Autarca de Seul acusado de assédio. 500 mil pessoas contra funeral de 5 dias

acrofan / Wikimedia

Presidente da Câmara de Seul, Park Won-soon

O funeral do ex-presidente da Câmara de Seul, cujo corpo foi encontrado na semana passada, realizou-se esta segunda-feira, apesar da petição que contestava a utilização de fundos públicos para a cerimónia.

De acordo com o jornal The Guardian, mais de 500 mil pessoas assinaram uma petição que pedia ao Governo sul-coreano para não usar dinheiro público para a cerimónia, considerando que “um funeral modesto e familiar seria a coisa certa a fazer”.

O corpo de Park Won-soon foi encontrado na última sexta-feira, no monte Bukak, a norte de Seul, horas depois de ter sido dado como desaparecido e de a polícia ter iniciado buscas.

Dias antes da sua morte, a antiga secretária do ex-presidente da Câmara de Seul apresentou uma queixa na polícia, acusando-o de assédio sexual durante os quatro anos em que trabalharam juntos. O óbito significa que a investigação do caso será automaticamente fechada, escreve o jornal britânico.

Na casa do autarca foi encontrada uma carta de despedida, na qual escreveu que se sentia “arrependido por todas as pessoas” e pediu desculpa à família, a quem disse só ter dado “dores”. O político pediu também para ser cremado e para que as suas cinzas sejam espalhadas pelos túmulos dos seus pais.

Segundo o jornal inglês, o funeral aconteceu esta segunda-feira de manhã, tendo sido transmitido online devido à pandemia de covid-19. Cerca de 100 pessoas, entre familiares, amigos, autoridades e políticos marcaram presença na cerimónia.

Apesar da controvérsia sobre a sua morte, o Governo da cidade de Seul organizou cerimónias fúnebres de cinco dias – mais dois dias do que a cerimónia habitual – e montou um altar em frente ao edifício da Câmara.

“Será que as pessoas precisam de assistir a um funeral extravagante de cinco dias de um político famoso cuja alegação de assédio sexual levou ao seu suicídio? Que tipo de mensagem está a ser enviada às pessoas?”, lê-se no texto da petição, citada pelo jornal Público.

Park, de 64 anos, um ativista cívico de longa data e advogado dos direitos humanos, foi eleito presidente da Câmara de Seul em 2011. Tornou-se o primeiro presidente da Câmara da cidade a ser eleito para um terceiro mandato, em junho de 2018. Membro do Partido Liberal Democrático do Presidente sul-coreano, Moon Jae-in, era considerado um potencial candidato presidencial nas eleições de 2022.

  ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Festejos do Sporting. IGAI garante que "não omitiu informação ou branqueou factos"

A inspetora-geral da Administração Interna garantiu no Parlamento, esta quarta-feira, que a IGAI "não omitiu informação ou branqueou factos" no relatório sobre os festejos do Sporting, sustentando que tudo o que foi investigado consta do …

PAN só viabiliza OE "se houver compromisso do Governo em alterar" a proposta

A porta-voz do PAN afirmou, esta quarta-feira, que o partido só poderá viabilizar o Orçamento do Estado para 2022 (OE2022) se o Governo se comprometer com alterações à proposta na especialidade. Inês Sousa Real falava aos …

Colômbia condenada por não ter investigado agressões "verbais, físicas e sexuais" a jornalista

De acordo com a sentença, o Estado colombiano não investigou devidamente o caso de sequestro, tortura e violação da jornalista Jinedth Bedoya, que estava a trabalhar numa reportagem sobre a guerra civil em 2000. O Tribunal …

Rio diz ter "obrigação" de avançar com recandidatura à liderança do PSD

O presidente do PSD justificou a sua recandidatura à liderança, esta quarta-feira, pela "obrigação" de colocar o interesse do país e do partido à frente da sua vida pessoal. No final de uma audiência com o …

Fenprof e FNE convocam greve nacional de professores para 5 de novembro

A Federação Nacional dos Professores (Fenprof) e a Federação Nacional da Educação (FNE) anunciaram, esta quarta-feira, que vão convocar uma greve nacional de professores para 5 de novembro. Em comunicado, a Fenprof refere que a greve …

PCP reconhece aproximação do Governo, mas diz que ainda é insuficiente

O líder parlamentar do PCP considerou, esta quarta-feira, que houve uma aproximação do Governo às propostas do partido, mas que ainda não é suficiente para alterar a avaliação feita sobre o Orçamento do Estado para …

Alemanha pode falhar objetivo de doação de vacinas contra a covid-19 (e culpa fabricantes)

A Alemanha pode falhar o seu objetivo de doar 100 milhões de doses de vacinas contra a covid-19 a países mais pobres. Um funcionário do ministério da saúde alemão revelou, numa carta a Bruxelas, que a …

Alexei Navalny vence Prémio Sakharov 2021

O opositor russo Alexei Navalny é o vencedor do Prémio Sakharov para a Liberdade de Pensamento 2021, anunciou o Parlamento Europeu, esta quarta-feira. Alexei Navalny foi nomeado pelos grupos políticos PPE e Renovar a Europa devido …

Extinção do SEF aprovada na especialidade no Parlamento

A proposta do PS e do Bloco de Esquerda sobre a extinção do Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) foi aprovada na Comissão de Assuntos Constitucionais, Direitos, Liberdades e Garantias, esta quarta-feira. Segundo o jornal Público, …

Steve Bannon deve ser investigado por envolvimento no ataque ao Capitólio, indica Comissão responsável

Antigo conselheiro de Donald Trump foi aconselhado pelo antigo presidente e pela respetiva equipa de advogados a não colaborar com a comissão especial designada para investigar os ataque. A Comissão responsável por investigar o ataque ao …