Governo britânico estuda isenção de quarentena para vacinados

Andy Rain / EPA

O primeiro-ministro britânico, Boris Johnson, admitiu esta segunda-feira estar a avaliar a possibilidade de isentar de quarentena pessoas totalmente vacinadas contra a covid-19 que cheguem do estrangeiro, mas evitou falar sobre a expansão da “lista verde”. 

Questionado por jornalistas durante uma visita a um laboratório científico em Hertfordshire, no norte de Londres, Johnson disse que é “muito importante” olhar-se “para as oportunidades de todos” ficarem inoculados com duas doses da vacina, nos próximos meses.

No entanto, vincou que a prioridade será proteger o país da entrada de novas variantes do coronavírus.

“Este vai ser, aconteça o que acontecer, um ano difícil para viajar. Haverá problemas, haverá atrasos, porque a prioridade tem de ser manter o país seguro e impedir que o vírus volte”, explicou.

A imprensa britânica tem noticiado, com base em fontes anónimas do Governo, que está a ser estudada a isenção de quarentena a pessoas com as duas doses de imunização contra a covid-19 que cheguem de países na “lista amarela”, como Portugal.

Segundo o Daily Telegraph, o Ministério dos Transportes vai propor isentar adultos vacinados e crianças não vacinadas do isolamento atualmente exigido a britânicos cheguem de destinos de férias populares como Espanha, Itália, França ou Grécia, facilitando férias em família.

Os países na “lista amarela” estão sujeitos a restrições mais apertadas, nomeadamente quarentena de 10 dias à chegada a Inglaterra, e dois testes PCR, no segundo e oitavo dia.

A “lista verde”, atualmente limitada a 11 países e territórios, dispensa de quarentena e testes os viajantes que cheguem a território britânico, embora continuem obrigados a um teste PCR antes do embarque.

Portugal foi o único país da União Europeia (UE) que entrou para esta lista, em 17 de maio, mas foi removido menos de três semanas depois, a 6 de junho.

A “lista vermelha” exige quarentena de 10 dias num hotel designado, além de dois testes PCR, sendo interdito viajar por motivos não essenciais para aqueles países.

Escócia, País de Gales e Irlanda do Norte definem as suas próprias regras, mas têm o mesmo sistema de “semáforo” para viagens internacionais e têm acompanhado Inglaterra nas decisões.

A revisão da composição da “lista verde”, feita a cada três semanas, acontece esta quinta-feira, mas vários ministros têm afastado a hipótese de ser alargada a curto prazo e a imprensa britânica sugere que as novas regras poderão só entrar em vigor no final de julho.

Devido à rápida propagação da variante Delta, o Governo britânico decidiu na semana passada adiar para 19 de julho a quarta etapa do plano de desconfinamento que prevê eliminar a maioria das restrições, nomeadamente em termos de grandes eventos e capacidade de espaços fechados.

O Governo britânico espera que até àquela data todos os adultos tenham recebido pelo menos uma das doses, a vacinação sido alargada a todos os maiores de 18 anos na semana passada.

Desde dezembro foram inoculadas mais de 43 mil pessoas com uma primeira dose de uma vacina contra a covid-19, o que corresponde a 82% da população adulta, e 31.500 pessoas, ou 60% da população adulta, já receberam também a segunda dose.

Número de casos diários continua a crescer

O Reino Unido registou cinco mortes e 10.633 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, de acordo os dados atualizados do Governo britânico.

No domingo tinham sido notificadas seis mortes e 9.284 casos, mas os valores do fim de semana são normalmente mais baixos devido ao atraso no processamento.

Nos últimos sete dias, entre 15 e 21 de junho, a média diária foi de 11 mortes e 9.778 casos, o que corresponde a uma subida de 12,1% no número de mortes e de 31,4% no número de infeções relativamente aos sete dias anteriores.

A média diária de pessoas hospitalizadas foi de 202 nos sete dias entre 09 e 15 de junho, um aumento de 39,6% face aos sete dias anteriores.

Desde dezembro foram inoculadas 43.127.763 pessoas com uma primeira dose de uma vacina contra a covid-19, o que corresponde a 81,9% da população adulta.

Um total de 31.449.915 pessoas, ou 59,7% da população adulta, já receberam também a segunda dose.

Desde o início da pandemia, foram notificados 127.981 óbitos de covid-19 num total de 4.640.507 infeções confirmadas no Reino Unido.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Ministra da Saúde abre a porta à presença de público na Supertaça

A Supertaça, entre Sporting e Sporting de Braga e agendada para sábado, pode vir a ter adeptos nas bancadas, admitiu a ministra da Saúde, esta terça-feira, descrevendo o jogo como um possível "evento-teste". "Em relação ao …

Escolas avançam para a "desmaterialização dos manuais"

"As escolas estão já a avançar para a desmaterialização dos manuais e materiais clássicos da aprendizagem", indicou esta segunda-feira o vice-presidente da Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas (ANDAEP), David Sousa, a …

Marcelo sai do Infarmed "irritantemente otimista". "Onde avança a vacina, o vírus recua"

O Presidente da República elogiou, esta terça-feira, o processo de vacinação, considerando que "é excecional" o ritmo a que tem avançado, e declarou-se "irritantemente otimista", expressão que antes atribuía ao primeiro-ministro. "Eu agora também estou, como …

EUA. Casos de covid-19 podem ter sido subestimados em 60%

O número de casos de covid-19 nos Estados Unidos (EUA) pode ter sido subestimado em até 60%, com as infeções relatadas a representarem "apenas uma fração do número total estimado". Esta é a conclusão de um …

Portugal com mais seis mortes e 2316 novos casos de covid-19

Portugal registou, esta terça-feira, mais seis mortes e 2316 casos de infeção pelo novo coronavírus, segundo o último boletim epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS). De acordo com o último boletim da DGS, dos 2316 novos …

Um quarto dos processos às companhias aéreas por falta de testes à covid já resultou em multas pagas

A Autoridade Nacional da Aviação Civil (ANAC) instaurou, entre 2020 e a semana passada, 539 processos a 40 companhias aéreas por transportarem passageiros para o território nacional sem o respetivo teste negativo à covid-19. Cerca …

Colômbia pede que a Venezuela seja declarada como país promotor do terrorismo

A Colômbia pediu esta segunda-feira aos EUA que declarem a Venezuela como país promotor do terrorismo por alegadamente "proteger" guerrilheiros colombianos do Exército de Libertação Nacional (ELN) e do Grupo Armado Residual (Gaor 33, composto …

Treze meses depois, Coreias voltam a falar ao telefone

As comunicações telefónicas estavam cortadas entre as duas Coreias desde junho de 2020, mas os dois países retomaram os contactos esta terça-feira. As duas Coreias retomaram esta terça-feira a comunicação telefónica 13 meses depois de ter …

Benfica: Kaio Jorge não quer jogar em Portugal (e alínea pode impedir saída)

Santos aceitou proposta vinda da Luz mas o jovem avançado prefere o campeonato italiano. E ainda há uma alínea no contrato que vai ser analisada. O Benfica apresentou uma proposta pela contratação de Kaio Jorge, com …

Quase 70% dos internados em UCI têm menos de 59 anos

Quase 70% dos doentes com covid-19 em unidades de cuidados intensivos (UCI) têm menos de 59 anos, revelou a Ordem dos Médicos, indicando que em enfermaria os doentes abaixo dessa faixa etária são cerca de …