Aumento do consumo de tabaco pelas mulheres é preocupante

Uma investigadora do Instituto Nacional de Saúde Pública (INSP) considera “preocupantes” dados sobre o aumento do consumo de tabaco pelas mulheres e alerta para o perigo cardiovascular com base no estudo “E-Cor” que será apresentado sexta-feira, no Porto.

“Se tivermos em conta que, em 2008, os estudos da Direção-Geral de Saúde [DGS] apontavam que havia 9,5% de mulheres fumadoras, agora estamos a falar de uma percentagem de 17%. O consumo de tabaco tem dados assustadores“, disse à agência Lusa a coordenadora do estudo “E-Cor”, desenvolvido pelo INSP, Mafalda Bourbon.

Estes dados fazem parte de um estudo que será apresentado sexta-feira no 8.º Congresso do Acidente Vascular Cerebral (AVC) organizado pela Sociedade Portuguesa do AVC.

Para já – ainda que o “E-Cor” se vá estender ao Algarve e Alentejo – o estudo de Mafalda Bourbon tem por base as regiões do Norte, Centro e Lisboa, de acordo com o mapa NUTS II de Portugal Continental.

O estudo prevê a análise de uma amostra nacional de 1.700 pessoas, 340 por região, mas, para já, das 1.040 pessoas cujos dados já são conhecidos, 22% são fumadores.

O “E-Cor” revela que as mulheres no Centro fumam menos do que em qualquer uma das outras regiões: 12% no Centro, 20% em Lisboa e 18% no Norte.

“Os dados do tabaco são preocupantes porque, por exemplo, o fumar associado ao consumo da pilula, é explosivo e aumenta muito o risco de ter um AVC em idade jovem (…). E um AVC é muito debilitante”, referiu.

Outro dado “alarmante” para Mafalda Bourbon é a prevalência de excesso de peso/obesidade.

“No geral 65% da população tem excesso de peso ou obesidade, o que quer dizer que das cerca de 1.000 pessoas inquiridas, 650 pessoas têm excesso de peso ou obesidade”, descreveu a especialista.

Com este estudo, Mafalda Bourbon pretende fazer um diagnóstico geral do país em relação aos fatores de risco vasculares, mas também lançar alertas.

“O nosso objetivo é produzir dados reais para que depois se possam desenhar políticas de saúde que vão tentar melhorar a realidade. Não é missão do instituto fazer esse caminho porque é a DGS que faz as normativas das várias áreas. Mas é missão do instituto produzir dados que vão depois ao encontro de estratégias de promoção da saúde”, disse a investigadora da INSP.

Outros dados do “E-Cor” dão nota de que no Norte há um menor número de pessoas com colesterol elevado.

Mas esta é, no entanto, a região que apresenta o menor número de pessoas que cumpre uma regra da Organização Mundial de Saúde sobre o consumo de frutas e legumes.

O Centro apresenta a percentagem de dieta mais equilibrada com 37%, face a 32% de Lisboa e a 25% do Norte.

O estudo revela, também, que o Centro é mais ativo, uma vez que a percentagem de sedentarismo é de 27,8% face a 34% no Norte e a 41% em Lisboa.

Já no consumo excessivo de álcool, o Centro atinge a percentagem maior com 13%, com relevância para a faixa etária dos 65/79, enquanto em Lisboa é de 5% e no Norte de 4%.

“Este estudo foi desenhado para determinar os fatores de risco [de AVC] mas é importante que se perceba que esses fatores são modificáveis. As pessoas podem fazer a diferença se quiserem”, concluiu Mafalda Bourbon.

A apresentação do “E-Cor” está agendada para a manhã de sexta-feira com o título “Novos dados sobre a prevalência dos fatores de risco em Portugal”, no Centro de Congressos do Hotel Porto Palácio, no Porto, num que decorre a partir de hoje até sábado.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

"Adiem a Liga dos Campeões", pede o Borussia Dortmund

Sorteio está marcado para esta quinta-feira mas Michael Zorc avisa: "Faltam requisitos legais para a fase de grupos arrancar". A fase de grupos da Liga dos Campeões vai começar, pela primeira vez, em outubro. A primeira …

Artista "ressuscita" 54 Imperadores Romanos com ajuda da Inteligência Artificial

Artista canadiano usou um ramo da Inteligência Artificial para criar retratos ultra-realistas de antigos Imperadores Romanos como, por exemplo, Calígula, Nero e Adriano. A aparência física destes antigos Imperadores Romanos foi preservada em centenas de esculturas …

Cantar pode ser uma má ideia durante a pandemia

Uma nova pesquisa revelou que cantar em grupo pode ser perigoso em termos de propagação de patógenos. Esta é só mais uma prova de que 2020 chegou para pôr um travão na diversão. A Universidade de …

Emirados Árabes Unidos anunciam missão espacial à Lua para 2024

Um alto responsável dos Emirados Árabes Unidos disse hoje que o país tenciona enviar para a Lua uma nave com um veículo não tripulado em 2024. O desejo de pisar a lua é uma ambição de …

Exército norte-americano quer ter acesso à rede de satélites da SpaceX

O exército dos Estados Unidos está de olho na Starlink, a constelação de satélites da SpaceX, cujo CEO é o multimilionário Elon Musk e que tem como objetivo levar Internet de banda larga a todos …

Portugal tem cada vez menos água disponível

Portugal tem cada vez menos água disponível e nos próximos cem anos a precipitação em certas regiões do país, como o Algarve, pode sofrer uma redução de até 30%, alertou esta terça-feira a Associação Natureza …

Tel Aviv vai ter estradas elétricas que recarregam autocarros em movimento

Tel Aviv, em Israel, está a trabalhar na criação de estradas elétricas sem fios para carregar e fornecer energia aos transportes públicos da cidade. As estradas elétricas são parte de um programa piloto liderado pelo município …

Suicídio entre militares norte-americanos aumenta 20% em época de covid-19

Os suicídios entre os militares subiram 20% este ano em comparação com o mesmo período de 2019, registando-se um aumento nos incidentes de comportamento violento à medida que as tropas lutam contra a covid-19 e …

Turista apanhado a gravar as suas iniciais no Coliseu de Roma. Arrisca ser condenado a prisão

Um turista foi apanhado a gravar as suas iniciais no Coliseu de Roma, em Itália, e arrisca ser punido com um até um ano de prisão. De acordo com o diário italiano La Repubblica, o turista, …

Função Pública. Fesap exige subida de remuneração mínima para 693 euros

A Federação de Sindicatos da Administração Pública (Fesap) exige que a primeira posição da Tabela Remuneratória Única avance para 693,13 euros em 2021 e uma atualização do subsídio de refeição para seis euros. Estas duas medidas …