Bloco de Esquerda quer aumento gradual das pensões mínimas até ao salário mínimo

Esquerda.Net / Flickr

A porta-voz do Bloco de Esquerda, Catarina Martins

A líder do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, propôs esta segunda-feira o aumento das pensões mais baixas até ao valor do salário mínimo e defendeu que o rendimento dos filhos não deve contar na atribuição do complemento solidário para idosos.

“O grande compromisso deste país tem de ser subir as pensões mais baixas e tem de ser também o de permitir que aquelas pessoas que vivem em situação de pobreza e que precisam do complemento solidário para idosos possam ter acesso a esse complemento e que o rendimento dos filhos não conte para o acesso ao complemento solidário para idosos”, disse.

Catarina Martins falava no Fundão, distrito de Castelo Branco, durante uma arruada de pré-campanha que teve lugar no mercado semanal local.

Lembrando que estava numa das zonas mais envelhecidas do país, Catarina Martins reiterou que é preciso dar resposta aos mais velhos e apontou o dedo ao facto de o rendimento dos filhos estar a ser tido em linha de conta na hora de atribuir o rendimento solidário para idosos e considerou que isso é negar apoio aos que mais precisam e prejudicar toda a família.

Depois de recordar que, durante anos imperou a ideia de que “em Portugal o único caminho era cortar nas pensões”, Catarina Martins destacou os resultados que o BE conseguiu alcançar durante a última legislatura, mas admitiu que ainda preciso ir mais longe.

Nós provámos que era possível fazer diferente. As pensões foram descongeladas e as pensões mais baixas tiveram mesmo aumentos extraordinários, mas não chega. Quem descontou 30 anos, 40 anos e tem pensões ainda abaixo de 300 ou de 300 e poucos euros como é que chega ao fim do mês?”, perguntou. Segundo apontou, em alternativa, é preciso fazer um “trabalho determinado” para que as pensões mínimas contributivas cheguem ao salário mínimo nacional.

“Isso é possível. O BE já provou que é possível ir aumentado as pensões”, disse, explicando que o recente aumento extraordinário das pensões tem um custo inferior ao valor que foi possível arrecadar com a criação do adicional ao património imobiliário de luxo, o denominado “Imposto Mortágua”.

“Podemos perfeitamente pedir um pouco mais de contributo a quem tem fortunas para fazer justiça a quem trabalhou toda uma vida e ter pensões dignas do nosso país”, acrescentou.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Um "palhaço" que vai apunhalar os iranianos nas costas. Líder supremo do Irão arrasa Trump

O líder supremo do Irão classificou esta sexta-feira o Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, como "um palhaço" que finge querer ajudar os iranianos, mas vai atacá-los pelas costas com "um punhal envenenado". As declarações do …

"Lava que se farta". Justiça dá razão a Ana Gomes no processo movido por Isabel dos Santos

A ex-eurodeputada Ana Gomes venceu um dos processos que foi movido contra ela por Isabel dos Santos. Em causa estão publicações no Twitter, onde a diplomata acusava a empresária angolana de estar a usar Portugal …

Secretário da Cultura brasileiro vai ser demitido depois de se inspirar em discurso nazi de Goebbels

Roberto Alvim, secretário da Cultura brasileiro, fez um discurso esta quinta-feira copiando um discurso muito conhecido do ministro da propaganda de Adolf Hitler, Joseph Goebbels. O secretário da Cultura do Brasil, Roberto Alvim, divulgou um vídeo …

Presidente da Guatemala anuncia corte de relações com Venezuela

O novo Presidente da Guatemala, Alejandro Giammattei, anunciou na quinta-feira que ordenou o corte de relações com a Venezuela e o encerramento da embaixada neste país. Alejandro Giammattei, médico e ex-diretor do Sistema Penitenciário da Guatemala, …

Bolsonaro vai manter secretário acusado de irregularidades no Governo

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, defendeu hoje o titular da Secretaria Especial da Comunicação Social (Secom, órgão da Presidência), Fabio Wajngarten, acusado de alegadas irregularidades em contratos, garantindo que o manterá no cargo. “Pelo que eu …

FC Porto empresta Waris ao Estrasburgo com opção de compra obrigatória

O avançado ganês foi emprestado pelo FC Porto ao Estrasburgo até ao final da temporada, num negócio que inclui uma cláusula de opção de compra obrigatória. No final do empréstimo, o Estrasburgo fica obrigado a contratar …

Miguel Guimarães reeleito bastonário da Ordem dos Médicos

O bastonário da Ordem dos Médicos, Miguel Guimarães, foi eleito esta quinta-feira para um segundo mandato, com 93% dos votos. De acordo com os resultados provisórios avançados pela Ordem, estando contados 16.723 votos, Miguel Guimarães foi …

Governante sugere "chazinhos e bolos" para acabar com agressões nas salas de espera dos hospitais

"Salas de espera com bom aspecto, com televisão, revistas" e com "chazinhos e bolos" podem ajudar a reduzir o "clima de tensão" que se vive em alguns hospitais, contribuindo para acabar com as agressões a …

Detidos cinco suspeitos da morte de jovem cabo-verdiano em Bragança

A Polícia Judiciária anunciou, esta sexta-feira, que foram detidos cinco homens, suspeitos de estarem envolvidos na morte do estudante cabo-verdiano, em Bragança. A Polícia Judiciária (PJ) anunciou, em comunicado, que procedeu, esta quinta-feira, a "buscas domiciliárias, …

Cláudio Monteiro renuncia a cargo de juiz do Tribunal Constitucional

O juiz renunciou ao mandato do Tribunal Constitucional por ter sido, entretanto, nomeado Juiz Conselheiro do Supremo Tribunal. O juiz Cláudio Monteiro renunciou, esta quinta-feira, ao mandato de juiz do Tribunal Constitucional (TC), de acordo com …