Apoiantes de Lula concentram-se em Curitiba na expectativa da libertação do ex-Presidente

Ricardo Stuckert / Instituto Lula

O ex-presidente brasileiro Luiz Inacio Lula da Silva

Apoiantes do ex-Presidente Lula da Silva, que se encontra a cumprir pena por crimes de corrupção, concentraram-se esta sexta-feira em maior número perto do local onde está detido, na cidade de Curitiba, na expectativa de sua saída da cadeia.

Luiz Inácio Lula da Silva, que Governou o Brasil entre 2003 e 2010, pode ser libertado dentro de horas ou dias, depois que uma decisão da Supremo Tribunal Federal (STF) ter alterado a jurisprudência e proibir a prisão após condenação em segunda instância dos réus que recorrem para tribunais superiores.

Os advogados do antigo Presidente informaram, após uma reunião com Lula da Silva na prisão, que já entraram com um pedido para a sua libertação.

Esta sexta-feira de manhã, dezenas de apoiantes do antigo chefe de Estado reuniram-se perto da sede da Polícia Federal, em Curitiba, para gritar “Olá Presidente Lula!”. O ritual é repetido incansavelmente todos os dias, às 9h locais, desde o encarceramento do líder da esquerda brasileira, mas desta vez, os manifestantes realmente esperavam a sua saída.

Imediatamente após o anúncio da sentença do STF, os advogados de Lula da Silva anunciaram que iriam pedir a libertação do “ex-Presidente preso injustamente por 579 dias” e agora também aguardam uma decisão da juíza Carolina Lebbos, responsável pelo cumprimento da sentença.

Lula da Silva foi preso após ter sido condenado em segunda instância pelo Tribunal Regional Federal da 4.ª Região (TRF-4), num processo sobre a posse de um apartamento, que os procuradores alegam ter-lhe sido dado como suborno em troca de vantagens em contratos com a estatal petrolífera Petrobras pela construtora OAS.

A nova esposa do antigo chefe de Estado brasileiro, Rosangela da Silva, informou que viajou para Curitiba numa mensagem publicada nas redes sociais. “Estou indo atrás de você, espere por mim!”, escreveu no Twitter, na quinta-feira.

Já Roberto Baggio, um dos líderes do acampamento do Partido dos Trabalhadores (PT) montado perto da prisão do antigo Presidente, afirmou à France Presse que os manifestantes esperavam que a ordem de libertação fosse emitida na tarde desta sexta-feira.

Lula da Silva não é o único preso que deve beneficiar da decisão do STF, pois há cerca de 5.000 réus condenados cujas penas se enquadram na nova jurisprudência. Com esta mudança, 38 condenados no âmbito da Lava Jato, maior operação contra a corrupção no Brasil, serão beneficiados, segundo o Ministério Público Federal.

A aplicação da decisão não é automática, cabendo a cada juiz de execução analisar a situação processual de cada caso.

Lula da Silva já anunciou que ao sair da prisão tem a intenção de participar em grandes viagens pelo país, as famosas “caravanas”, para aumentar sua popularidade e incorporar a oposição ao Presidente do país, Jair Bolsonaro.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. Caravana pelo país? Isso ele já fez e desistiu porque o povo o enxotou de muitos lugares. Levava consigo a plateia, porque nos lugares a que ia nunca havia plateia.
    E o que ele diz que vai fazer? Ajudar o país? Lutar pelo bem da população? NÃO! Vai fazer oposição! Que gesto nojento! Vai ter grandes surpresas. Grande maioria ds população o detesta. Pena que alguns jornalistas são puxa-sacos dele também.

RESPONDER

Guardas da Revolução do Irão prometem vingar morte do general Soleimani

O chefe dos Guardas da Revolução, o exército ideológico do Irão, garantiu hoje que a morte do general Qassem Soleimani, alvo de um raide aéreo dos Estados Unidos, será vingada em “todos os seus implicados”. “Senhor …

"O mundo está no momento mais perigoso da história humana", diz Noam Chomsky

O professor norte-americano Noam Chomsky, conhecido como o pai da linguística moderna, advertiu que o mundo está no momento mais perigoso da história da humanidade devido à crise climática, à ameaça de guerra nuclear e …

Portugal com 849 novas infecções por covid-19. Há 20.722 casos activos

Portugal registou 849 novos casos de covid-19 nas últimas 24 horas, mantendo-se a tendência de subida verificada nos dias anteriores. Mas o número de pacientes recuperados também não era tão alto desde Julho. O boletim da …

A Grândola Vila Morena abafou "a maior marcha alguma vez vista" do Chega

Com a Praça do Giraldo, em Évora, dividida por barreiras anti-motim, os participantes da concentração "Pela Liberdade" receberam os apoiantes do Chega de André Ventura ao som de "Grândola Vila Morena" e empunhando cravos vermelhos …

Pandemia assola Irão. EUA com mais 888 mortos. 19 países europeus bateram recorde de casos

Naquele que é o número mais elevado de casos diários desde abril, a Alemanha registou 2.297 novos contágios, 19 países europeus já ultrapassaram o recorde de casos do pico da pandemia. O Irão ultrapassou as …

Rangel "é um turista do carago". SMS atestam que Vieira usou Benfica em "benefício pessoal"

Luís Filipe Vieira é um dos acusados da Operação Lex, com o Ministério Público (MP) a alegar que o presidente do Benfica utilizou o clube em "benefício pessoal" para obter uma cunha do juiz Rui Rangel. O …

Farmácias em risco de não ter vacinas da gripe para tantos pedidos

As farmácias privadas receiam não ter doses suficientes de vacina contra a gripe para dar resposta a todos os pedidos. As encomendas da vacina já sãocinco vezes mais do que as registadas em 2019. A preocupação …

É responsabilidade a mais. Médicos não querem integrar Brigadas Rápidas dos lares

Está a ser difícil contratar médicos para as Brigadas de Intervenção Rápida dos lares que foram anunciadas pelo Governo. Mesmo a receberem acima da tabela de pagamentos, os médicos receiam a falta de condições e …

Restrições a turistas suavizadas. Finlândia tenta salvar a Lapónia (e a época de inverno)

A Finlândia, que vê o turismo estrangeiro em perigo na Lapónia, permite a partir de hoje a entrada de turistas de cerca de vinte países sem terem de fazer quarentena. As medidas surgem numa altura em …

"Foi uma vergonha". PS em choque com saída de Jamila e com o poder de Temido

A saída de Jamila Madeira do cargo de secretária de Estado Adjunta e da Saúde, a pedido da ministra Marta Temido, deixou alguns socialistas "arrepiados" e há um desconforto interno com a situação. É mais …