Autoridades alemãs chegam a acordo com detentor do “tesouro nazista de Munique”

muddyclay / Flickr

-

As autoridades alemãs anunciaram esta segunda-feira ter chegado a um acordo com Cornelius Gurlitt, em cujo apartamento em Munique foram encontradas mais de 1.400 obras de arte possivelmente retiradas a judeus durante o regime nazi.

Mais de dois anos após a descoberta da coleção privada, que chocou a opinião pública, os governos federal e do estado da Baviera chegaram a acordo com o alemão de 81 anos, que herdou as obras de arte do pai, Hildebrand Gurlitt, um negociador de arte bem relacionado com o regime nazi que as terá adquirido nos anos 1930 e 1940.

O acordo possibilitará acelerar a investigação sobre os legítimos proprietários das obras de arte, concedendo o prazo de um ano para que se investigue a origem da vasta coleção de pintura, que inclui obras de Picasso, Matisse e Chagall, muitas das quais se pensa terem sido saqueadas a judeus durante o regime nazi.

“Os trabalhos cuja origem não seja possível determinar pela equipa de investigação, ao longo de um ano, serão devolvidos a Cornelius Gurlitt”, explicitam as duas partes, num comunicado conjunto.

Cornelius Gurlitt poderá indicar um perito para a equipa de investigação, para assegurar que os seus interesses estarão representados, e os custos da operação serão suportados pelo Estado alemão.

“O mundo inteiro estava à espera de ver como responderíamos a isto e este acordo é uma boa resposta”, afirmou o ministro da Justiça da Baviera, Winfried Bausback.

A ministra da Cultura do Governo federal alemão, Monika Gruetters, também se mostrou satisfeita com o acordo, por “estabelecer as bases para legítimas e justas” reivindicações de propriedade.

Caso Gurlitt e outros tesouros

As mais de duas centenas de pinturas, desenhos e esculturas, da autoria de Monet, Manet, Cezanne e Gauguin, descobertos numa outra casa de Gurlitt, em Salzburgo, Áustria, ficam fora deste acordo, por se ter concluído, após uma primeira inspeção, que não foram roubadas ou compradas abaixo do preço, por pressão sob os proprietários judeus pelos nazis.

O tesouro privado de Cornelius Gurlitt foi descoberto em fevereiro de 2012, mas só foi revelado em novembro de 2013, o que suscitou críticas às autoridades alemãs, que chegaram às obras de arte no âmbito de um processo por fraude fiscal.

O caso Gurlitt relançou o debate sobre a restituição de obras retiradas aos judeus durante o III Reich. A Alemanha assinou a Declaração de Washington, em dezembro de 1998, na qual 44 países se comprometeram a detetar e restituir as obras de artes que foram apropriadas pelo regime nazi.

Perto de 380 obras de arte foram confiscadas de museus alemães na década de 1930.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

    • Caro GrammarGestapo (ou GrammatikGestapo, se preferir)
      Por estranho que nos soe, o termo “nazista” é um sinónimo de “nazi”.
      Assim o diz o Priberan:
      http://www.priberam.pt/dlpo/nazi
      Assim o diz também a Infopédia, dicionário online da Porto Editora, na sua versão sem acordo ortográfico:
      http://www.infopedia.pt/lingua-portuguesa-aao/nazista
      Normalmente, o ZAP escreve “nazi”. Quando uma notícia é escolhida para envio na newsletter diária, optamos pela forma “nazista” na newsletter e “nazi” no site, apenas porque nos soa melhor. Hoje, por lapso, ficou “nazista” em ambos os formatos. Não vemos necessidade de corrigir, porque não está errado, mas obrigado pelo seu reparo.

RESPONDER

Irão condena "firmemente" ataque na Síria. EUA quis enviar "mensagem clara"

O Irão, aliado do regime sírio de Bashar al-Assad, condenou "firmemente" os ataques norte-americanos a milícias pró-iranianas na Síria, considerando que podem "intensificar os conflitos" na região. Segundo o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros, Said …

Vieira segura Jesus apesar da pressão interna

O presidente do SL Benfica, Luís Filipe Vieira, descarta neste momento avançar para a demissão do treinador encarnado, Jorge Jesus, apesar da pressão interna para o fazer, avança este sábado o desportivo Record. Segundo a …

Os antigos egípcios tinham um segredo para fazer pão. Milénios depois, eis a receita

Ninguém sabia como é que os antigos egípcios faziam pão, até uma investigadora ter posto – literalmente – as mãos na massa e descoberto qual era o seu segredo. "A produção de pão no Egito faraónico …

Afinal, Messi pode mesmo ficar em Barcelona

O internacional argentino Lionel Messi, que no verão passado admitiu publicamente que queria deixar o FC Barcelona, poderá continuar no clube. A informação é avançada este sábado pelo jornal espanhol Marca, que dá conta que …

Governo vai começar a executar o PRR pela área da saúde e apoio aos idosos

O Governo quer começar a executar o Plano de Recuperação e Resiliência (PRR) pela área da saúde e combate às vulnerabilidades sociais. Em declarações ao jornal Público, a ministra de Estado e da Presidência, Mariana Vieira …

Testes alargados a todas as escolas e passam a contemplar amostras de saliva

Os testes ao novo coronavírus vão abranger todas as escolas de Portugal continental e contemplar a amostra de saliva para a realização dos rastreios laboratoriais, segundo a atualização da norma da Direção-Geral da Saúde (DGS) …

Poeira de asteróide encontrada na cratera Chicxulub encerra caso da extinção dos dinossauros

Uma equipa de investigadores acredita ter encerrado o caso da extinção dos dinossauros após ter encontrado poeira de asteróide na cratera que Chicxulub terá criado há 66 milhões de anos. Desde os anos 1980 que a …

CDS recebeu com "alegria e entusiasmo" candidatura de Moedas a Lisboa

O presidente do CDS-PP afirmou, esta sexta-feira, que o partido recebeu com "grande alegria e entusiasmo" a candidatura de Carlos Moedas à Câmara de Lisboa, considerando que é "um nome forte" e uma "ótima notícia" …

Nem Pote, nem Porro. As estatísticas mostram que Manafá tem sido o melhor em Portugal

O índice de desempenho de uma ferramenta de scouting usada por grandes clubes europeus aponta Wilson Manafá como o jogador em melhor forma da Liga NOS. Não é tecnicamente dotado, nem um favorito dos adeptos. O …

TAP avança com lay-off de um ano a partir de segunda-feira

A TAP vai avançar com um processo de lay-off clássico, que passará por uma redução dos períodos normais de trabalho ou suspensão de contratos, a partir da próxima segunda-feira e durante 12 meses. De acordo com …