Itália. Barco com 41 migrantes atraca no porto de Lampedusa sem autorização

Elio Desiderio / EPA

Com 41 migrantes a bordo, o barco Alex atracou este sábado em Lampedusa, em Itália, sem autorização, apesar de ter sido proibido pelo Governo italiano.

O barco Alex da Organização Não-Governamental (ONG) italiana Mediterranea, com 41 migrantes a bordo, que foram resgatados na sexta-feira, atracou este sábado no porto da ilha de Lampedusa, em Itália, sem autorização, apesar de ter sido proibido pelo Governo italiano.

A proibição foi decidida pelo ministro do Interior, Matteo Salvini, contudo a embarcação, um veleiro de 20 metros de comprimento, entrou em águas italianas e atracou em Lampedusa, com todos os migrantes em cima do barco, protegendo-se do sol com mantas térmicas, relatou a agência espanhola EFE, com base em imagens da ONH.

No cais do porto de Lampedusa, agentes da polícia, voluntários da Cruz Vermelha e outras organizações humanitárias, assim como alguns cidadãos, aguardavam a chegada do barco Alex, recebendo os 41 migrantes com aplausos. Pelas 15:30, mais uma hora em Lisboa, os migrantes ainda não tinha desembarcado, segundo a EFE.

A Itália recusou este sábado a entrada no porto da ilha de Lampedusa das embarcações da Organização Não-Governamental (ONG) alemã Sea Eye, com 65 migrantes a bordo, e da italiana Mediterranea, um pequeno veleiro com 41 resgatados.

O Ministério do Interior italiano informou que um barco da Guarda de Finanças, a polícia italiana responsável pela defesa nacional das fronteiras, notificou o comandante do barco Alan Kurdi, da organização Sea Eye, da “proibição de acesso, trânsito e atraque em águas territoriais italianas”.

Matteo Salvini, de extrema-direita, estimulou uma política de portos encerrados a barcos das organizações humanitárias que salvam vidas no Mediterrâneo, que acusa de fomentarem a imigração ilegal.

Na quinta-feira, 54 pessoas foram resgatadas da Líbia e, um dia depois, 13 tiveram que ser retiradas do Alex por razões médicas: seis mulheres (incluindo quatro grávidas), dois homens, quatro crianças menores de um ano e outra de 12 anos, indicaram fontes do Governo italiano. Devido a estas condições, a ONG pediu permissão para atracar em Lampedusa.

O caso desta embarcação causou mau estar entre os governos da Itália e de Malta, uma vez que tem a permissão para desembarcar migrantes no porto de Valletta.

// Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. O negócio é o seguinte; sempre sob vigia que lhes sejam concedidos um tempo para saciar a sede e o uso da toalete. E tão logo um comando de volta aos seus psíses de origem. “O homem sem lei pode a vir a se transformar em um monstro”

RESPONDER

Morreu Sindika Dokolo, marido de Isabel dos Santos

O empresário Sindika Dokolo faleceu, nesta quinta-feira, no Dubai, aos 48 anos de idade, durante a prática de mergulho. A morte do empresário de origem congolesa já foi confirmada à Lusa por uma fonte ligada à …

Lagostins autoclonados invadiram (e conquistaram) um cemitério na Bélgica

Um cemitério na Bélgica foi completamente invadido por lagostins marmoreado. De acordo com o Instituto Flamengo para Pesquisa da Natureza e da Floresta (INBO), a espécie representa uma grande ameaça para a biodiversidade local. Segundo o …

Benfica 3-0 Standard Liège | “Águia” voa de forma imperial

A noite foi de festa no Estádio da Luz para os cerca de 4875 espectadores – 7,5% por cento da lotação – que se deslocaram ao reduto dos “encarnados” esta quinta-feira. O Benfica venceu por 3-0 …

Urnas abertas no Minecraft. Servem para ensinar os jovens a votar nas eleições

A organização não partidária e sem fins lucrativos Rock the Vote e a empresa criativa Sid Lee uniram-se para criar um servidor de "casa de votação" no popular jogo Minecraft antes das eleições presidenciais de …

Zorya Luhansk 0-2 Braga | “Nota artística” em triunfo minhoto

Dois jogos, duas vitórias para o Sporting de Braga no Grupo G da Liga Europa. Uma entrada de rompante em jogo, com dois golos espectaculares nos primeiros 11 minutos, permitiram aos “arsenalistas” controlar e lidar …

Amostra de ADN desvenda homicídio cometido há quatro décadas

Uma amostra de ADN, colhida de um norte-americano da Carolina do Sul após este ser detido por apontar uma arma, permitiu às autoridades desvendar um caso antigo, identificando-o como principal suspeito do homicídio de uma …

Investigadores portugueses criam simuladores para treinar médicos à distância

Investigadores da Faculdade de Medicina da Universidade do Porto (FMUP) desenvolveram, durante o confinamento, um método para os estudantes treinarem para cenários de emergência sem saírem de casa. Em declarações à Lusa, Carla Sá Couto, do …

Restam apenas dois rinocerontes brancos do norte (mas há uma esperança para salvar a espécie)

Com a morte do último macho em 2018, o rinoceronte branco do norte chegou ao ponto em que não pode ser salvo naturalmente. Com apenas duas fêmeas restantes, a subespécie é agora tida como oficialmente …

Há uma região na América do Norte sem qualquer caso de covid-19. Tem a dimensão do México

Nunavut, uma região localizada no norte do Canadá, continua sem registar nenhum caso de covid-19. A receita para o sucesso tem vários ingredientes, mas as caraterísticas especiais da região e as medidas rígidas tomadas logo …

Site da campanha de Trump foi alvo de ataque. Hackers "fartaram-se das fake news"

O website oficial da campanha presidencial de Donald Trump foi alvo de um ataque informático que o deixou temporariamente desfigurado na noite desta quarta-feira. Os hackers responsáveis substituíram o habitual conteúdo por uma mensagem normalmente utilizada …