Atividade da amígdala cerebelosa associada a bullying em jovens

Certos padrões na atividade cerebral dos adolescentes, nomeadamente nas amígdalas cerebelosas, foi associada a comportamentos de bullying. Estes jovens revelaram ser menos empáticos perante rostos temerosos.

O bullying é um problema social que afeta muitas crianças e jovens nas escolas e que, cada vez mais, tem merecido a atenção que lhe é devida. Uma equipa de investigadores da Universidade da Califórnia encontrou uma associação entre a atividade das amígdalas cerebelosas e os comportamentos de bullying nos adolescentes.

As amígdalas cerebelosas são um grupo de neurónios que forma dois lóbulos situados na superfície inferior de cada hemisfério do cérebro.

Os jovens que fazem bullying aos seus colegas tendem a exibir um padrão diferente de atividade cerebral em resposta a certas expressões faciais, realçam os cientistas. De acordo com o PsyPost, esta descoberta pode ser um passo importante para ajudar a perceber o que provoca estes comportamentos e, consequentemente, ajudar a resolver o problema.

“O bullying é bastante comum na adolescência, com cerca de 25 a 50% dos jovens nos Estados Unidos a assumir terem feito bullying ou terem sido vítimas”, destaca a autora do estudo, Johnna R. Swartz. O estudo foi publicado no mês passado na revista científica Social Cognitive and Affective Neuroscience.

A psicóloga realça ainda que é sabido que o bullying está associado a problemas de saúde mental, razão pela qual achou interessante perceber o que poderia tornar os jovens mais suscetíveis a este tipo de comportamentos.

Como tal, os cientistas realizaram experiências com quase meia centena de jovens, onde lhes era pedido que associassem fotografias de expressões faciais à emoção correspondente.

Swartz e a sua equipa descobriram que adolescentes que praticavam bullying tinham mais tendência a exibir maior atividade nas amígdalas cerebelosas em resposta a caras mais enraivecidas. Pelo contrário, tinham uma menor atividade quando olhavam para rostos mais temerosos.

Isto significa que estes adolescentes são mais sensíveis aos sinais de raiva de outras pessoas, enquanto que, por outro lado, eram menos empáticos com caras que revelavam medo. “A maior atividade da amígdala em rostos enraivecidos também pode levar os adolescentes a detetarem mais hostilidade nas suas interações sociais”, disse Swartz.

No entanto, a investigadora faz uma ressalva, alertando para uma possível lacuna no seu estudo, já que a atividade das amígdalas foi medida durante o comportamento de bullying. Desta forma, não se percebe se estes padrões de atividade cerebral podem ter aumentado a probabilidade de bullying ou se o facto de ser um bully leva a estas mudanças.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

A nova aquisição da NASA é uma "balança" para exoplanetas

No ponto mais alto das montanhas Quinlan, com vista para o deserto de Sonora, que se estende pelo sul do Arizona, o NEID recolheu as suas primeiras observações, conhecidas coloquialmente pelos astrónomos como a "primeira …

Dois satélites "reformados" podem estar prestes a colidir na órbita da Terra

Dois satélites desativados passarão muito próximos um do outro em 29 de janeiro e, de acordo com a empresa de rastreamento de satélites LeoLabs Inc, há uma probabilidade de 1 em 100 de colidirem. Embora a …

FC Porto 2-1 Gil Vicente | “Dragão” afasta crise com reviravolta

O FC Porto voltou a sorrir. Após dois desaires – ambos diante do Braga – nos últimos três jogos, os “azuis-e-brancos” regressaram aos triunfos e derrotaram o Gil Vicente por 2-1 esta terça-feira, num embate …

Aeroporto de Southampton tem uma equipa canina para acalmar os passageiros

O Aeroporto de Southampton, no Reino Unido, tem uma equipa canina para acalmar os nervos dos passageiros que não gostam muito de andar de avião. Se alguma vez aterrar em Southampton, no Reino Unido, não se admire …

"Padres-robôs" dão bênçãos, fazem casamentos e até funerais

A Inteligência Artificial está a pavimentar o seu caminho em várias religiões espalhadas pelo mundo. "Padres-robôs" são capazes de dar bênçãos, fazer casamentos e até funerais. Há um novo padre em Kodaiji, um templo budista com …

Livro sugeria que o 11 de setembro tinha sido "orquestrado pela CIA". Editora obrigada a corrigir

A editora francesa Ellipses Publications teve que corrigir um livro de História no qual era sugerido que os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos (EUA), foram "orquestrados pela CIA". Segundo noticiou …

Paulo Coelho vai destruir rascunho de livro infantil escrito com Kobe Bryant

O escritor brasileiro Paulo Coelho anunciou hoje que pretende apagar o rascunho de um livro infantil que se encontrava a escrever em conjunto com o antigo basquetebolista norte-americano Kobe Bryant, que morreu no domingo num …

Encontrado famoso navio que desapareceu misteriosamente no Triângulo das Bermudas há 95 anos

Os destroços de um navio que desapareceu misteriosamente no Triângulo das Bermudas há 95 anos foram descobertos na costa da Florida, nos Estados Unidos. O SS Cotopaxi - um navio mercante norte-americano - deixou Charleston, na …

Ana Gomes diz que diretiva europeia sobre branqueamento de capitais é aplicável a Rui Pinto

A ex-eurodeputada socialista Ana Gomes disse hoje em Lisboa que pode aplicar-se ao ‘hacker’ Rui Pinto a diretiva europeia sobre branqueamento de capitais e financiamento do terrorismo, sem esperar pela transposição de legislação sobre o …

"Há grandes chances de Jesus sair em maio para o FC Porto", diz Carlos Alberto

Carlos Alberto, atual comentador desportivo e antigo jogador do FC Porto, acredita que os 'dragões' vão avançar para a contratação de Jorge Jesus, em maio. Recentemente, a ideia de Jorge Jesus no FC Porto tem ganho …