Arqueólogos encontraram provas da história da Bíblia sobre destruição de Jerusalém

Geagea / Wikimedia

“Cerco e destruição de Jerusalém”, óleo em tela (1850) de David Roberts David Roberts (1796–1864)

Uma equipa de arqueólogos que investiga a Cidade de David, em Jerusalém, encontrou provas históricas de que uma passagem da Bíblia, sobre a destruição levada a cabo pelos Babilónios, aconteceu mesmo.

Está em causa o grande incêndio que terá sido ateado pelos Babilónios, sob o comando do rei Nabucodonosor, e que destruiu Jerusalém, por volta de 587 antes de Cristo. Os arqueólogos encontraram artefactos queimados, datados de há 2.600 anos, que confirmam a história descrita na Bíblia.

Estes vestígios, que incluem “cerâmica queimada, madeira, sementes de uva e ossos cobertos por camadas de cinzas”, além de “pontas de seta da Babilónia”, conforme refere o site Iflscience.com, foram encontradas no Parque Nacional das Muralhas de Jerusalém.

Os arqueólogos da Autoridade das Antiguidades de Israel (AAI) acreditam que são provas do relato que é feito no Livro de Jeremias que refere que os Babilónios “queimaram todas as casas de Jerusalém“.

Os objectos foram encontrados por baixo de múltiplas camadas de pedra na Cidade de David, entre dezenas de recipientes de cerâmica que foram usados para armazenar grãos e líquidos. Foram as alças estampadas e os selos de roseta destes jarros que permitiram concluir que os artefactos têm 2.600 anos.

“Estes selos são característicos do fim do período do Primeiro Templo. Foram usados pelo sistema administrativo que se desenvolveu no final da dinastia da Judeia”, explica o arqueólogo que lidera as escavações, Joe Uziel, num vídeo divulgado pela AAI.

“Mas parece que nem todos os edifícios foram destruídos num evento único. Parece que alguns foram destruídos e outros foram abandonados“, acrescenta Joe Uziel.

Os indícios encontrados apontam nesse sentido e os investigadores acreditam que nem toda a cidade foi destruída pelo grande incêndio, como sugere a Bíblia.

De qualquer modo, os arqueólogos sustentam que, além de uma história bíblica, o grande incêndio de Jerusalém foi também um acontecimento histórico real.

ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

  1. Um bem haja a todos os estudiosos que se dedicam a trabalhar para que possamos ter respostas para muitos inigmas que surgem nos relatos, quer bíblicos, quer de histórias antigas com os nossos antepassados, muito obrigado pelo vosso esforço, continuem a enriquecer a nossa história, parabéns.

  2. No video – como é óbvio tratando-se de uma abordagem científica – não há qualquer referência à bíblia!

    E porque haveria já que, para além de algures referir o que é referido também em outros escritos da antiguidade – quase nada! Enquanto escritura central de umas quantas religiões – absolutamente nada!

    Mas não deixa de ser irónico escutar um judeu a – por razões técnicas – ser forçado a usar a expressão BC!

RESPONDER

Tondela vs Benfica | Pizzão em goleada na Beira Alta

O Benfica conseguiu a maior goleada da sua temporada fora de casa. Na deslocação a Tondela, os “encarnados” venceram por claros 5-1, numa noite de grande inspiração de Pizzi – estreou-se a marcar esta época …

Turquia quer abrir embaixada na parte oriental de Jerusalém como capital palestiniana

O presidente da Turquia disse, este domingo, que o país planeia abrir uma embaixada em Jerusalém Oriental como capital de um futuro Estado palestiniano, depois dos EUA terem reconhecido Jerusalém como capital de Israel. “Já declarámos …

Sporting vs Portimonense | Leão sereno soma e segue

O Sporting subiu ao primeiro lugar da tabela na Liga NOS, de forma provisória, ao vencer, por 2-0, o Portimonense, em Alvalade. A equipa liderada por Jorge Jesus soube contrariar as adversidades impostas por um Portimonense …

Isabel dos Santos usou dinheiro da Unitel para controlar a Zon e criar a NOS

A empresária angolana utilizou dinheiro da maior operadora móvel do país para comprar ações da Zon e realizar a fusão entre a Zon e a Optimus, criando a NOS.  Segundo o Público, entre maio de 2012 …

Empresas de autocarro e comboio de acidente em França com versões contraditórias

A condutora do autocarro que, na quinta-feira, colidiu com um comboio, no sudoeste de França, diz que as cancelas da passagem de nível estavam levantadas quando atravessou a linha, mas a companhia ferroviária afirma o …

Santana Lopes "está a fazer as mesmas trapalhadas que fazia em 2004"

O antigo presidente da Câmara do Porto diz que, relativamente à questão dos debates na televisão, o rival à liderança do PSD só está a mostrar que continua "a fazer exatamente as mesmas trapalhadas que …

Equipa de Trump acusa Mueller de ter obtido milhares de emails ilegalmente

O Procurador Especial que investiga a interferência russa nas eleições presidenciais dos EUA em 2016 obteve de forma ilegal "dezenas de milhares de emails", segundo um advogado da equipa de transição de Donald Trump. Numa carta …

6 meses depois, ainda há quem pergunte pela "estrada da morte"

O chamado "turismo da desgraça" ainda persiste pela zona de Pedrógão Grande, mas com muito menos frequência do que nas primeiras semanas e meses após o incêndio de 17 de junho. Na estrada 236-1, seis meses …

Atentado contra igreja no Paquistão faz pelo menos 8 mortos e 30 feridos

Pelo menos oito pessoas morreram e 30 ficaram feridas, este domingo, durante um ataque suicida contra uma igreja no sudoeste do Paquistão a poucos dias do Natal, anunciou a polícia. O ataque foi perpetrado por dois …

Gravuras rupestres mostram que os cães ajudaram o Homem a sobreviver

Foram descobertas na Arábia Saudita gravuras rupestres que mostram que o Homem já caçava com cães há oito mil anos. Os cientistas continuam a tentar perceber quando e como é que começou a relação entre humanos …