Astrofísico quer voltar ao passado (e já sabe como construir uma máquina do tempo)

O astrofísico Ron Mallett acredita que encontrou uma forma de viajar no tempo – pelo menos teoricamente. O investigador disse ter escrito uma equação científica que pode ser a base de uma verdadeira máquina do tempo.

Em declarações à CNN, o investigador de física da Universidade de Connecticut, nos Estados Unidos, explicou que chegou a uma equação científica que pode ser usada para construir um máquina do tempo real. Ron Mallett construiu mesmo um protótipo do dispositivo para ilustrar um componente-chave da sua teoria.

Para entender a máquina de Mallett, é precisa conhecer o básico da teoria da relatividade especial de Albert Einstein, que afirma que o tempo acelera ou desacelera dependendo da velocidade com que um objeto se está a mover.

Com base nessa teoria, se uma pessoa estivesse numa nave espacial a viajar perto da velocidade da luz, o tempo passaria mais lentamente para eles do que para alguém que permanecesse na Terra. Essencialmente, o astronauta poderia percorrer o Espaço em menos de uma semana e, quando regressasse à Terra, já teriam passado 10 anos para as pessoas no planeta, fazendo parecer que o astronauta tinha viajado para o futuro.

Porém, embora muitos físicos aceitem que saltar para a frente no tempo dessa forma provavelmente é possível, viajar no tempo para o passado é outra questão – e Mallett acha que poderia resolvê-la recorrendo ao uso de lasers.

A ideia de Mallett depende de outra teoria de Einstein: a teoria geral da relatividade. Segundo essa teoria, objetos massivos dobram o espaço-tempo – um efeito que percebemos como gravidade. Quanto maior a gravidade, menor o tempo. “Se pudermos dobrar o Espaço, existe a possibilidade de torcer o espaço”, disse Mallett à CNN. “Na teoria de Einstein, o que chamamos de espaço também envolve tempo. O que se faz com o Espaço também acontece com o tempo.”

O investigador acredita que é teoricamente possível colocar o tempo em loop, o que permitiria viajar no tempo para o passado. “Ao estudar o tipo de campo gravitacional produzido por um laser em anel, pode levar a uma nova forma de olhar para a possibilidade de uma máquina do tempo baseada num feixe de luz circulante”, disse.

No entanto, apesar do otimismo de Mallett, os seus colegas não estão convencidos de que a sua máquina do tempo venha a ser concretizada. “Não acho que [o trabalho] seja necessariamente frutífero“, retorquiu o astrofísico Paul Sutter à CNN. “Porque acho que existem falhas profundas na sua matemática e na sua teoria, e, portanto, um dispositivo prático parece inatingível”.

De facto, recorda o Futurism, até Mallet admite que a ideia, para já, é totalmente teórica.

ZAP //

PARTILHAR

7 COMENTÁRIOS

    • O vídeo pode ser interessante para quem nunca tenha pensado nisso, mas o autor do vídeo se calhar achou que descobriu uma coisa muito importante, quando na realidade é um facto óbvio para quem tem o mínimo interesse no assunto. A velocidade que o sistema solar viaja pelo espaço (referida no vídeo) é como todas as velocidades: relativa. Neste caso relativa ao centro galáctico. O autor do vídeo esqueceu-se foi da velocidade a que a galáxia viaja pelo espaço em torno do centro de massa do cluster galáctico local (levando consigo o sistema solar), da velocidade com que o cluster galáctico local gira em torno do centro de massa do supercluster, e por aí fora. Não tem fim. E quem sabe, se tiver fim, no fim de contas não saímos do mesmo sítio.
      Noutro registo, a tentativa que o autor do vídeo faz ao tentar ligar o “vortex” com a “vida” é bastante ingénua e sem fundamento, não passando de uma pareidolia. É como ver padrões nas nuvens. Ao autor do vídeo, e talvez do comentário, aconselho dar uma vista de olhos nos autómatos celulares e no trabalho do Stephen Wolfram, no qual pelo menos existe uma tentativa de explicação desses padrões.
      Por fim, embora compreenda o ponto de vista do autor do comentário, sendo a massa aquilo que dobra o espaço-tempo, e sendo a gravidade uma força atrativa entre massas, não me parece que o facto “revelado” pelo vídeo seja necessariamente um impedimento prático de viagens no tempo. Quem sabe se o objeto a viajar no tempo não o faz em torno da massa em questão (sistema solar)? No fim de contas isto é tudo altamente especulativo, e penso que não faz sentido falar em “impossibilidades”, pois na realidade ninguém sabe.
      De qualquer das formas, embora pouco “científico”, o vídeo é bonito, por isso, obrigado.

  1. Video um pouco redundante. Não trás novidade nenhuma. Tudo está em movimento no universo… O próprio espaço está em expansão e dentro dele, os objectos também se movem. As galáxias movem-se em expiral e afastam-se umas das outras.

    O movimento é ele próprio relativo a um ponto de referência e como tal, nada é estático e tudo pode ser estático, dependendo do ponto de referência. Eu não me movo relativamente ao computador mas estamos ambos a viajar pelo Espaço. As órbitas são elipses em relação ao Sol, e expirais em relação a objectos dos quais o sol se afasta.

  2. Viagens no tempo são impossiveis, pois o tempo como imaginamos não existe. Imaginar a existência do tempo implicaria em fracionamento da existência como em um fio enrolado sobre si mesmo mas com início e fim, então você poderia ir para frente e para trás. Mas a existência tem um só plano, onde o que é determinante são suas regras de combinações dentro da equação da existência, onde o movimento acontece.

  3. Na verdade quando falamos em tempo, estamos nos referindo a algo imaginário. Nem podemos dizer que um relógio mede o tempo, ele apenas mede aquilo que ele mesmo produz, de acordo com seu próprio mecanismo de funcionamento, assim como um relógio atómico que mede algo produzido por átomos e não o tempo em si. Ainda assim, o ser humano poderia retardar ou acelerar o movimentos dos seus átomos de forma a envelhecer mais rápido ou mais devagar, isso vai apenas afetar ele e algo que estiver sob a mesma circunstância. Não vai poder voltar no tempo, porque não pode mudar o universo, apenas mudar a si mesmo.

  4. Quem me dera que a máquina do tempo existisse,eu daria tudo ( ou quase tudo ) para voltar atrás no tempo !!
    Pensem bem em todas as decisões que fazem e ,para quem é jovem,aproveite bem a juventude que passa depressa mesmo…depressa demais

RESPONDER

Nova aplicação deteta insuficiência cardíaca através da voz

Foi desenvolvida uma nova aplicação para smartphones que prevê a insuficiência cardíaca através da voz. A tecnologia baseia-se num dos sintomas mais comuns: a falta de ar. O sintoma mais comum da insuficiência cardíaca é a …

Atividade física ajuda a prevenir a perda de visão

Uma nova investigação sugere que o exercício físico pode ser um componente-chave na prevenção da perda de visão. Os benefícios da atividade física são cada vez mais conhecidos, mas há alguns que devem ser tidos em …

Dubai vai construir uma cidade marciana no deserto

O Dubai tem em mãos um projeto ambicioso: a construção de uma cidade marciana. O projeto foi apresentado por uma empresa sediada em Copenhaga e Nova Iorque e é uma parte do plano dos Emirados …

Coreia do Norte voltou a rejeitar negociações com os Estados Unidos

A Coreia do Norte disse, esta terça-feira, que não tenciona retomar o diálogo com os Estados Unidos, quando o vice-secretário de Estado norte-americano, Stephen Biegun, chegou à Coreia do Sul para discutir diplomacia nuclear. Num comunicado …

Construiu uma cadeira de rodas com bicicletas elétricas para a namorada. Agora, vai produzi-la em massa

Para Zack Nelson, construir esta  peça inovadora de engenharia foi "super divertido e surpreendentemente simples". Há cerca de um ano, Zack Nelson, o youtuber de tecnologia do canal JerryRigEverything, uniu duas bicicletas elétricas para criar uma …

A reeleição de Trump nunca esteve tão ameaçada. A culpa é do pessimismo dos americanos

A gestão do Presidente norte-americano face à pandemia e a perspetiva de uma crise económica ameaçam a reeleição de Donald Trump. Um estudo de opinião da Fundação Peter G Peterson para o The Financial Times indica …

Ministros da Indonésia promovem colar de eucalipto como cura para a covid-19

O ministro da Agricultura da Indonésia foi muito criticado por especialistas por alegar que um colar feito de eucalipto pode ajudar a impedir a transmissão da covid-19. Segundo o The Guardian, o ministro da Agricultura da …

SATA pede auxílio ao Estado no valor de 163 milhões de euros

A SATA, companhia aérea detida a 100% pela Região Autónoma dos Açores, precisa do valor até ao final do ano para pagar dívidas. A SATA pediu um auxílio ao Estado de 163 milhões de euros para …

Cortiça portuguesa usada em foguetões da Space X

A Corticeira Amorim forneceu a Space X, de Elon Musk, para componentes usados nos foguetões espaciais da empresa, adiantou o presidente da empresa, António Rios Amorim. "É o nosso maior cliente [deste segmento] neste momento desde …

Pandemia põe em risco mais de 40% dos empregos no Algarve

Além do Algarve, outros destinos turísticos europeus, como ilhas do sul da Grécia, Canárias e Baleares, estão também em risco. As regiões onde o turismo tem mais peso enfrentam um risco maior de destruição de emprego, …