Arqueólogos encontram fábrica de cerveja com 4,5 mil anos no Egito

(dr) Ancient Egypt Research Associates

Encontradas duas casas antigas perto das pirâmides de Gizé, no Egito

Um grupo de arqueólogos descobriu duas casas antigas perto das pirâmides de Gizé, no Egito. As estruturas podem ter ser sido utilizadas para a produção de alimentos e cerveja há mais de 4.500 anos.

Sábios e pioneiros em tanta coisa, os antigos egípcios eram grandes engenheiros e sabiam o que era preciso para realizar as suas impressionantes construções – sabiam, inclusive, o que era necessário para manter bem e produtivos os milhares de trabalhadores que as colocavam de pé.

Para levantar as pirâmides, os trabalhadores precisavam também, além de alimentos e mantimentos em geral, de cerveja. Na construção da pirâmide de Miquerinos – uma das três pirâmides de Gizé em homenagem ao faraó Menkaure -, havia entre as instalações da obra uma fábrica de cerveja.

Entre a estruturas, que datam de 2490 a.C a 2472 a.C, foi descoberta uma instalação que funcionava como uma espécie de sede, onde sacerdotes e altos funcionários do governo coordenavam a fabricação de pães e cerveja, na mesma época da construção da pirâmide.

A descoberta foi confirmada através das ferramentas encontradas no local. As instalações fazem parte de um grande complexo que servia como um porto, localizado ao pé do rio Nilo, por onde chegavam os mantimentos.

Na segunda casa descoberta funcionava uma sala destinada especialmente para a contenção e o abate de animais. Para alimentar os trabalhadores e manter a monumental construção em funcionamento, era fundamental a existência de um porto.

A cerveja, no entanto, era fabricada no próprio local, sendo oferecida como parte fundamental do cardápio dos trabalhadores, na sua maioria escravizados, que colocaram as pirâmides de pé.

“Porto nacional do seu tempo”

Ambas as casas encontradas estão localizadas no que Mark Lehner, diretor Associação de Pesquisa do Egito Antigo, acredita ser “basicamente o porto nacional de seu tempo“, onde mercadorias e materiais chegavam provenientes de todo o Egito e do leste do Mediterrâneo.

Segundo o investigador, estas estruturas faziam parte das chamadas “galerias“, que podem ter alojado uma força paramilitar em Gizé. Lehner disse que estes espaços podiam abrigar cerca de mil pessoas e, qualquer alimento produzido perto das duas casas, era provavelmente destinado aos moradores das galerias. Podendo, no entanto, parte dele ser também destinado aos trabalhadores.

Os arqueólogos já tinham encontrado outras residências junto a este porto, incluindo uma casa com 21 cómodos, que era utilizada por escribas que trabalhavam lá.

Associação de Pesquisa do Egito Antigo liderou e coordenou as descobertas na área. As escavações serão novamente retomadas em 2019.

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

Responder a Sousa Cancelar resposta

Dois satélites "reformados" podem estar prestes a colidir na órbita da Terra

Dois satélites desativados passarão muito próximos um do outro em 29 de janeiro e, de acordo com a empresa de rastreamento de satélites LeoLabs Inc, há uma probabilidade de 1 em 100 de colidirem. Embora a …

FC Porto 2-1 Gil Vicente | “Dragão” afasta crise com reviravolta

O FC Porto voltou a sorrir. Após dois desaires – ambos diante do Braga – nos últimos três jogos, os “azuis-e-brancos” regressaram aos triunfos e derrotaram o Gil Vicente por 2-1 esta terça-feira, num embate …

Aeroporto de Southampton tem uma equipa canina para acalmar os passageiros

O Aeroporto de Southampton, no Reino Unido, tem uma equipa canina para acalmar os nervos dos passageiros que não gostam muito de andar de avião. Se alguma vez aterrar em Southampton, no Reino Unido, não se admire …

"Padres-robôs" dão bênçãos, fazem casamentos e até funerais

A Inteligência Artificial está a pavimentar o seu caminho em várias religiões espalhadas pelo mundo. "Padres-robôs" são capazes de dar bênçãos, fazer casamentos e até funerais. Há um novo padre em Kodaiji, um templo budista com …

Livro sugeria que o 11 de setembro tinha sido "orquestrado pela CIA". Editora obrigada a corrigir

A editora francesa Ellipses Publications teve que corrigir um livro de História no qual era sugerido que os ataques terroristas de 11 de setembro de 2001, nos Estados Unidos (EUA), foram "orquestrados pela CIA". Segundo noticiou …

Paulo Coelho vai destruir rascunho de livro infantil escrito com Kobe Bryant

O escritor brasileiro Paulo Coelho anunciou hoje que pretende apagar o rascunho de um livro infantil que se encontrava a escrever em conjunto com o antigo basquetebolista norte-americano Kobe Bryant, que morreu no domingo num …

Encontrado famoso navio que desapareceu misteriosamente no Triângulo das Bermudas há 95 anos

Os destroços de um navio que desapareceu misteriosamente no Triângulo das Bermudas há 95 anos foram descobertos na costa da Florida, nos Estados Unidos. O SS Cotopaxi - um navio mercante norte-americano - deixou Charleston, na …

Ana Gomes diz que diretiva europeia sobre branqueamento de capitais é aplicável a Rui Pinto

A ex-eurodeputada socialista Ana Gomes disse hoje em Lisboa que pode aplicar-se ao ‘hacker’ Rui Pinto a diretiva europeia sobre branqueamento de capitais e financiamento do terrorismo, sem esperar pela transposição de legislação sobre o …

"Há grandes chances de Jesus sair em maio para o FC Porto", diz Carlos Alberto

Carlos Alberto, atual comentador desportivo e antigo jogador do FC Porto, acredita que os 'dragões' vão avançar para a contratação de Jorge Jesus, em maio. Recentemente, a ideia de Jorge Jesus no FC Porto tem ganho …

Raras lesmas cor-de-rosa fluorescente sobreviveram aos incêndios na Austrália

Uma rara espécie de lesma cor-de-rosa fluorescente (Triboniophorus aff. graeffei) conseguiu sobreviver aos incêndios que assolaram a Austrália no início de janeiro e que deixaram milhões de animais mortos e outros tantos sem abrigo. Tratam-se …