Bolsonaro cometeu crimes contra a humanidade na gestão da pandemia

19

Joedson Alves / EPA

Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil

Jair Bolsonaro, Presidente do Brasil

Os juízes do Tribunal Permanente dos Povos concluíram que o Presidente brasileiro cometeu crimes contra a humanidade e violações dos direitos humanos durante a sua gestão da pandemia da Covid-19.

Os juízes do Tribunal Permanente dos Povos (TPP), entre os quais dois portugueses, concluíram que Jair Bolsonaro cometeu crimes contra a humanidade e violações dos direitos humanos pela sua gestão da pandemia da covid-19.

Desde o início da pandemia no Brasil, morreram cerca de 684.000 pessoas e foram registados 34,5 milhões casos de infetados.

A sentença simbólica após o julgamento público a que o chefe de Estado brasileiro foi sujeito foi lida esta quinta-feira numa audiência na Universidade de São Paulo por membros deste tribunal internacional de opinião, criado em Roma em 1979, e cujas decisões têm um caráter moral mas não jurídico, uma vez que não impõe sanções.

Bolsonaro foi julgado este ano durante a quinquagésima sessão do TPP, em resposta a uma queixa apresentada em maio por várias organizações brasileiras de direitos humanos, como a Comissão Arns e a Articulação dos Povos Indígenas do Brasil.

O júri simbólico do corpo concluiu que o Presidente brasileiro contribuiu diretamente para a morte de um grande número de brasileiros devido às omissões e ações mal orientadas do seu Governo na luta contra a pandemia.

Bolsonaro chegou ao ponto de tratar a covid-19 como uma “resfriado”, atrasou a compra de vacinas, questionou a eficácia dos imunizadores e opôs-se às medidas de distanciamento social recomendadas em todo o mundo.

Bolsonaro negou os erros cometidos na gestão da pandemia, apesar de o Brasil ser um dos países com mais mortes causadas pela covid-19 (mais de 700 mil) e esquivou-se a responder se tinha faltado compaixão por ter imitado pacientes com crises de falta de ar, numa transmissão ao vivo nas redes sociais.

“A solidariedade manifestei-a conversando com o povo nas ruas, visitando as periferias de Brasília, vendo pessoas humildes que foram obrigadas a ficar em casa sem ter um só apoio de governador ou prefeito. E nós demos auxílio emergencial imediatamente”, rebateu.

No entanto, “foi estabelecido que Bolsonaro cometeu dois atos ilegais: uma grave violação dos direitos humanos e um crime contra a humanidade por ter optado por uma política de saúde contrária ao isolamento, prevenção do contágio e vacinação”, de acordo com a sentença lida pelo argentino Eugenio Raúl Zaffaroni, atualmente membro do Tribunal Interamericano dos Direitos do Homem.

O tratamento da pandemia pelo Governo brasileiro, acrescenta a sentença, “causou maliciosamente a morte de dezenas de milhares de pessoas”.

“Não há dúvida de que milhares de vidas foram perdidas como resultado das decisões do Governo liderado por Bolsonaro. Não se pode considerar que esta malícia tenha sido eventual, uma vez que as mortes resultaram da intenção de privilegiar a economia em detrimento da vida humana”, acrescentou a sentença.

O tribunal, contudo, rejeitou a acusação de genocídio contra Bolsonaro, devido a dificuldades em provar que o Presidente pretendia causar as mortes.

A decisão recomenda ainda que os queixosos apresentem uma queixa junto do Tribunal Penal Internacional.

O júri responsável pela condenação foi composto por juristas internacionais de renome como o antigo juiz italiano Luigi Ferrajoli; os argentinos Zaffaroni e Alejandro Macchia; os portugueses Boaventura de Sousa Santos e Luís Moita, o suíço Jean Ziegler e o britânico Vivien Stern.

  ZAP //

19 Comments

    • Os palhaços não criam emprego, não concluem obras, não aumentam a renda social para quem precisa de 80 para 600 reais, não combatem a inflação, não se preocupam em investir nos países comunistas como Cuba, Bolívia, e Venezuela…. os palhaços fazem rir .. como Lula a pedir que se investigue a corrupção .. ele, que foi condenado por corrupção … é só rir …

      • Luís, bem observado!
        De facto, uma palhaça naturalmente não gosta de governantes competente e honestos, optando por defender um Luladrão…., terá o mesmo pensamento?
        Quem deve ser julgado por crimes contra a Humanidade, são os defensores do aborto=matança de Inocentes e Indefesos, bem como os defensores da eutanazi a=matança de Seres Humanos “incómodos”.

  1. hahahahaha, isso é piada de português né?
    Tribunal Permanente dos Povos, formado por pessoas sem legitimidade, apenas para dar opinião.
    O Tribunal Permanente dos Povos é um tribunal de opinião internacional que julga crimes cometidos contra povos e minorias. Foi criado em 1979 por iniciativa do senador italiano Lelio Basso, após a experiência com o Tribunal Russell, que julgou os crimes da Guerra do Vietnã e das ditaduras latino-americanas.

  2. A esquerda esta ficando louca, até ai em Portugal que já começaram a aparecer os casos de corrupção e com toda certetza a Esquerda está envolvida, é tudo desespero de um governo Brasileiro que está dando certo, um Pais que esta em pleno desenvolvimento com a economia crescendo e o desemprego caidno, isto tudo é obra de um Governo que acabou com a corrupção, secou a teta da imprensa e dos artistas, e esta mostrando o caminho que o mundo deve seguir, Espero que BOLSONARO continue na direção de meu amado BRASIL.

    • Na atualidade, não há governantes imbuído em criar empregos, com a finalidade de desenvolvimento de qualquer governo ou Pais, a mitigação dos problemas mundiais já foram discutidas, restando dizer que não
      existe direita ou esquerda, a corrupção estar instalada nos governos a vários anos não há formula especial que possa desinstala-la, o povo não sabe distinguir quem pode representa-lo falta educação e cultura o essencial para o reconhecimento do seu voto, lamento mas não há remédio para as massas.

  3. Que “sentença” tão oportuna…
    O Brasil tem 217 milhões de habitantes e 684000 mortes COVID, em Portugal houve até à data 24.859 mortes Covid, como o rácio de população é 217 milhões/10,09 M proporcionalmente o Brasil compara com 31.813 mortos, não me parece uma diferença abismal. O s EUA proporcionalmente à população tiveram exatamente o mesmo nº de mortos que o Brasil. Se quisermos comparar Portugal com outros países da UE há vários com rácio de mortes abaixo do nosso país (França, Alemanha, Holanda, Dinamarca, Noruega, Suécia, Finlândia, Áustria, Suiça, etc).

  4. Certo. Quando é que vão julgar todos os outros países onde “não há dúvida de que milhares de vidas foram perdidas como resultado das decisões do Governo”? Ah, sim… Só pra lembrar que em TODOS os países “não há dúvida de que milhares de vidas foram perdidas como resultado das decisões do Governo”.

    • Na Rússia e China não, porque não há números oficiais .. os países democráticos têm instituições que contabilizam os números e os tornam públicos. na Rússia e China nada se sabe . portanto, para os Boaventuras do TPP; nada se sabendo é porque tudo corre sobre rodas …

  5. Em ano eleitoral vale tudo. O Brasil neste momento cresce acima do esperado, tem deflação e a economia está em franca expansão. Durante a pandemia o supremo tribunal atribuiu o poder aos autarcas e governadores. O Bolsonaro ficou como financiador e financiou tudo e mais alguma coisa. Discordo plenamente desta manifestação meramente política da esquerda corrupta que quer o poder a qualquer custo.

    • Corruptos são os Bolsonaristas que são aliados das milícias e de bandidos. O Presidente e família é uma quadrilha de ladrões, compraram mais de uma centenas de casas em Dinheiro Vivo, uma maneira de branquear dinheiro sujo e fugir aos Impostos. E então as rachadinhas que o Queirós distribuía aos filhos do presidente e até à primeira Dama, que é conhecia por Micheque (rachadinhas, esquema de assessores contratados pelos Deputados e pagos pelo Estado que não trabalham e repassam o salário ao Deputado. Até Bolsonaro durante os 20 anos que foi deputado fazia isso.) E a família da primeira Dama? Uma quadrilha de bandidos, avó presa por tráfico de droga, tio preso por estupro, mãe presa por falsidade de identidade.

      • O problema desse argumento é a falta de provas e julgamento. É muito simples acusar sem provas, com base em boatos. Mas os factos são os factos: o Lula liderou o maior esquema de corrupção da história do Brasil que levou à recessão, pobreza e manteve 50% da população sem sequer ter saneamento básico. O Bolsonaro mesmo com pandemia, guerra, etc está a deixar o país muito bem, com projetos sociais e até um marco para o saneamento. No dia em que se provar a culpabilidade dele serei o primeiro a crítica-lo. Por agora só o Lula é objetivamente culpado de corrupção e solto num detalhe técnico…. Essa é a realidade

    • Esse e não só …. esta gente quer lá meter o corrupto, condenado e nunca absolvido.. esta imprensa nada publica sobre a realidade do estado de Lula .. ele foi condenado e nunca absolvido.. saiu fora porque no STF, os comunistas que o PT nomeou ao longo de 16 anos, inventaram uma irregularidade formal no seu julgamento, com a Vara onde ele deveria ter sido julgado e não foi…

  6. O Tribunal Permanente dos Povos é um tribunal de opinião internacional que julga crimes cometidos contra povos e minorias. Foi criado em 1979 por iniciativa do senador italiano Lelio Basso, após a experiência com o Tribunal Russell, que julgou os crimes da Guerra do Vietnã e das ditaduras latino-americanas.
    TRIBUNAL DE OPINIÃO não preciso dizer mais nada, e depois é só dar uma pesquisada no google, a única menção do referido tribunal é neste fato envolvendo o Bolsonaro.
    Sequer possui um site o tal tribunal.

  7. Este supposto tribunal é tendencioso. É integrado por membros de uma facção política e estáa serviço da esquerda. Portanto, suas opiniões são suspeitas. Trata-se de mais um ato sem sentido de apoio às narrativas dasesquerdas maledicentes. É claro queexiste a direita responsável, quenão se presta a esse tipo de manobras.

Deixe o seu comentário

Your email address will not be published.