Associação quer carros da Uber e Cabify parados devido a multas da PSP

(dr) Tech in Asia

-

A PSP multou 131 carros Uber e Cabify em dois meses, em várias operações de fiscalização, mas é o Instituto da Mobilidade e dos Transportes (IMT) que vai decidir as coimas a aplicar.

Segundo o Obervador, a Associação Nacional de Transportadores Utilizadores de Plataformas Eletrónicas (ANTUPE) está a aconselhar os motoristas a deixarem de prestar este serviço até a regulamentação ser aprovada, “para evitar surpresas”.

“Já informámos os nossos associados para não continuarem com este tipo de transporte, tendo em conta que deveríamos esperar que a regulamentação seja aprovada. Aconselhamos neste sentido para não serem surpreendidos com os valores elevados das contra-ordenações”, disse Chetane Meggi, fundador da ANTUPE.

As multas podem chegar aos 15 mil euros, dependendo se a coima é passada ao motorista (entre 2 mil e 4.500 euros) ou ao detentor da viatura (entre 5 mil e 15 mil euros).

João Pica, o presidente da Associação Nacional de Parceiros das Plataformas Alternativas de Transportes (ANPPAT) – a outra associação que representa o setor – não aconselha os motoristas a interromperem a actividade “para já”.

“Estamos a dizer aos associados para, se forem autuados, contestarem no IMT. É um direito legal que têm. Vamos ser ouvidos no Parlamento para a semana e, consoante as respostas que saírem dessas reuniões, tomamos uma decisão”, adiantou.

PSP dá instruções para multar até que haja nova lei

“Após análise e discussão com várias entidades (IMT, DN), foi elaborado o parecer técnico infra pela Divisão de Trânsito, concluindo-se que os serviços Uber e Cabify, ou outros análogos, até que seja publicado e entre em vigor o diploma que regulamentará estes serviços, estão em violação do n.º4 do art.º 28 (prática de angariação, com recurso a sistemas de comunicações eletrónicas, de serviços para viaturas sem alvará)”, lê-se no documento divulgado pelo Comando Metropolitano da PSP do Porto.

A alteração ao decreto-lei que regulamenta o mercado e a atividade dos transportes em táxi veio reforçar “as medias dissuasoras da atividade ilegal” no setor e foi publicada a 21 de novembro do ano passado.

Essa lei passa a aplicar-se também “à prática de angariação, com recurso a sistemas de comunicações eletrónicas, de serviços para viaturas sem alvará” – como a Uber e a Cabify.

As autoridades dizem que os carros da Uber e Cabify, por não terem o alvará, estão sujeitos a uma multa, mas para João Pica, a alteração legislativa incide apenas sobre os taxistas e deixa de fora carros ao serviço das plataformas eletrónicas.

“A lei refere o transporte de serviço em táxi. E nós não prestamos serviço de táxi. Não estamos a ser regulamentados assim, mas enquanto veículos descaracterizados (TVDE). Essa alteração à lei refere-se única e exclusivamente ao transporte em táxi“, adiantou ao Observador.

Já o advogado Miguel Santos Pereira explicou que “a lei é claríssima. Além das contraordenações previstas para as viaturas que fazem transporte em táxi (…) vai mais longe e diz que este regime sancionatório também se aplica a viaturas que não é suposto terem alvará, mas que fazem um serviço semelhante ao do táxi”.

“É inequívoco que esta alteração foi efetuada para abranger os motoristas que funcionam através da Uber e da Cabify”, acrescentou.

A Federação Portuguesa do Táxi já pediu uma reunião “urgente” com o Ministério da Administração Interna a propósito da do combate aos ilegais pela PSP, afirmando que este comportamento poderia criar “novas situações de revolta social”.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Os Simpsons podem ter previsto o surto do novo coronavírus da China

A série de televisão animada "Os Simpsons" é conhecida por ter feito profecias que, com o passar do tempo, se tornaram mesmo realidade. Agora, os fãs do programa parecem ter encontrado um episódio que prediz …

Identificada nova espécie de dinossauro que viveu há mais de 150 milhões de anos

Paleontólogos identificaram, nos Estados Unidos, uma nova espécie de dinossauro do género dos alossauros, que viveu há mais de 150 milhões de anos. A espécie, que tem o nome de Allosaurus jimmadseni, foi identificada a partir …

Escorpião com 436 milhões de anos foi dos primeiros animais a pisar a Terra

Cientistas descobriram um escorpião com 436 milhões de anos que terá sido um dos primeiros animais da Terra a migrar dos habitats aquáticos para os terrestres. Foram encontrados dois fósseis da espécie num antigo mar tropical …

Bruno de Carvalho disposto a liderar SAD do Sporting com Varandas

O ex-presidente do Sporting admitiu, esta sexta-feira, estar disposto a liderar a SAD do clube, mesmo com Frederico Varandas como presidente. No seu comentário semanal na Rádio Estádio, Bruno de Carvalho disse estar disposto a regressar …

A Inteligência Artificial teria resolvido o mistério da fuga de Alcatraz

Um programa de Inteligência Artificial (IA) poderia ter resolvido o mistério da fuga dos irmãos irmãos John e Clarence Anglin e Frank Morris da prisão de Alcatraz, que foi considerada uma das mais seguras dos …

Mais de 30 militares dos EUA ficaram com lesões cerebrais após ataque iraniano

Mais de 30 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque iraniano na base militar de Ain al-Assad, no Iraque. 34 militares norte-americanos ficaram com lesões cerebrais traumáticas na sequência do ataque levado …

Homem que torturou suspeitos de planear o 11 de setembro diz que o voltaria a fazer

James Mitchell torturou os cinco suspeitos de terem planeado o ataque de 11 de setembro de 2001. Em tribunal, disse que não tem remorsos e que o voltaria a fazer. James Mitchell foi o psicólogo responsável …

Belenenses e Belenenses SAD chegam a acordo para suspender ações judiciais

A Federação Portuguesa de Futebol (FPF) anunciou, esta sexta-feira, que foi alcançada uma suspensão das ações judiciais entre o Belenenses e a Belenenses SAD. Em comunicado publicado na sua página oficial, a FPF informou que o …

Amazon quer que os clientes paguem com as mãos

A gigante tecnológica Amazon quer que os  clientes comprem e efetuem o pagamento com um aceno da mão em vez de passar um cartão numa máquina. De acordo com o Wall Street Journal, que cita fontes …

59 autarcas constituídos arguidos na Operação Éter

O Ministério Público constituiu 74 arguidos, 59 dos quais autarcas e ex-autarcas de 47 câmaras do Norte e Centro, no processo da investigação às Lojas Interativas da Turismo do Porto e Norte, realizada no âmbito …