Asteroide de 5km vai passar a rasar a Terra antes do Natal

Um asteróide com cerca de 5km de extensão vai passar “de raspão” na Terra no dia 16 de dezembro. A NASA destaca que não há motivo para pânico.

O asteróide 3200 Phaeton vai passar a cerca de 10 milhões de quilómetros do nosso planeta. Segundo o IFLScience, à escala astronómica, a distância é um “fio de cabelo”, apenas 26 vezes maior que a distância entre a Terra e a Lua.

De acordo com a NASA, não há motivo para alarme, dado que é extremamente improvável que a passagem do Phaeton cause qualquer tipo de dano ao planeta Terra.

Os cientistas estão convencidos de que o asteróide Phaeton é o responsável pela chuva de meteoros das Geminíadas, observada todos os anos nos dias 13 e 14 de dezembro. 

Apesar de a órbita do Phaeton ser muito semelhante à dos meteoros das Geminíadas, as chuvas de meteoros são provocadas, geralmente, por cometas – o que não é o caso de Phaeton. A hipótese é de que o Phaeton esteja literalmente a partir-se aos poucos, fazendo com que apresente uma atividade muito idêntica à dos cometas.

A passagem do asteróide vai permitir observações precisas a partir dos observatórios de Arecibo, em Porto Rico, e Goldstone, na Califórnia. A agência especial afirma, em comunicado, que “as imagens serão excelentes para obter um modelo detalhado em 3D”.

A aparição deste ano será a mais próxima da Terra desde a descoberta do Phaeton, diz a NASA. A última passagem próxima da Terra ocorreu em 2007.

De acordo com os cálculos da NASA, o asteróide Phaeton irá voltar a aproximar-se da Terra em 2050 e, a 14 de dezembro de 2093, passará apenas a 1,9 milhões de quilómetros do nosso planeta – o que não significa, porém, que seremos atingidos, garante a NASA.

Devido à sua trajetória, o asteróide é classificado pelos astrónomos como o terceiro maior Asteróide Possivelmente Danoso (PHA) identificado. Os outros dois são o asteróide 53319 1999 JM8, com cerca de 7 km de extensão, e o 4183 Cuno, cerca de 5,6 km.

ZAP //

PARTILHAR

13 COMENTÁRIOS

  1. A notícia tem um erro técnico. O asteróide vai passar a 10 milhões de km. A Lua está a 365.000 Km. Portanto não vai passar 26 vezes mais perto!

      • Mesmo assim ainda não está bem.
        Ora vejam:
        “(…) 10 milhões de quilómetros do nosso planeta. Segundo a BBC, a distância pode parecer grande, mas é 26 vezes mais pequena do que a distância do nosso planeta até à lua. (…)”

    • Meu caro (minha cara), sinceramente… ciência é ciência, e exactidão jornalística é exactidão jornalística. Nada mais do que isso. Quando eu me engano agradeço a quem me possa alertar para o facto.

    • Então, Intelectual: Estamos no Brasil e não em Portugal, dito isso, o termo correto seria “fato”. De nada.

      • mas caro amigo, este site é escrito em Português de Portugal pois é de Portugal…portanto, não venham praqui meter nojo! afff, era o q mais faltava, brazucas funkeiros q mal sabem o abecedário a reclamar das coisas…

      • Ó cara que escreve errado…, se pensasse um pouquinho não escreveria o que escreveu. Se o Intelectual estiver a chamar a atenção de um português, fez muito bem em escrever “facto”, uma vez que em Português é assim que se escreve.

      • Se eu viesse de fato ainda conseguia responder de melhor forma, mas, como venho de terno ou seja, num fato de três pernas nas calças, fico sem resposta perante um português importado e, alterado, pelos escravos vindos de áfrica e que foram colonizar o Brasil. Para os negros que chegaram naquela época, é bastante natural terem adulterado o português correcto.

        • Caro Salmão, não foram os negros que adulteraram o Português. Foram e continuam a ser os brasileiros das últimas gerações, pois até os seus antepassados escreviam e falavam bem a Língua Lusa. O sotaque era diferente, mas não perturbava. Agora é o que se vê. Claro que eles têm o direito de falarem como querem. Até podem criarem uma nova língua – o Brasileiro -, mas não têm o direito de desrespeitarem a Língua de Camões, a Língua de Portugal.
          Infelizmente, também por cá temos os assassinos da Língua, inventando “acordos”, amparados pela política de analfabetos.

  2. Agora eu percebo pq no Brasil existem tantas piadas com portugueses…Olha o nome que eu estou utilizando e mesmo assim vocês levam a sério, pqp KKKKKKKKKKKKKK

RESPONDER

Cientistas criam hidrogel que se cura a si mesmo como a pele humana

A carne artificial, que pode vir a ser essencial para futuros desenvolvimentos em robótica e dispositivos médicos, está cada vez mais próxima de se tornar realidade. Cientistas na Austrália criaram um novo material gelatinoso que, asseguram, …

As estranhas "riscas de tigre" de Encélado foram finalmente explicadas

A lua gelada de Saturno, Encélado, tem despertado especial interesse na comunidade científica desde que foi observada em detalhe pela sonda espacial da NASA Cassini em 2005. Agora, uma equipa de cientistas encontrou resposta para …

Nicolas Bourbaki foi o maior matemático de sempre (mas nunca existiu)

Considerado como um dos maiores matemáticos de sempre, Nicolas Bourbaki não passava de um pseudónimo adotado por um grupo de grandes matemáticos, que revolucionou a matemática como a conhecemos. Nicolas Bourbaki está entre os maiores matemáticos …

No aquário do Tennessee, é uma enguia que acende as luzes da árvore de Natal

A enguia Miguel Wattson é a responsável pelo espírito natalício que se vive no Aquário do Tennessee, nos Estados Unidos. O Aquário do Tennessee, nos Estados Unidos, encontrou uma forma inusitada de celebrar esta época festiva: …

Há 34 anos, Diana dançou com Travolta. Agora, o seu vestido foi vendido por 261 mil euros

O vestido que a Princesa Diana usou para jantar na Casa Branca, em 1985, foi vendido por mais de 261 mil euros. O vestido azul que a Princesa Diana usou num jantar na Casa Branca, em …

Doentes crónicos com baixo nível de literacia em saúde recorrem mais às urgências

Os doentes crónicos e com um nível de literacia em saúde mais baixo utilizam mais vezes os serviços de urgência hospitalares e dos centros de saúde, bem como as consultas de medicina geral e familiar, …

Ártico viveu em 2019 o segundo ano mais quente em 119 anos

O Ártico viveu em 2019 o seu segundo ano mais quente desde 1900, de acordo com um relatório publicado na terça-feira, aumentando receios de degelo e aumento do nível da água. O Polo Norte está a …

Jardineiro encontra por acaso a obra mais procurada de Gustav Klimt. Estava no galeria onde foi roubada

Um funcionário da galeria de arte Ricci Oddi, na cidade italiana de Piacenza, encontrou por acaso a obra mais procurado do pintor austríaco Gustav Klimt. Estava na própria galeria, onde a obra terá sido roubada …

YouTube reforça políticas contra assédio online

O YouTube anunciou, esta quarta-feira, um conjunto de alterações às políticas que visam combater o assédio que existe na plataforma. O YouTube anunciou esta quarta-feira o reforço das suas políticas contra o assédio online, que preveem …

Deus bebé indiano vence caso em tribunal e reinvindica território sagrado

O Supremo Tribunal Indiano declarou Ram Lalla Virajman, um deus bebé, como o legítimo proprietário de Ayodhya, uma terra no norte da Índia considerada sagrada por muçulmanos e hindus. O tribunal decidiu que o Governo …