Benfica vs Belenenses | A noite perfeita de Jonas

O Benfica não quis ficar atrás do rival Sporting e também goleou por 5-0 na recepção ao Belenenses.

Uma exibição de grande nível dos campeões nacionais a nível colectivo, abrilhantada por uma prestação de encher o olho de um dos intervenientes da partida: Jonas.

O brasileiro apontou um “hat-trick” e ainda fez uma assistência, num jogo em que, pela primeira vez, um jogador atingiu um GoalPoint Rating de 10.0.

O Jogo explicado em Números

  • Entrada de rompante do Benfica, que chegou ao 1-0 logo aos dois minutos. Pizzi bateu um livre descaído para a direita e Jonas surgiu na grande área a cabecear para o golo. Foi o segundo tento do brasileiro em três jornadas da presente Liga NOS.
  • Golo madrugador que, de certa forma, condicionou o jogo. O Benfica como que abrandou cedo, apesar de ter chegado aos dez minutos com 65% de posse de bola, dois remates, ambos enquadrados, 62% de duelos ganhos. O Belenenses destacava-se nos cantos: dois.
  • Os homens do Restelo foram, aos poucos, tendo mais bola, embora ficasse a ideia de que as “águias” esperavam pelo seu adversário para apostarem nas transições. Por volta dos 25 minutos o Belenenses tinham já 41% de posse, dois remates, um enquadrado, mas sem criar perigo.
  • O 2-0 surgiu aos 28 minutos, numa avalanche ofensiva que teve, em catadupa, quatro remates. No último, o sétimo do Benfica na partida, Salvio colocou a bola junto ao poste esquerdo de Muriel, para um grande golo.
  • O 3-0, logo a seguir, aos 33 minutos, foi da autoria de Seferovic, que marcou o seu golinho da ordem num lance típico do suíço. Fugiu à marcação após passe em profundidade de Jonas, isolou-se e atirou a contar. Terceiro tento em três jogos para Seferovic.
  • Aos 42 minutos um dos momentos da noite. Jonas recuperou uma bola a 50 metros da baliza e tentou o chapéu a Muriel. A bola, caprichosamente, acertou no poste.
  • Bom jogo do Benfica na primeira parte, muito objectivo nas transições e com três golos em dez remates, cinco deles enquadrados. Em termos de posse os “encarnados” chegaram ao descanso com 59%, mais 84% de eficácia de passe e a curiosidade de registarem 12 faltas contra apenas quatro do Belenenses.
  • Jonas era, nesta altura, a grande figura. Marcou um golo logo a abrir, fez a assistência para o 3-0 e acertou no poste num chapéu de meio-campo. Somou ainda três passes para finalização, ganhou quatro de cinco duelos e acertou 88% dos passes que efectuou. Terminou com um GoalPoint Rating de 7.8.
  • Benfica muito dominador nos primeiros 15 minutos do segundo tempo, altura em que acumulou 73% de posse de bola, quatro remates (um enquadrado), contra dois disparos (todos com boa direcção) dos homens do Restelo. E aos 63 minutos, Cervi cruzou e a bola foi ao ferro, a terceira vez que tal aconteceu neste jogo.
  • O jogo estava algo mastigado. O Belenenses não parecia ter argumentos para contrariar a superioridade benfiquista e as “águias”, por seu turno, pareciam mais interessadas em adornar o seu futebol, com lances individuais e colectivos mais elaborados, à procura da famosa “nota” artística.
  • Por volta dos 80 minutos o Benfica somava 65% de posse referentes à segunda metade, e cinco remates nesta fase, contra os tais dois disparos do Belenenses.
  • O jogo encaminhava-se para o fim tranquilamente, com o vencedor há muito encontrado, não sem antes Raúl Jiménez acertar no ferro… a quarta vez do Benfica neste jogo, e Jonas fazer o 4-0, aos 90 minutos, e o 5-0, nos descontos, assistência de Pizzi.

O Homem do Jogo

Partida quase perfeita do número 10 “encarnado”, que lhe valeu o primeiro 10.0 no nosso GoalPoint Rating!

Jonas marcou logo aos dois minutos, de cabeça, serviu Seferovic para o 3-0, fez o quarto e o quinto tentos da noite e mostrou um manancial de recursos apreciável.

Num desses lances, na primeira parte, fez um chapéu do meio-campo que acertou no poste. Para além do “hat-trick”, Jonas assinou uma assistência, cinco remates (três enquadrados), quatro passes para finalização, dois dribles eficazes em duas tentativas, 81% de passes certos, seis duelos ganhos em oito. Incrível!

https://twitter.com/_Goalpoint/status/899018794961600512

Jogadores em foco

  • Pizzi 8.4 – Grande jogo de Pizzi. Só assim se chega a um rating de 8.4 sem qualquer golo marcado. O médio fez duas assistências para golo, seis passes para finalização, terminou com 86% de eficácia de passe, tocou 99 vezes na bola e fez cinco desarmes.
  • Filipe Augusto 6.6 – Uma bela surpresa. Utilizado a “trinco” no lugar do lesionado Fejsa, o brasileiro mostrou muito mais propensão para actuar atrás de Pizzi do que à frente do sérvio. Assinou uma assistência, dois passes para finalização, teve três dribles eficazes em três tentativas e tocou 101 vezes na bola, o máximo do jogo.
  • Salvio 7.2 – O argentino fez um belo jogo. Marcou um golo vistoso, fez três remates, dois deles enquadrados, fez dois desarmes e sofreu duas faltas em zona de perigo. Vislumbrou-se um pouco do melhor Salvio, que tem andado algo desaparecido.
  • Muriel 5.7 – Sofreu cinco golos e, ainda assim, foi o melhor do Belenenses. Realizou quatro defesas, duas delas a remates de dentro da área, e evitou males ainda maiores para a equipa de Domingos Paciência.
  • Seferovic 5.4 – Marcou um golo, o seu terceiro na Liga NOS, mas esteve longe dos melhores dias. Fez três remates, dois deles enquadrados, mas desperdiçou uma ocasião flagrante. E ainda registou quatro controlos de bola deficientes.

Resumo

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Sem Cristiano, o que se passa com a Juventus?

Nenhum triunfo em quatro jornadas do campeonato. Não acontecia há 60 anos. E o problema maior não estará no ataque, apesar da saída de Cristiano Ronaldo. Estreia na temporada: 2-2 no terreno da Udinese. Receber o …

Nova aliança dos EUA na Ásia-Pacífico pode levar a "corrida às armas nucleares"

A nova aliança dos Estados Unidos (EUA) na região da Ásia-Pacífico e a recente compra de submarinos norte-americanos por parte da Austrália pode desencadear uma "corrida às armas nucleares" na região, avisou esta segunda-feira a …

Costa foi omnipresente, agradeceu a regueifa e recarregou a "bazuca" como arma política

António Costa correu oito concelhos do Norte, em missão de campanha eleitoral. A "bazuca" europeia é usada como arma política, assim como a gestão da pandemia. A pandemia era um ponto de inflexão para as eleições …

"Queremos justiça", exigem famílias de vítimas do ataque em Cabul. CIA alertou para a presença de civis

A família das 10 vítimas mortais do ataque com drone dos EUA a um veículo em Cabul exigem que os operadores sejam julgados em tribunal. A CIA terá alertado para a presença de civis segundos …

Rio abre o jogo sobre o futuro do PSD. Não se recandidata se fizer "igual, pior ou muito pouquinho melhor"

Líder social-democrata deu a conhecer o que é, para o próprio, um bom resultado nas próximas autárquicas, recusou-se a falar sobre as movimentações internas no PSD, expôs o papel do partido na votação do OE …

FBI diz ter encontrado corpo em parque natural que "será de Gabby Petito"

Este domingo foi encontrado um corpo no parque nacional de Wyoming, nos Estados Unidos, que corresponde ao da jovem Gabrielle Petito, que se encontrava desaparecida, anunciou a polícia federal norte-americana (FBI). Gabby Petito, de 22 anos, …

Nuno Espírito Santo admite que "muita coisa correu mal", mas não escapa às críticas

O Tottenham saiu derrotado por 3-0 do embate com o Chelsea. Nuno Espírito Santo reconheceu os problemas na equipa, que foi duramente criticada por Roy Keane. O Chelsea manteve-se no comboio dos líderes da Liga inglesa, …

Críticas às novas tabelas da ADSE em várias áreas da Saúde

A nova tabela da ADSE, que entrou em vigor a 01 de setembro, tem enfrentado críticas de vários setores da Saúde, desde dentistas a nutricionistas, principalmente pelos valores atribuídos a alguns atos, exclusões e restrições. A …

Cuba é o primeiro país a vacinar crianças a partir dos dois anos

Depois de um drástico aumento de casos e mortes em crianças, a estratégia de vacinação em Cuba mudou. Com o objetivo de ter mais de 90% dos 11 milhões de habitantes imunizados até Dezembro, as autoridades …

Penálti que deu vitória ao Sporting devia ter sido repetido

Um penálti convertido por Pedro Porro deu a vitória, este domingo, ao Sporting. Especialistas entendem que a grande penalidade devia ter sido repetida. O Sporting CP conquistou uma vitória sofrida, este domingo, após derrotar o Estoril …