Benfica alvo de novas buscas. Há mais 6 arguidos

(dr) realestateboutique.pt

Esta terça-feira, o clube da Luz foi alvo de novas buscas por suspeitas de fraude fiscal e branqueamento de capitais, e levaram à constituição de seis arguidos.

Na origem das buscas ao Benfica, realizadas esta terça-feira pela Polícia Judiciária e pelo Ministério Público, estiveram suspeitas de fraude fiscal e branqueamento de capitais.

Em comunicado, a Procuradoria-Geral Distrital de Lisboa deu conta da constituição de seis arguidos, três pessoas singulares e três coletivas, no âmbito do inquérito à investigação aos “crimes de branqueamento e fraude fiscal”, e no âmbito da qual foram “emitidos três mandados de busca domiciliária e cinco não domiciliárias, de entre estes, dois às sociedades Sport Lisboa e Benfica SAD e Benfica Estádio Construção Gestão Estádios, SA”.



Segundo o Jornal de Notícias, as autoridades procuram esclarecer vários montantes faturados ao Benfica por diversas empresas. Em suma, a PJ e o MP querem perceber se essas trocas de dinheiro foram motivas por prestações de serviços ou se foram apenas uma forma de justificar a saída de milhões de euros.

As buscas foram confirmadas ao diário pela Procuradoria-Geral da República, que adiantou que no inquérito estão a ser investigados “factos suscetíveis de integrar a prática de crimes de branqueamento de capitais, tendo como ilícito precedente o crime de fraude fiscal”.

Além disso, a PGR confirmou também a “realização das buscas no âmbito de um inquérito dirigido pelo Ministério Público do Departamento de Investigação e Ação Penal de Lisboa”.

“Indicia-se suficientemente nos autos que estas sociedades, a coberto de uma suposta prestação de serviços de consultoria informática, realizaram várias transferências bancárias para uma conta titulada por uma outra sociedade, num valor total de 1.896.660 euros, montantes esses que acabavam depois por ser levantados em numerário. Esta última sociedade terá sido utilizada com o único propósito de retirar dinheiro das contas do Benfica”, explicou a PGDL.

A investigação resulta de uma denúncia anónima feita há um ano e está a decorrer numa secção especializada em crimes fiscais e branqueamento de capitais da Unidade Nacional de Combate à Corrupção da Polícia Judiciária.

O Jornal de Notícias explica que as suspeitas se adensaram devido aos montantes faturados pelo clube da Luz por, pelo menos, duas empresas. Os responsáveis tentam agora perceber se houve algum desvio de valores e, caso tenha havido, a que é que eles se destinaram.

O diário fala na hipótese de existir um “saco azul”, com verbas que poderão ter sido utilizadas para a realização de pagamentos informais.

Contactado pela imprensa, o clube escusou-se num primeiro momento a comentar “um processo que resulta de uma denúncia anónima e que envolve terceiros”, mas emitiu em seguida um comunicado onde fala de “calúnia grave” e informa que vai avançar com uma queixa-crime por difamação por a investigação sobre branqueamento de capitais e fraude fiscal visar apenas entidades que prestam serviços ao clube e não a instituição.

“O Sport Lisboa e Benfica confirma que, no âmbito de uma investigação que envolve empresas terceiras, foi solicitada e recolhida informação junto dos serviços do clube pelo facto de serem entidades que nos prestam serviços”, lê-se no comunicado.

O clube da Luz nega estar a ser investigado “por suspeita de fraude fiscal e branqueamento”, denunciando “uma violação grosseira do segredo de justiça, desvirtuando factos e procurando centrar no Benfica a investigação”.

“Por tais razões avançaremos com uma queixa-crime no DCIAP (Departamento Central de Investigação e Ação Penal) e requereremos que todos os agentes da Polícia Judiciária e todos os magistrados que intervieram nestas diligências colaborem connosco na descoberta da identidade destes criminosos por tendência”, adianta o clube.

ZAP ZAP // Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. E com este corrupto os sócios nem reclamam… Já devia ter sido, pelo menos, expulso do futebol e de tudo o que diga respeito a desporto.

  2. É vergonhoso o que está acontecer ao SLB. Esta direcção já à muito que deveria ter pedido a demissão até que se apurasse toda a verdade. Estão calados como ratos e a deixar que uma instituição com o Benfica seja enxovalhada na praça pública. São notícias e casos a mais e um silêncio enorme, os sócios têm de fazer alguma coisa…

  3. Mais uma touperice… São umas atrás das outras, mais vale à PJ montar um gabinete na porta 18. O benfica já parece um queijo suíço com tanto buraco que lhe é descoberto, buracos a cheirar a corrupção e trafulhice por todos os lados. O pântano é tal, que descer para a 2a divisão neste momento já parece um mal menor.

  4. O engraçado e q no norte os tribunais e demais nc conseguem nem fz buscas nem condenar ng do fcp
    Mas no sul e td as semanas a pj a fz buscas ao slb por isto e por aquilo q dp n da em nd
    ja do outro ld da rua com tt gente presa afeta ao scp nd demais acontece senao o normal de 1 investigaçao em q sao td culpados mas ng e julgado
    DA Q PENSAR OU N

RESPONDER

Irão vai aumentar produção de urânio enriquecido em resposta ao “terrorismo nuclear” de Israel

O Irão justificou esta quarta-feira a decisão de enriquecer urânio a 60% como resposta ao “terrorismo nuclear” e à “maldade” israelita, referindo-se ao alegado ataque contra a central de Natanz, no domingo. “A decisão de enriquecer …

Possibilidade de ser reinfetado baixa 84% para quem já teve covid-19

Um novo estudo indica que a infeção prévia por SARS-CoV-2 protege a maioria dos indivíduos contra a reinfecção durante uma média de sete meses As probabilidades de reinfeção não descem até zero, mas um novo estudo, …

Bolsonaro diz que confinamentos transformaram o Brasil num "barril de pólvora"

Jair Bolsonaro, presidente do Brasil, alertou esta quarta-feira que o país se tornou "um barril de pólvora" devido às medidas restritivas adotadas por governadores e prefeitos para tentar conter a disseminação da covid-19. "O Brasil está …

Valentina poderia ter sobrevivido se socorrida, afirma médico legista

O médico responsável pela autópsia de Valentina, a criança de nove anos que morreu após graves agressões, admitiu hoje ao Tribunal de Leiria que a menina poderia ter sobrevivido, "com sequelas", se tivesse sido socorrida. A …

Marcelo admite confinamentos locais, fala em "reta final" e aponta à "recuperação social"

O Presidente da República afirmou esperar que o estado de emergência esteja a caminhar para o fim, sem dar como certo que esta seja a sua última renovação, e admitiu confinamentos locais para conter a …

Caso Marquês: Distribuição do processo investigado. Recursos só chegam ao Tribunal da Relação em 2022

O Conselho Superior da Magistratura (CSM) vai averiguar se há novos elementos que justifiquem uma alteração do seu entendimento de que não houve irregularidades na distribuição, na fase de investigação da Operação Marquês, ao juiz …

Estado condenado a pagar oito mil euros por demorar 24 anos a atribuir pensão de alimentos

O Tribunal Administrativo do Círculo de Lisboa condenou o Estado a pagar 8.500 euros a uma mãe, que esteve 24 anos à espera de uma pensão de alimentos para as duas filhas, hoje com 37 …

Centenas de pessoas ficaram à espera de vacinação na Maia devido a erro informático

A situação ocorreu no Centro de Vacinação Covid Maia I, que funciona em Gemunde, nas instalações da Junta de Freguesia do Castêlo da Maia. A Administração Regional de Saúde do Norte (ARS-N) disse esta quarta-feira que …

Juiz anti-confinamento junta apoiantes e é acusado de desrespeitar a GNR

O juiz Rui Fonseca e Castro, fundador do grupo “Juristas Pela Verdade” e da associação “Habeas Corpus”, organizou uma manifestação em Palmela, mas está a ser acusado de não cumprir as regras. Três dias depois de …

Morreu Artur Garcia, nome da música ligeira portuguesa da década de 1960

O cantor Artur Garcia, de 83 anos, que protagonizou vários êxitos nas décadas de 1960 e 1970, morreu hoje, na Aldeia de Juzo, em Cascais, disse à Lusa o agente artístico António Fortuna. O artista, que …