Há centenas de bicos de aves em vias de extinção à venda no Facebook

Centenas de partes da ave calau-de-capacete — espécie ameaçada de extinção —, apareceram à venda em grupos tailandeses no Facebook.

O Calau-de-capacete Rhinoplax vigil habita a floresta tropical da Indonésia e da Península Malaia. É um pássaro grande e com um bico em forma de capacete nas cores amarela, laranja e vermelha. O seu bico é vendido como o marfim de elefante e serve para fins ornamentais.

O pássaro está protegido nos cinco países que habita, mas os caçadores furtivos continuam a matá-lo e a vendê-lo. Uma pesquisa de seis meses realizada pela TRAFFIC, Rede de Monitorização do Comércio de Animais Selvagens, encontrou 40 grupos no Facebook onde o calau-de-capacete e outras espécies estavam à venda.

A pesquisa da TRAFFIC descobriu pelo menos 236 posts na rede social, que ofereciam 546 partes de calau, incluindo 94 cabeças inteiras, além de joias e taxidermia.

As publicações eram sobretudo do calau-de-capacete, mas algumas partes expostas eram ainda de outras espécies de calau, como o calau-de-bico. Alguns vendedores eram de países em que a espécie nem sequer existe, o que significa que pelo menos alguns traficaram peças através da fronteira.

Bernard DUPONT / flickr

Trabalho de decoração no bico de um calau-de-capacete.

Segundo um comunicado de imprensa do Facebook, a empresa emitiu uma política que proíbe o comércio de animais selvagens, na plataforma de negócios, que não são verificados.

Um porta-voz da empresa acrescentou ainda que “o Facebook não permite a venda ou o comércio de espécies ameaçadas ou das suas partes” e que removem esse conteúdo assim que se tiver conhecimento, avança a Gizmodo.

“Somos membros da Aliança Global do Fundo Mundial para a Vida Selvagem e estamos comprometidos a trabalhar com a TRAFFIC para interromper a venda de animais ameaçados de extinção”, disse o porta-voz.

Desde então, 35 dos 40 grupos da pesquisa da TRAFFIC deixaram de estar ativos, embora as publicações nos restantes grupos continuem a crescer. A TRAFFIC observou ainda que os vendedores, por norma, voltam depois de um período de inatividade ou mudam para locais ocultos na Internet para vender os seus produtos.

Os cascos do Rhinoplax vigil fazem parte de uma questão maior do que o comércio ilegal de animais selvagens na Internet. Um relatório da TRAFFIC do ano passado encontrou 1521 animais vivos à venda em 12 páginas do Facebook na língua tailandesa.

Para diminuir o número de posts que anunciam a venda ilegal de animais selvagens, a TRAFFIC sugere que se denuncie às autoridades e ao Facebook. Contudo, o estudo revela que a proteção desta espécie exige mais cooperação entre os países em que o calau-de-capacete habita, para além de mais controlo de conteúdo online.

Avatar DR, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Abel Ferreira leva Palmeiras à conquista da Taça do Brasil

O Palmeiras, treinado pelo português Abel Ferreira, conquistou a Taça do Brasil de futebol, ao vencer por 2-0 na receção ao Grêmio, em jogo da segunda mão da final. Depois do triunfo por 1-0 no confronto …

Myanmar: Exército dispara munições reais contra manifestantes

O exército birmanês disparou este domingo contra vários manifestantes com munições reais em Bagan, a cidade histórica na área central de Myanmar, causando um ferido leve, segundo os organizadores do protesto. Milhares de birmaneses voltaram às …

Cientistas criam um "relógio" que mede a idade biológica

Dois cientistas do CECAD Cluster of Excellence in Aging Research desenvolveram um método que pode determinar a idade biológica de um organismo com uma precisão sem precedentes. Todos conhecemos a idade cronológica - a nossa idade …

"Das palavras aos atos". Marcelo com mais de 60% de mulheres na sua equipa no segundo mandato

O Presidente da República considerou este domingo que os passos dados para salvaguardar a igualdade de género em Portugal não são ainda suficientes e afirmou que quis passar "das palavras aos atos" com mais mulheres …

Governo dá 19,8 milhões às escolas para testes rápidos. Ensino privado também quer

O Conselho de Ministros aprovou, este domingo, uma resolução que permite às escolas e ao setor solidário efetuar despesa na realização de testes rápidos de antigénio à covid-19, num montante global de 19,8 milhões de …

Afinal, abandonar Montijo não obriga a indemnizar ANA (e há quem defenda opção Beja)

A alteração do local do novo aeroporto na sequência da avaliação ambiental estratégica não obriga ao pagamento de qualquer indemnização à ANA. De acordo com o esclarecimento do Ministério das Infraestruturas, uma eventual alteração do local …

Descoberta nova relação entre a biodiversidade dos animais e das florestas

Uma análise ao registo de imagens de 15 reservas de vida selvagem em florestas tropicais revelou uma relação até então desconhecida entre a biodiversidade de vários mamíferos e as florestas em que vivem. As florestas tropicais …

Pelo menos 17 mortos e 400 feridos em explosões na Guiné Equatorial

Pelo menos 17 pessoas morreram e outras 400 ficaram feridas após várias explosões registadas, este domingo, num quartel militar na cidade de Bata, na Guiné Equatorial, informaram as autoridades. De acordo com dados do Ministério da …

Marques Mendes antecipa desconfinamento a 15 de março. Creches e 1º ciclo são os primeiros a abrir

No seu habitual espaço de comentário na SIC, Luís Marques Mendes revelou, este domingo, que as creches, pré-escolar e 1º ciclo deverão abrir já a 15 de março. Segundo o comentador, o plano que vai ser …

Olivier Dassault, deputado bilionário francês, morre em acidente de helicóptero

O deputado francês Olivier Dassault, neto do fundador da Dassault Aviation, morreu este domingo, aos 69 anos, num acidente de helicóptero, no nordeste de França, avança a Agência France-Press (AFP). O acidente aconteceu este domingo perto …