Belém ao ataque: Marcelo é hiperactivo, irrequieto e faz de conta

PS / Facebook

Maria de Belém Roseira, ex-presidente do PS

Maria de Belém Roseira, ex-presidente do PS

Maria de Belém Roseira, candidata às eleições presidenciais de 2016,  afirmou esta sexta-feira, em entrevista à SIC, que Marcelo Rebelo de Sousa não pode ser Presidente da República, porque sendo uma pessoa “estimável”, não é de confiança.

Segundo a candidata socialista, Marcelo “passa a vida a fazer de conta que é coisas que não é” – antes de mais,  “que não é político”.

O ex-comentador, segundo Maria de Belém, “manifestou ingratidão” para com Cavaco Silva, de quem foi conselheiro, e “faz de conta que não é feliz por não ser candidato, mas todos vemos o seu sorriso”.

“Sei das horas a que telefona às pessoas, Marcelo não descansa”, diz Maria de Belém, “é hiperativo”.

A antiga ministra da Saúde considera que “a função presidencial precisa de uma pessoa com grande estabilidade, grande sentido institucional, como uma grande capacidade para estabelecer pontes, para ser um moderador e um árbitro”.

“Ele gosta muito de criar factos”, considera, “e se chegar a Presidente, vai meter-se em tudo”.

Tudo bem com Costa

Maria de Belém diz também estar convicta de que passará a uma eventual segunda volta das eleições, “e com uma recomendação  de voto do PS”.

A candidata recordou que é militante do PS há muitos anos, e salientou que tem o apoio de “muitos socialistas”.

“A minha candidatura é uma candidatura de centro-esquerda, e considerei que devia avançar não só porque muitos militantes socialistas mo pediram, como considerei que havia espaço não coberto que a minha candidatura poderia protagonizar”, explicou a ex-ministra de António Guterres.

Maria de Belém garante que “as relações com António Costa estão boas“.

“A minha candidatura foi assumida com toda a transparência e numa relação muito aberta com o secretário-geral do PS”, assegurou a candidata a presidente da República.

ZAP

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. “Ele gosta muito de criar factos”, considera, “e se chegar a Presidente, vai meter-se em tudo”
    Não sou Psd mas se um Presidente fosse assim até era bom para fazer mexer mais toda a corja que existe no parlamento desde a esquerda a direita ao centro ,cor de rosa, azul e amarelo, sempre seria melhor que um presidente que apenas existe no papel e ganha ordenado sem nada fazer, disso tá o Pais farto.

  2. Esta Senhora, honestamente qual o seu curriculum fora da política??? E mesmo dentro da Política?? O seu ar convencido, provinciano, muito de consumo interno, são deveras incómodos, pouco ou nada apelativos da coordenação e da negociação e da visão e antecipação que tem que ter nas funções de PR. Não sei honestamente o que já fez aportou, obra realizada, que tenha sido digno de realce e valor à vista de todos??. Há muito que toda a classe política em Portugal baixou de qualidade, e agora tornou-se numa toda ela numa clique que temos todos que suportar, pagar os erros estrondosos que provocam com a sua ostentação, compadrio, tráfico de influências que nalguns casos roçam a corrupção e noutros são mesmo corrupção. Portugal perde todos os dias oportunidades por causa da incompetência e dos pseudo-curricula que esta gente vai comprar às “universidades particulares”, se não filtrem os efeitos dominó dos curricula desta gente e do trafico de influências de 95 % desta gente!! Para finalizar, que a dita Senhora como não tem curriculum ou obra feita, foca-se na crítica ao que os outros são ou não são!! Já se viu ao espelho??? Ou o espelho está muito alto?

  3. Esta senhora que à partida até parecia ser um tanto ou quanto pacata e mesmo moderada aparece agora armada em língua de trapos bem à maneira das gentes do seu partido, está a evidenciar um certo nervosismo e por outro lado falta de talento para chegar a presidente, temos também o senhor da Nódoa a pautar pela mesma estratégia afirmando-se o mais independente quando no fundo não é mais nem menos do que um extremista de esquerda.

Responder a Vasco Cancelar resposta

Cabify deixa de operar em Portugal a partir de 30 de novembro

A Cabify, que estava no mercado português desde 2016, vai deixar de operar em Portugal a partir do próximo dia 30 de novembro. "Queremos partilhar consigo que o próximo dia 30 de novembro será o nosso …

Presidente da federação russa de atletismo suspenso por obstruir investigação

O presidente da federação de atletismo da Rússia e outros seis elementos da federação foram, esta quinta-feira, suspensos, devido a irregularidades relacionadas com uma investigação antidoping. O presidente da federação de atletismo da Rússia, Dmitri Shliajtin, foi …

Avó e tios do bebé deixado no lixo estão a tentar a guarda da criança

O embaixador de Cabo Verde em Portugal explicou, esta sexta-feira, que a mãe e os irmãos da cabo-verdiana suspeita de abandonar o filho num ecoponto estão a tentar obter a guarda da criança por acreditarem …

Esta tecnologia de edição de genoma pode mudar o mundo (mas o seu criador tem receio disso)

A inovação de Kevin Esvelt tem potencial para ser usada tanto para o bem como para o mal. Os perigos que pode advir dela, deixam o biólogo reticente em relação a esta tecnologia, que também …

Governo quer "conciliação" entre tribunais criminais e de família em casos de violência doméstica

O Governo quer que os juízes de instrução possam determinar simultaneamente as medidas de coação a um agressor em contexto de violência doméstica e as medidas provisórias relativas às crianças, seja de promoção e proteção …

Sp. Braga critica autarquia por transmitir jogo do Flamengo em ecrã gigante

O Sporting de Braga acusou a Câmara Municipal de Braga de desrespeitar o clube e os seus adeptos por colaborar na organização da transmissão da final da Taça dos Libertadores de futebol, entre Flamengo e …

Hermínio Loureiro pede suspensão de mandatos na FPF e COP

Hermínio Loureiro pediu a suspensão dos mandatos de vice-presidente da FPF e do COP, esta sexta-feira, na sequência da acusação do Ministério Público na operação Ajuste Secreto. Numa carta enviada à FPF, a que a agência …

Oxford escolhe "emergência climática" para Palavra do Ano 2019

A Palavra do Ano 2019 escolhida pelos Dicionários de Oxford foi "emergência climática", "situação na qual é requerida uma ação urgente", revelou na quinta-feira esta componente da editora da Universidade homóloga. A Palavra Oxford do Ano …

Erro no IRS de 2015. Contribuintes podem contestar nova liquidação

O novo apuramento do imposto abrange cerca de dez mil declarações no valor de 3,5 milhões de euros. A Autoridade Tributária e Aduaneira já enviou uma carta aos contribuintes cuja liquidação do IRS relativo a 2015 …

Jesus vai receber título de cidadão honorário do Rio de Janeiro

O técnico português do Flamengo será condecorado, na próxima segunda-feira, com o título de cidadão honorário do Rio de Janeiro. A distinção a ser entregue pela Câmara Municipal do Rio de Janeiro foi anunciada num cartaz …