Desvendado o primeiro carro de corrida voador. Chama-se Airspeeder Mk3, é elétrico e pesa 100 kg

A Alauda Aeronautics acaba de revelar a sua mais recente aposta: um carro de corrida voador elétrico em tamanho real e totalmente funcional – o Airspeeder Mk3. 

A empresa australiana Alauda Aeronautics apresentou o seu mais recente carro de corrida voador. O Airspeeder Mk3 é um “veículo elétrico de descolagem e aterragem vertical operado remotamente” (eVTOL) e já está pronto para correr este ano.

Segundo o New Atlas, apesar de ter espaço na sua cabine, o veículo é controlado remotamente. A decisão da startup parece ter sido tomada por motivos de segurança relacionados com os possíveis riscos dos testes iniciais.

Ainda assim, a empresa já confirmou estar a trabalhar num novo modelo capaz de transportar seres humanos, o Airspeeder Mk4.

“A revelação do primeiro carro elétrico voador de corrida é um marco no desabrochar da revolução de mobilidade“, afirmou o fundador da Alauda, Matthew Pearson.

“É a competição que impulsiona o progresso e a nossa competição está a acelerar a chegada de tecnologia que transformará os transportes de passageiros, logística e mesmo mobilidade aérea avançada para aplicações médicas. As primeiras corridas de carros elétricos voadores do mundo terão lugar este ano e serão o desporto automóvel mais entusiasmante e progressivo do planeta”, acrescentou.

O Mk3 atinge os 100 km/h em apenas 2,3 segundos graças ao peso extremamente baixo da sua fuselagem, feita de fibra de carbono, com apenas 100 kg. A bateria potente de 96 kW tem suporte para trocas rápidas em pit-stops, tal como acontece nas corridas de Fórmula 1.

“Por exemplo, para percursos que exigem mais manobras, mas menos velocidade em linha reta, uma bateria mais leve pode ser facilmente selecionada para oferecer mais manobrabilidade ao custo de potência bruta ou resistência”, adianta a empresa.

Sem asas ou apêndices aerodinâmicos, o Mk3 conta com rotores no lugar das rodas, que permitem levantar voo e aterrar verticalmente e acelerar a 120 km/h. Segundo a fabricante, os oito rotores dispostos em X trazem vantagens em matéria de manobrabilidade e estabilidade.

Para adicionar alguma dinâmica visual dramática, estes “pássaros” serão capazes de voar próximos uns dos outros graças à inclusão de sistemas anti-colisão baseados em radar e sensores LiDAR.

As datas das corridas da série Airspeeder Mk3 ainda não foram anunciadas – mas são aguardadas com muita expectativa. Já em relação ao Airspeeder Mk4, a Alauda espera que o veículo seja introduzido em 2022.

Liliana Malainho Liliana Malainho, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

AstraZeneca reduz risco de hospitalização de idosos. Cuba tem nova vacina (e pode envolver 3 doses)

A injeção de uma dose da vacina AstraZeneca/Oxford contra a covid-19 permite reduzir em mais de três quartos o risco de hospitalização de idosos com mais de 80 anos, conclui um estudo britânico. Os resultados, ainda …

Altice abre porta de saída a dois mil trabalhadores

O CCO da Altice Portugal anunciou o arranque, esta quinta-feira, da segunda fase do programa de rescisões voluntárias Pessoa, podendo abranger até cerca de dois mil funcionários. Em entrevista ao Diário de Notícias, João Zúquete da …

Sporting e Rúben Amorim em negociações para a renovação do contrato

O Sporting e o treinador já estão em negociações para a renovação do contrato, que deverá fazer aumentar a cláusula de rescisão dos 20 para os 30 milhões de euros. Faz esta sexta-feira um ano que …

Equipa nomeada para fiscalizar Segredo de Estado só divulgou um relatório em seis anos

O PS admitiu que o Parlamento deve ponderar a utilidade, passados seis anos sobre a sua criação, da Entidade Fiscalizadora do Segredo de Estado. Até hoje, só divulgou publicamente um relatório, o de 2017 O PS …

United pode impedir Bruno Fernandes de vir à Seleção

Klopp já disse que não vai autorizar que jogadores se apresentam à Seleção se tiverem de cumprir quarentena e Solskjaer pondera fazer o mesmo. Bruno Fernandes e Diogo Jota estão em risco. "Não faz sentido perder …

Formar e atrair professores. CNE quer (mais) verbas da “bazuca” para a educação

O Plano de Recuperação e Resiliência tem gerado alguma controvérsia devido ao planeamento dos fundos que o Governo apresentou. Agora, é a vez da CNE pedir mais verbas de modo a formar e atrair mais …

Santos Silva: "Não estamos a discutir um certificado de vacinação na UE"

O ministro dos Negócios Estrangeiros clarificou, esta quarta-feira, que o livre-trânsito digital sobre o qual a Comissão Europeia está a trabalhar "não é um certificado de vacinação no sentido próprio" que descarte a manutenção das …

Cristiano Ronaldo volta a marcar e alcança marco único

Naquele que foi o seu 600.º jogo de campeonato, Cristiano Ronaldo voltou a marcar, alcançando mais um marco único na história do futebol. A Juventus venceu o Spezia, por 3-0, com o internacional português a marcar …

Agência Europeia do Medicamento inicia análise da vacina russa Sputnik V

A Agência Europeia do Medicamento (EMA) anunciou, esta quinta-feira, ter iniciado uma "análise contínua" da vacina russa contra a covid-19, para determinar a sua conformidade com os requisitos da UE em matéria de eficácia, segurança …

Lista do PSD faz estalar o verniz: há candidatos que não o são e autarcas que não foram contactados

O PSD anunciou, esta quarta-feira, uma lista com 100 nomes para concorrerem às eleições autárquicas, mas há autarcas a demarcarem-se da decisão anunciada pela direção. O nome de Paulo Manuel Santos, atual presidente da Câmara de …