Com uma nova vacina, a alergia a gatos pode ter os dias contados

Alergias a gatos são bastante difundidas em humanos e variam de constipações incómodas a cuidados médicos de emergência. As pessoas que sabem que são alérgicas a gatos evitam os felinos ou tomam anti-histamínicos.

Por muitos anos, tem havido uma discussão em andamento sobre a reprodução ou mesmo a modificação genética de gatos para uma versão hipoalergénica de si mesmos. Uma equipa de pesquisadores resolveu o problema de uma maneira diferente – criaram uma vacina para alérgicos de gatos.

A vacina não é para seres humanos, mas para os gatos. Tem como alvo as proteínas Fel d 1, que é a principal das cinco substâncias alergénicas que os gatos produzem. A substância é produzida na saliva do gato e nas glândulas sebáceas, embora não tenhamos certeza de qual é a sua função. Cerca de 10% da população ocidental é alérgica a essa proteína específica.

De acordo com o artigo publicado em julho na revista especializada The Journal of Allergy and Clinical Immunology, os investigadores que trabalham para e com a empresa HypoPet testaram com sucesso essa vacina em 54 gatos diferentes ao longo de quatro estudos diferentes. A equipa relatou, em comunicado, que a vacina foi eficaz na redução de Fel d 1 nos gatos tratados, foi bem tolerado pelos gatos e não teve efeitos tóxicos evidentes.

“Tanto os seres humanos como os animais poderiam lucrar com esse tratamento porque os donos de gatos alérgicos reduziriam o risco de desenvolver doenças crónicas, como asma, e se tornariam mais tolerantes com seus gatos, que poderiam permanecer nas famílias e não precisarem ser abandonados. abrigos de animais ”, escreveu o investigador.

“Estamos muito satisfeitos em publicar estes dados que mostram que a nossa vacina é capaz de produzir altos níveis de anticorpos em gatos e que esses anticorpos podem ligar e neutralizar o alérgeno Fel d 1 produzido pelos animais”, disse Gary Jennings, CEO da HypoPet AG.

Alergias a gatos é uma das principais causas de abandono do gato de estimação. Só nos EUA, 3,4 milhões de gatos são abandonados anualmente em abrigos de animais, estimando-se que dois quintos deles sejam eutanasiados. Os gatos também são abandonados na natureza e nas cidades, o que leva a um impacto maior no ecossistema.

Gatos podem ser domesticados, mas ainda são predadores e podem causar danos à fauna nativa.

ZAP //

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. materia interessante, espero que cheguem logo ao mercado porque amo gatos mas não posso te-los , o interessante é que tinha gatos quando criança , mas agora adulta , não posso nem chegar perto que meus olhos incham e começo a espirrar sem parar.
    Só acho que o ultimo parágrafo destoa da matéria, enfim..

  2. Tenho alergia a gatos, sempre vivi com eles e desde há mais de 5 anos que não me incomoda mais a alergia (que também já não era muito incómoda) porque simplesmente cuidei do meu sistema imunitário, refocei-o, mais especificamente, repopulei o meu intestino com pre e probióticos, e adeus alergias!
    Cuidem da vossa saúde com nutrição e não com remédios!

RESPONDER

Rússia acusa Navalny e aliados de extremismo em novo processo

A Rússia intensificou a campanha contra o opositor do governo Alexei Navalny, abrindo esta terça-feira um novo processo judicial, que poderá levá-lo a cumprir uma pena de prisão de mais uma década. Navalny cumpre dois anos …

Governo demite Chefe do Estado-Maior da Armada. Gouveia e Melo provável sucessor

O ministro da Defesa Nacional, João Gomes Cravinho, vai propor ao Presidente da República a demissão do Chefe do Estado-Maior da Armada, confirmaram hoje à Lusa fontes ligadas à Defesa. O Governo propôs ao Presidente da …

Borussia Dortmund 1-0 Sporting | Um Mal(en) que veio só… e foi suficiente

O “bicho papão Haaland não jogou, mas nem assim os “leões” conseguiram contrariar o maior poderio germânico. O Sporting saiu de Dortmund com uma derrota, apesar da excelente réplica no Signal Iduna Park, e muito por …

FC Porto 1-5 Liverpool | Dragão atropelado em casa

O Liverpool é uma espécie de “besta” em tons de “red” para o FC Porto. Em nove jogos oficiais, os “azuis-e-brancos” nunca venceram, somando 3 empates e 6 derrotas, a mais recente foi pesadíssima e …

China desenvolve arma invisível capaz de destruir redes de comunicação em dez segundos

Uma equipa de cientistas chineses está a desenvolver uma arma sónica, que gera um intenso pulso eletromagnético, capaz de destruir redes de comunicação e de fornecimento de energia elétrica. A arma poderá ter um alcance …

Dezenas de mulheres abusadas por funcionários da OMS na República Democrática do Congo

Dezenas de mulheres e meninas foram abusadas sexualmente por voluntários da Organização Mundial de Saúde (OMS) destacados para enfrentar o Ébola na República Democrática do Congo (RDC), entre 2018 e 2020, concluiu um inquérito independente …

Evolução de parasita está a tornar mais difícil detetar e tratar a malária

Uma mutação do parasita que causa a malária está a "camuflar" as proteínas que são identificadas nos testes rápidos, tornando mais difícil detetar e tratar a doença. De forma semelhante aos testes à covid-19, baratos e …

Banguecoque em alerta. Mais de 70.000 casas inundadas na Tailândia

As autoridades tailandesas têm feito esforços para proteger partes de Banguecoque das cheias, que já inundaram 70.000 casas e mataram seis pessoas nas províncias no norte e centro do país. A tempestade tropical Dianmu causou cheias …

Exilados sírios obrigados a pagar taxas para evitar o alistamento obrigatório

No início deste ano, Yousef, um sírio de 32 anos que vive na Suécia, teve que pagar as taxas que lhe isentavam da obrigatoriedade de se alistar no exército da Síria, caso contrário a família …

Portugal tem cerca de 8.200 pessoas em situação de sem-abrigo, mais de metade em Lisboa

Estima-se que, em 2020, cerca de 485 pessoas tenham abandonado esta condição, o que representa uma descida de 39% face a 2019. Portugal terá cerca de 8.200 pessoas em situação de sem-abrigo, segundo os resultados de …