Bas Dost ficou abalado e nem as Taças do ano seguinte o deixaram feliz

Miguel A. Lopes / Lusa

Bas Dost admitiu esta quarta-feira ter ficado muito abalado com as agressões durante a invasão à Academia do Sporting e disse que nem as conquistas das Taças da Liga e de Portugal na época seguinte o deixaram feliz.

“Quando ganhámos as Taças [da Liga e de Portugal na época 2018/2019] eu não estava feliz”, disse o avançado holandês, ouvido via Skype durante a 29.ª sessão da invasão à academia do Sporting, em Alcochete, ocorrido em 15 de maio de 2018.

O avançado, que alinha nos alemães do Eintracht Frankfurt, disse ter recebido ajuda psicológica depois do ataque: “Foi horrível, não sabia qual era o meu futuro. Logo a seguir ao ataque, fui a um psicólogo, em Lisboa, e ele sugeriu que seria bom para mim sair do país. A minha mulher estava grávida e ela queria dar à luz em Lisboa, decidi ir três semanas para a Áustria, sozinho como meu agente”.

Num depoimento, a que o seu agente, Gunther Neuhaus, assistiu na sala do tribunal de Monsanto, o avançado holandês revelou ter falado com o então presidente Bruno de Carvalho após o ataque.

“Eu disse-lhe, em inglês: ‘Como é que isto é possível?’. E ele respondeu: ‘Sim, como é que isto é possível? Eu não sei como é que isto aconteceu’. E eu gritei novamente: ‘Como é que é possível?’”, explicou.

Bas Dost, que deixou o Sporting no final de agosto de 2019, foi agredido no corredor que dá acesso ao balneário, onde acabou por ficar sozinho, depois de o secretário técnico Vasco Fernandes ter mandado os jogadores entrarem, por ter avistado “muita gente a correr”.

“O Vasco Fernandes mandou-nos para o balneário, mas eu pensei ir falar com eles. Sou holandês, lá é possível resolver os problemas a falar, eu senti que tinha a responsabilidade de falar por ser um dos mais antigos do plantel”, explicou.

No corredor, o jogador dos Países Baixos viu a porta abrir-se e entrar um “homem muito grande com máscara”, que lhe fez “um sinal com o polegar para cima”, o que o fez pensar “que estava tudo bem”.

“Depois entraram mais, e o sexto deu-me com um objeto, que não sei o que era, na cabeça, nesse momento caí imediatamente para o chão e a mesma pessoa que me agrediu começou a dar-me pontapés e disse a outro que também devia dar-me pontapés”, relatou.

Bas Dost disse ao coletivo de juízes que “tinha muito sangue na cabeça” e que foi João Rolin, o secretário técnico adjunto que o ajudou. “Ele levou-me para um sítio diferente e disse-me: ‘Tenho de voltar para lá, eles precisam, de mim’. Lembro-me de lhe ter dito: ‘Por favor não me deixes aqui estou com imenso medo’”, contou.

O futebolista referiu que depois foi “para outra sala onde estavam Carlos Mota [enfermeiro] e outro médico”, que o trataram, garantindo que não sabe quem tirou as fotos que mostram a cabeça a ser suturada, que foram divulgadas quase de imediato.

Estava em choque, com medo e com dores, não me recordo [quem tirou as fotografias]”, afirmou o jogador, detalhando que, em relação aos agressores, a única coisa de que se lembra é que “estavam todos vestidos de preto” e que o primeiro a entrar “era muito grande” e o que lhe bateu “era mais pequeno”.

O julgamento prossegue na sexta-feira com a audição, entre outras testemunhas, de José Sousa Cintra que liderou o clube entre 1989 e 1995 e ocupou a presidência da SAD durante dois meses, por nomeação, após a saída de Bruno de Carvalho.

O processo, que está a ser julgado no tribunal de Monsanto, tem 44 arguidos, acusados da coautoria de 40 crimes de ameaça agravada, de 19 crimes de ofensa à integridade física qualificada e de 38 crimes de sequestro, todos estes (97 crimes) classificados como terrorismo.

Bruno de Carvalho, à data presidente do clube, Mustafá, líder da Juventude Leonina, e Bruno Jacinto, ex-oficial de ligação aos adeptos do Sporting, estão acusados de autoria moral de todos os crimes.

// Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Nunca vi nada assim." Ameaça terrorista é mais intensa do que nunca em França (e mais difícil de travar)

O ataque terrorista dentro de uma Igreja em Nice, com a morte de 3 pessoas, veio reforçar a ameaça do terrorismo islâmico em França. Já havia sinais e alertas oficiais de perigo numa altura em …

Costa recebe partidos esta sexta-feira. "Nenhuma medida está excluída", garante Costa

O primeiro-ministro recebe esta sexta-feira, em São Bento, os partidos com representação parlamentar para procurar um consenso para a adoção de medidas imediatas de combate à pandemia de covid-19. Além disso, o Governo vai auscultar …

Ratos-toupeira-nus foram apanhados a raptar bebés de outras colónias

Cientistas descobriram dois casos em que ratos-toupeira-nus foram raptados da sua colónia, tendo sido transformados em escravos. De acordo com o site Science Alert, embora os ratos-toupeira-nus (Heterocephalus glaber) sejam pequenos, têm grandes colónias compostas por …

Não houve multas por falta de máscaras (e o Canhão da Nazaré não desiludiu)

Milhares de pessoas juntaram-se, algumas das quais sem máscaras, para ver as ondas gigantes da Nazaré, nesta quinta-feira, mas nenhuma delas foi multada, apesar de violarem as regras da Direcção-Geral da Saúde (DGS). No mar, …

Bolsonaro afirma que vai "erradicar o comunismo" do Brasil

O Presidente brasileiro, Jair Bolsonaro, afirmou na quinta-feira, num evento público, que "se Deus quiser, poderá comemorar-se em breve a erradicação do comunismo" no país. "Vamos, num curto espaço de tempo, expulsar o comunismo do país", …

Deslocações entre concelhos proibidas a partir de hoje. Marcelo desautoriza juridicamente o Governo

A circulação de pessoas para fora do concelho de residência está limitada em Portugal a partir das 0h desta sexta-feira até às 6h de terça-feira, no âmbito das medidas para conter a pandemia de covid-19. A …

Afinal, os bioplásticos não são mais seguros do que os plásticos tradicionais

Nos últimos anos, os bioplásticos surgiram no mercado como uma alternativa ao plástico convencional. O bioplástico tem algumas vantagens aparentes pois geralmente é feito de material reciclado ou celulose vegetal. Contudo, um novo estudo mostra …

Cristais do tempo poderiam permitir simular toda a Internet com poucos qubit

Uma equipa de cientistas japoneses propôs um método que usa cristais do tempo para simular redes massivas com muito pouco poder de computação. Os cristais do tempo podem ser o próximo grande salto na pesquisa de …

Psyche, o planeta fracassado, pode ser o único asteróide inteiramente feito de ferro e níquel

Um estudo da cientista planetária Tracy Becker, do Southwest Research Institute, analisou as primeiras observações ultravioleta do trilionário asteróide metálico Psyche. Com aproximadamente 200 quilómetros de diâmetro, Psyche é um dos objetos mais massivos do cinturão de …

Cientistas criam tinta ultra-branca que ajuda a arrefecer as superfícies

Cientistas criaram uma nova tinta ultra-branca que pode refletir 95,5% da luz solar que chega à sua superfície. De acordo com o site IFLScience, esta propriedade permite que algo revestido com esta tinta ultra-branca, como, por …