Avanços na fibra ótica podem tornar internet 100 vezes mais rápida

Investigadores desenvolveram leitores que detetam informações da luz enviada por cabos de fibra ótica retorcidos que potenciam a velocidade das comunicações.

A investigação foi publicada dia 24 de outubro na revista Nature Communications e afirma que os avanços encontrados podem vir a atualizar facilmente as redes atuais e aumentar significativamente a eficiência das ligações.

De acordo com o The Guardian, os cabos de fibra ótica usam pulsos de luz para transmitir informações mas, até ao momento, os cabos de fibra ótica exigem que a luz seja de uma cor específica e organizada de modo a que a luz viaje na horizontal ou na vertical.

Contudo, na investigação, ao torcer a luz numa espiral, os engenheiros criaram uma nova maneira para a luz transportar informações aproveitando o momento angular orbital, ou spin. Ao torcer a luz dos cabos, é possível transportar mais informação, melhorando a eficiência das comunicações em grande nível.

De acordo com o Daily Mail, atualmente, as comunicações existentes de fibra ótica usam apenas uma fração da capacidade real da luz. “É como o ADN, se olharmos para a espiral de dupla hélice. Quanto mais usarmos o momento angular, mais informações podemos carregar”, afirmou Min Gu, do Instituto Real de Tecnologia de Melbourne.

A tecnologia faz uso das oscilações e da forma das ondas de luz, em vez de aumentar a largura de banda, utilizando luz que é invisível para os seres humanos

Investigadores dos Estados Unidos criaram anteriormente uma fibra que pode mudar a luz, porém, a equipa de Gu foi a primeira a criar um detetor de tamanho razoável que consegue ler as informações enviadas através das espirais de luz.

Os detetores anteriores eram “do tamanho de uma mesa de jantar”, mas o novo detetor é da largura de um cabelo humano.

“Usando nanosheets topológicos ultrafinos – medindo uma fração de milímetro – a nossa invenção faz esse trabalho melhor e encaixa-se no fim do cabo de fibra ótica“, revelou Ren.

“Poderemos produzir o primeiro chip que poderá detetar essa distorção e exibi-lo em aplicativos móveis”, afirmou Gu.

(H) RMIT University

O leitor analisa o “momento angular orbital” (foto), ou spin, da luz viajando através dos cabos de fibra ótica. Permite que mais variedades de luz sejam analisadas e processadas

Haoran Ren, da Escola de Ciências do Instituto Real de Tecnologia de Melbourne e co-autor do estudo, afirmou que o minúsculo dispositivo construído para a leitura de luz distorcida é a chave que faltava para lançar comunicações ultra-rápidas e de banda ultra larga.

Gu disse ainda que o detetor também pode ser usado para receber informações quânticas enviadas pela de torção de luz, o que significa que pode ter aplicações numa gama de comunicações quânticas de ponta e em pesquisas de computação quântica.

“As comunicações óticas atuais estão a caminhar para uma crise de capacidade pois não conseguem acompanhar as crescentes exigências de Big Data“, afirmou Ren. Ren acrescentou ainda que “o que conseguimos fazer é transmitir com precisão os dados por meio da luz na sua capacidade máxima, de forma que nos permite aumentar a largura de banda”.

“Nosso dispositivo nano-elétrico vai lançar todo o potencial da torção da luz para futuras comunicações óticas e quânticas”, disse Gu. “O alto desempenho, o baixo custo e tamanho minúsculo dessa tecnologia tornam a aplicação desta tecnologia viável para a próxima geração de comunicações óticas de banda largura”, revelou Gu.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"O nosso Governo está pronto". Trudeau volta a ganhar as eleições - mas sem maioria absoluta

O líder do Partido Liberal do Canadá (LP) Justin Trudeau disse hoje, depois de ganhar as eleições gerais do país, que os eleitores canadianos escolheram "um plano progressivo" e que está pronto para formar um …

Travar margens nos combustíveis pode acabar por prejudicar os consumidores (e até fechar bombas)

A proposta de lei do Governo aprovada, na semana passada, para a limitação das margens das petrolíferas nos preços dos combustíveis pode acabar por travar a concorrência e até levar ao encerramento de bombas de …

"Nunca se pode tirar Messi" (mas há um gesto que pode explicar a sua substituição)

A substituição de Messi, e a forma como reagiu, no jogo entre o Paris Saint-Germain e o Lyon da Liga francesa, continua a dar que falar. E agora avança-se a possibilidade de o craque argentino …

Médicos querem que norma de isolamento tenha em conta a atual taxa de vacinação

Com o regresso às aulas, médicos de saúde pública defendem a revisão da norma referente ao isolamento de contactos de risco, para que esta tenha em consideração a elevada taxa de vacinação. O ano letivo arrancou …

Com Moedas como alvo e Temido como "guardiã", Medina prometeu um novo futuro para Lisboa

O candidato da coligação PS/Livre à presidência da Câmara de Lisboa, Fernando Medina, acusou a direita de ambicionar nas autárquicas de domingo “a segunda volta do jogo que perdeu na disputa do poder legislativo”. Fernando Medina …

Descoberto sistema de esgotos intacto construído por romanos há 2.000 anos

Uma equipa de arqueólogos turcos encontrou um sistema de esgotos perfeitamente intacto na antiga cidade de Tripolo no Meandro. A infraestrutura foi construída por romanos. A antiga cidade de Tripoli no Meandro — também conhecida por …

De calculadora em riste, PSD faz contas para evitar um resultado "igual, pior ou muito pouquinho melhor" nas autárquicas

PSD tenta recuperar de duas eleições autárquicas menos conseguidas, agarrando-se aos municípios em que a obra feita pelos autarcas do PS não recebe nota positiva de forma unânime da população ou onde haverá uma transição …

Um Barcelona "de juniores" quebrou um recorde (mas quase perdia em casa)

Domingos Duarte marcou cedo e Granada esteve a ganhar em Camp Nou até perto dos 90 minutos. Equipa muito jovem do Barcelona mas mais uma exibição modesta. Quinta jornada da Liga espanhola de futebol, mais uma …

Galp recusou proposta para salvar empregos em Matosinhos (mas é Costa quem está "no olho do furacão")

O Governo tentou evitar o despedimento colectivo na refinaria da Galp em Matosinhos, desafiando a empresa a pagar uma formação feita "à medida" dos trabalhadores abrangidos. Mas a Galp recusou. Pelo meio, António Costa também …

Análise de ADN revela que japoneses modernos são descendentes de três povos diferentes

O território que hoje dá lugar ao Japão está ocupado desde o período do Paleolítico Superior. Até agora pensava-se que a ancestralidade genética japonesa era dupla, mas uma nova pesquisa vem trazer novos detalhes.  Um novo …