Há centenas de bicos de aves em vias de extinção à venda no Facebook

Centenas de partes da ave calau-de-capacete — espécie ameaçada de extinção —, apareceram à venda em grupos tailandeses no Facebook.

O Calau-de-capacete Rhinoplax vigil habita a floresta tropical da Indonésia e da Península Malaia. É um pássaro grande e com um bico em forma de capacete nas cores amarela, laranja e vermelha. O seu bico é vendido como o marfim de elefante e serve para fins ornamentais.

O pássaro está protegido nos cinco países que habita, mas os caçadores furtivos continuam a matá-lo e a vendê-lo. Uma pesquisa de seis meses realizada pela TRAFFIC, Rede de Monitorização do Comércio de Animais Selvagens, encontrou 40 grupos no Facebook onde o calau-de-capacete e outras espécies estavam à venda.

A pesquisa da TRAFFIC descobriu pelo menos 236 posts na rede social, que ofereciam 546 partes de calau, incluindo 94 cabeças inteiras, além de joias e taxidermia.

As publicações eram sobretudo do calau-de-capacete, mas algumas partes expostas eram ainda de outras espécies de calau, como o calau-de-bico. Alguns vendedores eram de países em que a espécie nem sequer existe, o que significa que pelo menos alguns traficaram peças através da fronteira.

Bernard DUPONT / flickr

Trabalho de decoração no bico de um calau-de-capacete.

Segundo um comunicado de imprensa do Facebook, a empresa emitiu uma política que proíbe o comércio de animais selvagens, na plataforma de negócios, que não são verificados.

Um porta-voz da empresa acrescentou ainda que “o Facebook não permite a venda ou o comércio de espécies ameaçadas ou das suas partes” e que removem esse conteúdo assim que se tiver conhecimento, avança a Gizmodo.

“Somos membros da Aliança Global do Fundo Mundial para a Vida Selvagem e estamos comprometidos a trabalhar com a TRAFFIC para interromper a venda de animais ameaçados de extinção”, disse o porta-voz.

Desde então, 35 dos 40 grupos da pesquisa da TRAFFIC deixaram de estar ativos, embora as publicações nos restantes grupos continuem a crescer. A TRAFFIC observou ainda que os vendedores, por norma, voltam depois de um período de inatividade ou mudam para locais ocultos na Internet para vender os seus produtos.

Os cascos do Rhinoplax vigil fazem parte de uma questão maior do que o comércio ilegal de animais selvagens na Internet. Um relatório da TRAFFIC do ano passado encontrou 1521 animais vivos à venda em 12 páginas do Facebook na língua tailandesa.

Para diminuir o número de posts que anunciam a venda ilegal de animais selvagens, a TRAFFIC sugere que se denuncie às autoridades e ao Facebook. Contudo, o estudo revela que a proteção desta espécie exige mais cooperação entre os países em que o calau-de-capacete habita, para além de mais controlo de conteúdo online.

DR, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Não ficaria surpreendido com um regresso de Ronaldo ao Real Madrid"

O internacional português José Fonte revelou que não ficaria surpreendido com um eventual regresso de Cristiano Ronaldo ao Real Madrid. "Sei que o [Cristiano Ronaldo] ama Madrid, isso é certo. É claro que adora o …

Robôs substituem estudantes em cerimónia de graduação no Japão

Impedidos de estarem na sua cerimónia de graduação por causa do novo coronavírus, estudantes japoneses marcaram presença com a ajuda de robôs. Com as universidades fechadas devido à pandemia de covid-19, muitos foram os estudantes universitários …

Governo flexibiliza prescrição eletrónica de medicamentos

Esta quinta-feira, foi publicado em Diário da República o decreto-lei que cria o regime excecional de prescrição eletrónica de medicamentos durante o estado de emergência. O Governo criou um regime excecional de prescrição eletrónica de …

Médicos imigrantes impedidos de ajudar a combater o coronavírus nos EUA

Devido às regras dos vistos, muitos médicos imigrantes estão a ser proibidos de ajudar a combater a pandemia de covid-19 fora do hospital em que trabalham. Os Estados Unidos continuam a sentir em força as consequências …

Espanha insiste em emissão conjunta de dívida europeia "a médio prazo"

A ministra da Economia espanhola diz que o acordo alcançado pelo Eurogrupo "fazia falta", mas insiste que haja emissão conjunta de dívida europeia "a médio prazo". O Parlamento espanhol aprovou, entretanto, a renovação do estado …

Hyundai apresenta conceito de novo elétrico conduzido com joysticks

A Hyundai apresentou o conceito para um novo veículo, chamado Prophecy. O carro elétrico não é guiado pelo tradicional volante, mas sim por dois joysticks. As feiras automóveis estão todas interrompidas devido à pandemia de covid-19, …

Hospital da Cruz Vermelha excluído da rede de combate à pandemia

O Hospital da Cruz Vermelha não vai integrar a "rede covid", criada em resposta à pandemia do novo coronavírus, anunciou esta quinta-feira o executivo, realçando que esta decisão é tomada porque, face à situação atual, …

Coronavírus. Luvas de látex são perigosas quando não utilizadas corretamente

Quase como acontece com as máscaras, caso não sejam utilizadas corretamente, as luvas descartáveis de látex podem ser perigosas, ajudando a disseminar mais facilmente o vírus. A pandemia de covid-19 despertou grande interesse de como as …

Bloco de Esquerda "não vai aceitar austeridade" no pós-pandemia

A coordenadora nacional do Bloco de Esquerda diz que "não vai aceitar austeridade" em 2021, após a pandemia da covid-19, e garantiu que, pelo seu partido, "não faltará maioria" para ajudar Portugal a sair de …

Em Canonica d'Adda, homens e mulheres têm dias diferentes para ir às compras

A presidente da câmara de uma pequena cidade da Lombardia, Canonica d'Adda, em Itália, decidiu que homens e mulheres terão dias diferentes para fazer compras, visando limitar a multidão nas lojas e lutar contra a …