Antigos egípcios podem ter encurralado milhões de pássaros só para os mumificar

Novas evidências de ADN sugerem que os antigos Egípcios capturavam pássaros selvagens para sacrifícios ritualísticos (e para os poderem mumificar depois).

As catacumbas egípcias contêm milhares de pássaros mumificados, especificamente íbis-sagrados (Threskiornis aethiopicus), empilhados uns sobre os outros em pequenos frascos e caixões. Mas como é que tinham acesso a tantas aves desta espécie?

De acordo com o Live Science, há muito que os especialistas teorizam que os Egípcios faziam criação desta espécie para fazer face à procura. No entanto, uma nova pesquisa sugere que, afinal, o mais provável era que os arrancassem dos seus habitats naturais.

A investigação, cujo estudo foi agora publicado na revista PLOS One, recolheu amostras de ADN de 40 íbis-sagrados mumificados retirados de seis catacumbas diferentes. As múmias foram enterradas há cerca de 2.500 anos (cerca de 481 A.C.). Segundo o mesmo site, o sacrifício destes pássaros era prática comum no Egito, entre 650 A.C. e 250 A.C.

Os investigadores obtiveram genomas completos das mitocôndrias de 14 pássaros, organito do citoplasma celular com funções importantes nas trocas de energia das células e que contem o seu próprio ADN especial.

Os autores do estudo compararam este material genético antigo com o de 26 íbis-sagrados dos dias de hoje para ver qual o grupo que parecia ser mais diversificado geneticamente, o que poderia revelar pistas sobre a origem dos pássaros antigos.

Se os Egípcios tivessem criado estes pássaros, a consanguinidade faria com que o seu ADN fosse mais semelhante ao longo do tempo, dizem os cientistas. Mas a análise revelou que os pássaros antigos e modernos mostraram uma diversidade genética semelhante.

A equipa sugere que os sacerdotes provavelmente encurralavam estes pássaros selvagens em locais húmidos ou quintas temporárias e depois cuidavam deles durante um curto período de tempo, pouco antes de serem sacrificados.

Mas nem todos os especialistas concordam com esta teoria. “Ainda estamos a falar de milhões de animais em locais diferentes em todo o Egito, por isso depender apenas da caça dos animais selvagens não me convence“, disse à National Geographic Francisco National-Puche, arqueólogo da Universidade de Oxford, no Reino Unido.

Em setembro, um novo estudo também sugeriu que os os antigos Egípcios matavam crocodilos de propósito, com uma forte pancada na cabeça, para depois mumificá-los.

Esta era uma prática comum em honra dos deuses e acontecia com vários animais, sendo que cada um deles estava associado a um deus diferente e servia como ponte para a comunicação com a divindade.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

"Não toleramos insultos": Equipa abandona jogo decisivo ao intervalo

Comentário sobre a homossexualidade de um futebolista antecipou o final de um jogo de futebol. A mesma equipa tinha protestado outro encontro devido a insulto racista. O jogo de futebol entre San Diego Loyal e Phoenix …

Cofina condenada a pagar 3 milhões de euros ao Fisco

A Cofina, que detém o Correio da Manhã, a CMTV, a Sábado e o Jornal de Negócios, vai ter de pagar três milhões de euros à Autoridade Tributária e Aduaneira (AT) após ter perdido o …

Desfasamento do horário vigora até 31 de março de 2021 (e pode ser prolongado)

O regime excecional que contempla o desfasamento de horários vigora até 31 de março de 2021, podendo ser prolongado, e os trabalhadores sem transportes públicos que lhe permitam cumprir o horário podem opor-se. O diploma que …

Mário Centeno vai dar aulas na Universidade Nova

O governador do Banco de Portugal, Mário Centeno, vai dar aulas na Universidade Nova, em Campolide, Lisboa, avança o jornal Público esta quinta-feira. O antigo ministro das Finanças do Governo de António Costa vai lecionar a …

ADSE quer pagar reembolsos atrasados em menos de dois meses

A ADSE quer resolver os atrasos de largos meses que se verificam nos reembolsos das despesas que os beneficiários fazem no regime livre em menos de dois meses. De acordo com o semanário Expresso, a intenção …

Costa sugere a Marcelo condecoração da CGTP no 50.º aniversário da central sindical

O primeiro-ministro afirmou esta quinta-feira ter sugerido ao Presidente da República a condecoração da CGTP, numa mensagem de felicitação pelos 50 anos da central sindical em que destaca a necessidade de proteger trabalho e rendimentos …

Governo vai integrar nos quadros quase 3.000 profissionais de saúde

O Conselho de Ministros aprovou esta quinta-feira o decreto-lei que permite integrar nos quadros quase três mil profissionais do Serviço Nacional de Saúde. Em comunicado, o Governo explica que a conversão do vínculo laboral de 2.995 …

Quatro defensores dos direitos humanos, indígenas e ambientais recebem "Nobel Alternativo"

Duas advogadas, do Irão e da Nicarágua, um advogado dos Estados Unidos (EUA) e um ativista da Bielorrússia foram esta quinta-feira distinguidos, em Estocolmo, com o "prémio Nobel Alternativo" que pretende "impulsionar mudanças sociais urgentes …

PJ diz que há “condições” para alargar colaboração com Rui Pinto

A Polícia Judiciária (PJ) admitiu a possibilidade de a colaboração com Rui Pinto poder “ir além” da abertura dos discos encriptados e apreendidos ao criador do Football Leaks, reconheceu esta quinta-feira o inspetor José Amador. "Temos …

Netanyahu avisa que confinamento em Israel pode durar um ano

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, disse esta quinta-feira que o confinamento no país pode prolongar-se durante meses ou mesmo "um ano" após uma reunião em que foram debatidas novas restrições contra a propagação da …