Carrinha com 52 migrantes entra em Ceuta após derrubar barreiras fronteiriças

Uma carrinha com 52 migrantes rompeu, esta madrugada, as barreiras fronteiriças entre Marrocos e Espanha para entrar no enclave espanhol de Ceuta, incidente que a Guarda Civil espanhola já está a investigar.

A carrinha lançou-se a toda velocidade contra as barreiras fronteiriças em Tarajal e atravessou a fronteira com 52 migrantes a bordo, todos oriundos da África subsaariana: 34 homens, 16 mulheres e duas crianças — uma de seis anos e outra de cinco meses.

Segundo o semanário Expresso, após o derrube das barreiras de segurança, alguns ocupantes da carrinha fugiram, enquanto outros se deixaram ficar na zona da fronteira, sendo que quatro apresentavam ferimentos ligeiros.

Os migrantes subsaarianos foram detidos mais tarde pela polícia em Ceuta, mas ainda não se sabe ao certo quais serão as consequências para os envolvidos.

Segundo o diretor-geral da Guarda Civil espanhola, Félix Azón, este é um novo evento, pois noutras ocasiões os migrantes usaram automóveis de passageiros para tentar romper as barreiras, mas nunca veículos com capacidade para transportar mais pessoas.

“Vamos investigar como e o porquê de isto acontecer e tentar tomar medidas para que não aconteça novamente”, declarou Azón.

O incidente ocorreu dias antes do início dos trabalhos para remover as espirais de arame farpado duplo das cercas em Ceuta e Melilla, para substituí-las por elementos menos prejudiciais. Durante o processo, a vigilância será reforçada para impedir a entrada irregular de migrantes.

Os migrantes reunidos em Marrocos normalmente tentam escalar as cercas de arame de seis metros que separam Ceuta do país, mas raramente tentam atravessar com veículos.

Félix Azón, que prestou declarações à imprensa depois de um evento organizado pelo Executive Forum, no seu discurso nesta reunião previu que este ano menos da metade dos migrantes chegará por via marítima, em relação ao ano passado, quando chegaram 60 mil em mais de 2.400 embarcações.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Helicóptero do INEM avariou durante missão. Vítima que ia socorrer acabou por morrer

Um helicóptero do Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), localizado em Loulé, teve uma avaria a meio de uma missão de socorro, sendo obrigado a abortar a viagem que visava ajudar uma mulher de 22 …

Águas do Porto alerta para cobranças fraudulentas porta a porta

A empresa municipal Águas do Porto alertou, esta segunda-feira, para uma fraude que está a ser cometida em seu nome com falsos funcionários que tentam fazer cobranças à porta. De acordo com a Águas do Porto, …

Um terço dos universitários de Lisboa já sofreu violência sexual física

Um terço dos estudantes universitários da área metropolitana de Lisboa já foi vítima de violência sexual física pelo menos uma vez, mas são muitos poucos os que denunciam as agressões, raramente o fazendo à …

OE2020: Esquerda vai negociar "até ao último minuto". PSD não comenta eventual traição madeirense

O Governo apresentou, nesta terça-feira, na Assembleia da República, as linhas gerais da proposta de Orçamento do Estado para 2020 (OE2020) aos partidos com representação parlamentar. Dos encontros, não saiu fumo branco, com o Bloco …

Turismo fez subir o custo de vida dos portugueses. Salários continuam estagnados

O crescimento do turismo em Portugal fez crescer o custo de vida dos portugueses, especialmente nos que vivem nas grandes cidades, apesar de estes continuarem com os salários estagnados, escreve o Jornal de Notícias. Entre 2013 …

Contrato público. Amazon apresenta queixa em tribunal contra Trump

A Amazon revela que os "insistentes ataques públicos e de bastidores" de Donald Trump contra Jeff Bezos causaram "pressão" que levou à perda de contrato público com o Departamento de Defesa.  A Amazon apresentou uma queixa …

Empurrões, insultos e (talvez) um murro: Sérgio Conceição e Pedro Ribeiro perderam as estribeiras no túnel do Jamor

Os treinadores de FC Porto e Belenenses, Sérgio Conceição e Pedro Ribeiro, desentenderam-se no túnel de acesso ao relvado do Estádio Nacional, ao intervalo do jogo em que as duas equipas empataram a uma bola. …

Acordo entre Rússia e Ucrânia para cessar-fogo até ao final do ano

O Presidente da Rússia, Vladimir Putin, e o seu homólogo ucraniano, Volodymyr Zelensky, chegaram na segunda-feira à noite a um acordo de cessar-fogo que deverá ter efeito até ao final do ano de 2019. "As partes …

Nova Zelândia abre investigação. Erupção do Whakaari já fez pelo menos 13 mortos

Pelo menos cinco pessoas morreram e oito continuam desaparecidas, na sequência da erupção do vulcão Whakaari, na Nova Zelândia. As autoridades afirmam que há poucas chances de terem sobrevivido. "Diria com forte convicção de que ninguém …

Falhas no acesso a remédios não são exclusivo do SNS. No resto da Europa também há, diz ministra

A ministra da Saúde afirmou que as falhas no acesso a medicamentos não são "um exclusivo nacional", estando em discussão entre os Estados-membros uma "estratégia global para o acesso ao medicamento". A ministra da Saúde afirmou …