Cientistas encontraram “armadilhas para sapos” feitas por aranhas

Biólogos encontraram em Ambodiala, na ilha de Madagáscar, aquilo que parecem ser armadilhas para sapos feitas por aranhas do género Damastes.

De acordo com o site Science Alert, as chamadas armadilhas, da responsabilidade de aranhas do género Damastes, foram feitas com duas folhas costuradas com seda nas pontas, oferecendo um lugar com sombra onde os anfíbios podiam descansar.

Num caso em particular, os cientistas observaram mesmo um anfíbio, da espécie Heterixalus andrakata, que acabou por ficar lá preso e serviu de refeição a uma das aranhas.

Apesar de terem em mente que pode ter sido apenas uma coincidência, os investigadores suspeitam, mesmo assim, que se trata de uma estratégia destinada a atrair estes pequenos anfíbios.

“Quando a temperatura aumenta, os sapos procuram sombra e cobertura longe do solo, que as aranhas fornecem através destes abrigos. E assim os anfíbios pensam estar num local aparentemente protegido de outros predadores como, por exemplo, pássaros”, escreveu a equipa no estudo publicado, em dezembro, na revista científica Ecology and Evolution.

“Especulamos que os anfíbios podem não ser apenas uma presa oportunista, indiscriminada ou acidental, mas sim uma fonte alimentar sistematicamente explorada pelas aranhas”, lê-se ainda.

ZAP //

 

 

 

 

 

 

 

 

PARTILHAR

RESPONDER

"Integral confiança". Chega segura militantes acusados de agredir homossexual

O Chega anunciou, esta sexta-feira, que mantém "integral confiança" nos candidatos e estruturas local e distrital de Viseu, referindo que só se pronunciará sobre alegadas agressões de motivação homofóbica naquela cidade depois de apurados os …

Há dezenas de autarcas envolvidos em processos sem fim à vista

Dezenas de autarcas foram neste mandato acusados por corrupção, negócios imobiliários duvidosos e abuso de poder, entre outros, em processos judiciais que se arrastam, na maioria, sem desfecho à vista a dois meses de novas …

Milhares de pessoas manifestam-se na Austrália contra o confinamento

Milhares de australianos manifestaram-se, este sábado, em várias cidades do país contra as restrições impostas pelo Governo para controlar o aumento de casos de covid-19. Em Sidney, cerca de mil manifestantes protestaram contra o confinamento decretado …

Há 406 farmácias com testes comparticipados pelo Estado

Há 406 farmácias de 104 laboratórios em Portugal continental com testes comparticipados pelo Estado. Saiba quais. O Instituto Nacional de Saúde Doutor Ricardo Jorge (INSA) atualizou recentemente a lista das farmácias e laboratórios que disponibilizam testes …

Há 33 cursos com emprego garantido. Abandono no Ensino Superior aumentou

Este ano, há 30 licenciaturas e três mestrados integrados sem recém-diplomados inscritos no Instituto de Emprego e Formação Profissional. Segundo o Observador, o número total (33) é inferior ao de 2020 e de 2019, quando foram …

Chegada de emigrantes obriga autarcas do Interior a apertar as regras

Os autarcas do Interior do país, sobretudo de regiões onde a variante Delta ainda não se impôs e o número de novos casos de covid-19 não limita o quotidiano das populações, estão preocupados com o …

Jovens com menos de 20 anos vacinados numa "happy hour" em Lisboa

Alguns jovens com menos de 20 anos foram vacinados no centro de vacinação do Altice Arena, em Lisboa, depois de terem sido informados que havia "sobras". Task force já negou essa explicação. A situação foi denunciada, …

John Textor diz que reação da SAD do Benfica é "cómica"

O empresário norte-americano que chegou a acordo com o "rei dos frangos" para comprar 25% da Benfica SAD considera que a reação à sua aproximação é "cómica". Este mês, a Benfica SAD comunicou à Comissão de …

Rio acusa Cabrita de "mentir aos portugueses e no Parlamento" sobre festejos do Sporting

Rui Rio acusou o ministro da Administração Interna de "mentir aos portugueses e mentir no Parlamento" e justificou o motivo que levou o PSD a recorrer à figura da audição potestativa, a que os partidos …

Novo Banco não viu conflito de interesses na proposta sobre Imosteps

O Novo Banco defende que a proposta da Iberis para comprar a dívida da Imosteps, de Luís Filipe Vieira, não configurava conflito de interesses.  O Novo Banco defendeu, numa carta enviada ao Parlamento, que a proposta …