Astrónoma chilena de 25 anos descobre um novo planeta

Maritza Soto

A astrónoma chilena Maritza Soto diz que não esperava fazer uma descoberta notável tão cedo

A astrónoma chilena Maritza Soto diz que não esperava fazer uma descoberta notável tão cedo

Aos 25 anos de idade, a doutoranda chilena Maritza Soto realizou o sonho de qualquer astrónomo: descobrir um novo planeta, o HD 110014c.

O planeta HD 110014c, que orbita a estrela HD 110014, está a 293 anos-luz da Terra e tem uma massa pelo menos três vezes maior que a de Júpiter.

A descoberta foi publicada na revista científica da Royal Astronomical Society de Londres, após uma investigação de oito meses.

“Normalmente, para descobrir um planeta temos que usar métodos indirectos, porque não é como olhar para o céu e, de repente, reparar numa pequena mudança e, pronto, lá está um planeta”, explica Soto à BBC.

A astrónoma diz que, geralmente, estes planetas são difíceis de se observar, dada a proximidade com a estrela que orbitam.

“Para poder realmente vê-los, têm que ser planetas que sejam muito grandes e que estejam muito longe da estrela, ou seja, é muito difícil”, explica.

“O que fazemos é medir a estrela e ver as mudanças que acontecem quando há um planeta”.

Velocidade radial

Soto empregou o método da velocidade radial, que consiste em medir o movimento da estrela para poder concluir se há algum objecto à sua volta.

Foi assim que Soto e a sua equipa, composta pela astrónoma e por James Jenkins e Matías Jones, investigadores da Universidade do Chile, descobriram o novo planeta – o segundo naquele Sistema Solar.

NASA

A massa do novo planeta é 'no mínimo' três vezes maior do que a de Júpiter (na foto)

A massa do novo planeta é ‘no mínimo’ três vezes maior do que a de Júpiter (na foto)

O planeta tem pelo menos três vezes a massa de Júpiter, mas Soto diz que este é “um valor mínimo”, já que não é possível calcular a massa real.

A jovem estudante destacou que o planeta está muito próximo da estrela que orbita – bem mais próximo que a Terra do Sol.

“É um planeta gasoso gigante que está muito quente, porque está muito perto da sua estrela”, diz Soto.

Sucesso

O planeta, segundo a astrónoma, corre grande risco de ser engolido pelo seu sol, por causa da proximidade e do enorme tamanho da sua estrela vermelha.

Maritza Soto, que desde os 11 anos que já sabia que queria seguir carreira na astronomia, diz que não esperava alcançar um sucesso tão grande tão cedo.

“Sempre estudei astronomia com a ideia de que ‘talvez… alguma vez… pode ser… que encontre algo novo’. Mas nunca pensei que o fosse conseguir tão cedo”, disse.

A jovem astrónoma salienta o facto de actualmente, os cientistas da América Latina poderem partilhar descobertas com astrónomos conhecidos, de países desenvolvidos – muito graças à enorme quantidade de telescópios e observatórios internacionais instalados no Chile.

As montanhas do país, que ganhou a alcunha de ‘olhos do mundo‘, oferecem condições de excelência para a observação dos nossos céus.

B. Tafreshi / ESO

A rede de telescópios ALMA, nos Andes chilenos.  O Chile é chamado de 'olhos do mundo' por concentrar 40% da observação astronômica mundial

A rede de telescópios ALMA, nos Andes chilenos. O Chile é chamado de ‘olhos do mundo’ por concentrar 40% da observação astronómica mundial

O grupo de Soto vai agora continuar a investigar para tentar entender a dinâmica entre o novo planeta e os outros planetas que orbitam o seu sol.

A equipa está também a tentar encontrar novos planetas próximo de outros tipos de estrelas, que não são normalmente muito estudadas.

“Esperamos que isso nos leve a descobertas ainda maiores”, conclui Soto.

ZAP / BBC

PARTILHAR

RESPONDER

"Surpreendente e fascinante". Descoberta pela primeira vez uma aurora sobre um cometa

A nave Rosetta da Agência Espacial Europeia (ESA) detetou uma aurora boreal sobre o cometa 67P / Churyumov-Gerasimenko (67P / C-G). Em comunicado, os cientistas envolvidos na deteção frisam que esta é a primeira vez quem …

Austrália não quer que turistas caminhem na famosa rocha sagrada Uluru (nem no Google Maps)

A Austrália pediu ao Google que remova do seu serviço Maps fotografias tiradas do topo de Uluru, o monólito aborígine sagrado que os visitantes estão proibidos de escalar desde o ano passado. De acordo com a …

NASA vai procurar aquíferos nos desertos com tecnologia já usada em Marte

Uma parceria entre a NASA e a Fundação Qatar tem como objetivo procurar as cada vez mais escassas águas que estão enterradas nos desertos do Saara e da Península Arábica. Este processo deverá ser desenvolvido …

Os aeroportos mudam o nome das pistas (e a culpa é dos pólos magnéticos da Terra)

O pólo norte magnético pode mover-se até 64 quilómetros por ano. Isto pode ser um problema para os pilotos de aviões. A pista 17L/35R, no Aeroporto Internacional de Austin-Bergstrom, no estado norte-americano do Texas, não terá …

Rússia quer ultrapassar Tom Cruise e ser a primeira a gravar um filme no Espaço

O ator Tom Cruise quer rodar um filme no Espaço, mas a Rússia quer ser a primeira, de acordo com um comunicado da agência espacial Roscosmos. Os Estados Unidos e a Rússia são, novamente, os protagonistas …

Os animais perdem o medo dos predadores depois de contactarem com o Homem

Uma nova investigação concluiu que os animais selvagens perdem rapidamente o medo dos seus predadores depois de entrarem em contacto com o Homem. A maioria dos animais selvagens, como é o caso dos leões, exibe …

Há mais 884 casos confirmados e oito óbitos por covid-19 em Portugal

De acordo com o último boletim divulgado epidemiológico da Direção-Geral da Saúde (DGS), Portugal regista, este sábado, mais oito óbitos e 884 novos casos de infeção pelo novo coronavírus. Assim, Portugal contabiliza, desde o início da …

Negros norte-americanos estão a comprar armas em valores recorde

O número de afro-americanos a comprar armas aumentou drasticamente. Em causa, estará uma resposta ao agravar das tensões sociais no país devido ao movimento Black Lives Matter. Nos Estados Unidos, os protestos do movimento Black Lives …

Sporting paga 5 milhões e "rouba" Bruno Tabata ao Braga

O Sporting conseguiu 'roubar' Bruno Tabata ao Sporting de Braga. O extremo do Portimonense assina pelos 'leões' num contrato válido por cinco temporadas. Bruno Tabata está a caminho do Sporting CP, avança este sábado o jornal …

Há (pelo menos) 16 escolas com casos de covid-19, mas não há dados oficiais

Nem o Ministério da Educação, nem a Direcção Geral de Saúde (DGS) revelam o número de casos de covid-19 nas escolas, depois da reabertura do ano lectivo. Mesmo sem dados oficiais, é possível contabilizar, pelo …