/

Encontrada caixa negra do avião que caiu no Paquistão

Shanzaib Akber / EPA

A caixa negra do voo PK8303 da companhia aérea Pakistan International Airlines que caiu na sexta-feira numa zona residencial de Karachi foi encontrada este sábado. 

“A caixa negra foi encontrada, vamos entregá-la para ser investigada”, disse o porta-voz da companhia de aviação, Abdullah Khan, citado pelo jornal Público. Foi encontrado o registo de dados do voo e a gravação das conversas dos pilotos no cockpit.

Um porta-voz da Pakistan International Airlines adiantou, na sexta-feira, que o piloto deu conta da existência de problemas técnicos na sua última comunicação.

O piloto relatou a perda de dois motores e emitiu um pedido de ajuda. Numa gravação, é possível ouvir o piloto a avisar a torre de controlo: “Perdemos os motores”. “Mayday, Mayday” – palavra-código para emergência –  foi a última comunicação ouvida pela torre de controlo.

O aparelho terá tido problemas perto da da pista do Aeroporto Internacional de Jinnah por não ter sido possível acionar as rodas do trem de aterragem.

A aeronave transportava 98 pessoas no total e pelo menos 76 mortes já foram confirmadas. Porém, este número deverá aumentar à medida que as equipas de resgate percorrem os escombros. Várias dezenas de corpos foram encaminhados para os hospitais de Jinnah e Civic.

A bordo do voo PK-8303 seguiam 99 pessoas: 51 homens, 31 mulheres e nove crianças.

Um dos sobreviventes será o presidente do Banco do Punjab, Zafar Masud. Outro dos sobreviventes é Muhammad Zubair, também passageiro.

O acidente ocorre apenas alguns dias após o país começar a permitir a retomada dos voos comerciais após o bloqueio devido à pandemia de coronavírus.

  ZAP //

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.