Reveladas imagens inéditas de bunker secreto do Reino Unido na 2.ª Guerra Mundial

Investigadores encontraram um dos bunkers subterrâneos secretos utilizados pelo Reino Unido durante a 2.ª Guerra Mundial e revelaram imagens inéditas.

Há 80 anos, quando os militares da Alemanha nazi se reuniram ao longo da costa francesa, pequenos grupos de assassinos britânicos altamente treinados despediram-se das suas famílias e seguiram para debaixo de terra, para aquela que poderia ter sido a sua última e letal missão.

Conhecidos como “scallywags”, estes indivíduos – muitos deles encarregados de caça, proprietários de terras e caçadores com um conhecimento íntimo das áreas rurais em que operariam – eram membros das “Unidades Auxiliares” clandestinas da Segunda Guerra Mundial da Grã-Bretanha.

A sua missão, no caso de uma invasão nazi do Reino Unido, era operar atrás das linhas inimigas – e matar, perseguir e sabotar.

Em 1940, uma invasão alemã – apelidada de Unternehmen Seelöwe (Operação Leão Marinho) – era uma ameaça muito real. O plano era que as forças armadas do Reino Unido protegessem Londres e os centros industriais da Grã-Bretanha por trás da chamada Linha do Quartel-General.

Contudo, grandes extensões do leste da Inglaterra teriam sido essencialmente sacrificadas aos invasores, deixando apenas os bravos voluntários das Unidades Auxiliares para impedir o avanço alemão.

Num artigo recentemente publicado, em setembro, na revista científica Journal of Conflict Archaeology, os autores salientam que a história dessas pessoas há muito permanece um segredo bem guardado. E apesar de enfrentarem uma expectativa média de vida de apenas 12 dias, os “scallywags” não recebiam medalhas ou reconhecimento oficial.

Na verdade, o único conforto que eles teriam encontrado nos seus bunkers subterrâneos escondidos seria sua ração de rum e a sensação de que estavam a desempenhar um papel vital como a última linha de defesa da Grã-Bretanha.

Relatos em primeira mão sobre esses indivíduos extraordinários morreram com o último membro do grupo. Mas o seu legado vive, escondido dentro dos bunkers subterrâneos de onde eles teriam conduzido o seu trabalho letal. E embora quase todos esses esconderijos remotos permaneçam perdidos nas terras rurais britânicas, recentemente investigadores descobriram um em Suffolk – repleto de alguns dos preciosos artefactos que os seus ocupantes deixaram para trás.

O único acesso era por um pequeno buraco no chão da floresta. Este “bunker Scallywag” oferece um vislumbre tentador de uma era perdida, quando apenas um punhado de indivíduos era potencialmente tudo o que se interpunha no caminho de uma invasão nazi bem-sucedida à Grã-Bretanha.

PARTILHAR

RESPONDER

Ministro da Educação promete mais testes no regresso às aulas. Professores alertam para incumprimento das regras de segurança

O regresso dos alunos do secundário é marcado pela testagem de 300 mil estudantes, professores e funcionários, depois da vacinação de quase 200 mil trabalhadores escolares num "fim de semana para ganhar coragem", anunciou esta …

Propostas anticorrupção serão aprovadas “muito em breve”

O Governo garante que já não falta muito para entregar suas propostas no parlamento, depois de Marcelo Rebelo de Sousa vincar que espera que seja em breve que os partidos cumpram as promessas de fazer …

Estalou o verniz no PS/Porto. Autarca de Paços de Ferreira recusa recandidatar-se com "este PS concelhio"

Estalou o verniz no PS/Porto. O presidente da Câmara Municipal de Paços de Ferreira, Humberto Brito, declarou que não aceitará recandidatar-se ao cargo pela terceira vez “com este PS” concelhio. De acordo com o jornal Público, …

Pode ter sido descoberto um "elo perdido" na história do alfabeto

Uma inscrição alfabética num fragmento de um jarro encontrado em Laquis (Tel Lachish), em Israel, com cerca de 3450 anos, poderá ser um "elo perdido" na história do alfabeto. "Datada do século XV A.C., esta inscrição …

Morreu Walter Mondale, ex-vice-presidente de Jimmy Carter

O ex-vice-presidente dos Estados Unidos Walter Mondale, ícone do Partido Democrata, morreu nesta segunda-feira aos 93 anos, informou a imprensa norte-americana. A imprensa, que cita um comunicado familiar, não especifica as causas da morte do ex-vice-presidente …

Vão nascer mais duas praias fluviais no Alqueva este verão

A albufeira do Alqueva vai “ganhar” duas novas praias fluviais, no próximo verão, situadas nos concelhos de Alandroal e Portel, no distrito de Évora, num investimento global superior a um milhão de euros. O projeto da …

Nova ponte que vai ligar Porto e Gaia custa 21 milhões e terá oito acessos

A obra da nova ponte rodoviária sobre o Douro custará 21 milhões de euros, oito dos quais em acessos, e o projeto de conceção e construção será lançado "muito em breve", disse o autarca …

A tinta mais branca de sempre pode ajudar na luta pelo clima

A tinta mais branca já desenvolvida até agora reflete 98.1% da luz, podendo ser uma boa aliada no combate às alterações climáticas. No ano passado, uma equipa de cientistas desenvolveu uma tinta ultra-branca que atingiu uma …

Dois milhões com primeira dose esta terça-feira. Centros de vacinação precisam de mais 1.700 profissionais

Portugal deve atingir nesta terça-feira a marca dos dois milhões de pessoas vacinadas com a primeira dose de vacina contra a covid-19, adiantou esta segunda-feira a task force responsável pelo plano de vacinação. "Estima-se que, até …

Governo quer renovar contrato do SIRESP por seis meses (mas Altice recusa-se)

O Ministério da Administração Interna vai reunir-se esta terça-feira com a Altice, a quem iria propor uma renegociação e renovação por mais seis meses do contrato que assegura o Sistema Integrado das Redes de Emergência …