 30 anos para um empréstimo de 540 mil euros??? Ser espanhol é que vale a pena, ou então esta notícia tem aqui algo que não bate certo…

  3. parece que o dinheirinho dos camardas da Venezuela anda a ser bem aproveitado…por alguns, os chefes…lol

    esperemos que agora com uma boa casa e presumo que espaçosa possam convidar uns quantos amigos do médio oriente aos quais abriram as portas do país, podendo agora tb abrir a dele.

    artigos recomendados:

    “Pablo Iglesias “encheu os bolsos” com dinheiro da Venezuela e do Irão, acusa jornalista”
    “Venezuela ajudou com €7 milhões à criação do Podemos”
    “Venezuela financiou criação do Podemos: diz ex-ministro de Chávez”

RESPONDER

Afinal comer um ovo por dia é mau outra vez

Afinal, comer um ovo por dia não é assim tão bom para a saúde como estudos recentes sugeriam. O maior consumo de ovos e colesterol pode aumentar o risco de doenças cardíacas e de morte …

Na Colômbia, há um "arco-íris líquido" que é descrito como a 8ª maravilha do mundo

Escondido nos confins da Serra da Macarena, na Colômbia, está o rio Caño Cristales. De dezembro a maio, o curso de água é como outro qualquer, apesar de estar rodeado de um dos ecossistemas mais …

Com uma nova interface neural, a telepatia já é possível

Uma equipa internacional de cientistas deu um passo adiante no desenvolvimento de interfaces neuronais para propor uma interface que envolve a transferência de informação entre as pessoas diretamente. As interfaces cérebro-computador podem melhorar as habilidades individuais …

Bombeiros profissionais ameaçam deixar de prestar serviço voluntário nas corporações

Os bombeiros voluntários das associações humanitárias admitem deixar de prestar serviço voluntário nas corporações, caso a Liga dos Bombeiros Portugueses continue por concluir o acordo coletivo de trabalho, que está em negociação há mais de …

Baleia encontrada morta nas Filipinas com 40 quilos de plástico no estômago

Uma baleia foi encontrada morta na sexta-feira, na costa sudeste das Filipinas, com 40 quilos de plástico no estômago, informou a imprensa local. O cetáceo, uma baleia-bicuda-de-cuvier, apareceu na sexta-feira à beira-mar no município de Mabini, …

Macron convoca reforços após novos confrontos de coletes amarelos

A nova manifestação de "coletes amarelos", no sábado, registou distúrbios violentos na capital francesa. Como resposta, o presidente francês Emmanuel Macron convocou um reforço das forças de segurança. O dia de sábado marcou mais um protesto …

Pedidos de nacionalidade portuguesa aumentaram 50% em dois anos

Nos últimos dois anos, o número de pedidos de nacionalidade portuguesa aumentou cerca de 50%, avança o jornal Público esta segunda-feira. Se em 2016 foram 117.629 os cidadãos estrangeiros que pediram a nacionalidade portuguesa, em 2018 …

Não há democracia na Coreia do Norte? "É uma opinião", diz Jerónimo

Jerónimo de Sousa evitou classificar o regime de Kim Jong-un em termos "de ser ou não ser" uma democracia. A Coreia do Norte é ou não uma democracia? "É uma opinião", respondeu Jerónimo de Sousa. Numa …

Afinal, o esparguete à bolonhesa não existe

Quando se trata de refeições italianas clássicas, a maioria das pessoas pensa em pratos simples como uma pizza Margherita, lasanha e esparguete à bolonhesa. Contudo, segundo Virginio Merola, presidente de Bolonha, em Itália, o esparguete à bolonhesa …

Javalis tomaram o lugar dos coelhos. "Muitos animais estão doentes"

Para já, não há perigo de saúde pública, mas os javalis carregam doenças que podem passar a outros animais. Se antes se matavam mil coelhos, abatem-se agora 10 javalis. Jacinto Amaro, presidente da Fencaça - Federação …