Afinal, funcionários prometidos chegam às escolas no arranque do ano

A maioria dos 1067 funcionários prometidos pelo Ministério da Educação (ME) vai chegar às escolas no arranque do novo ano letivo.

Apesar de haver atrasos no lançamento dos concursos em cerca de 50 agrupamentos, há mais de mil assistentes operacionais com colocação garantida durante o primeiro mês de aulas, confirmam a tutela e os diretores escolares.

O Governo abriu o processo de contratação dos funcionários em março, mas cada um dos agrupamentos tinha que lançar os respetivos concursos para cada um dos lugares atribuídos. No último balanço de que dispõe o ME, feito há três semanas, cerca de 60 escolas ainda não tinham iniciado o procedimento. Com o arranque do mês em que começa o ano letivo, o total terá baixado para cerca de 50.

Em fevereiro deste ano, o Ministério da Educação disse que iria contratar mais mil funcionários para as escolas. Além disso, o ministério anunciou que ia criar uma bolsa que permita aos diretores substituir trabalhadores que estejam de baixa médica, duas medidas aplaudidas pelos diretores escolares. Os novos funcionários contratados teriam um contrato de trabalho por tempo indeterminado.

A medida dos ministérios da Educação e Finanças, que a classificaram como “inédita”, é uma resposta às inúmeras queixas de diretores que, em alguns casos, já tiveram de encerrar serviços destinados aos alunos — bar, biblioteca ou ginásios – ou mesmo que encerrar a escola por falta de funcionários que garantissem a segurança dos estudantes.

O presidente da Associação Nacional de Diretores de Agrupamentos e Escolas Públicas (ANDAEP), Filinto Lima, acredita, porém, que o valor real seja bem mais baixo. A tutela contabiliza as escolas que ainda não publicaram em Diário da República o aviso de abertura das contratações, que é obrigatório por lei.

“Os concursos estão todos, pelo menos, lançados”, garante o dirigente. Mesmo com os atrasos existentes, há garantias de que cerca de 1000 funcionários vão ser colocados nas escolas durante o primeiro mês do novo ano letivo – que começa nesta terça-feira. Alguns destes já estão mesmo ao serviço e outros chegarão até ao final da semana, assegura Lima.

Manuel Pereira, da Associação Nacional de Diretores Escolares (ANDE), confirma que não estão previstos atrasos na generalidade das contratações de assistentes operacionais. O diretor tem, porém, dúvidas de que as 1067 colocações resolvam o problema de falta de funcionários nas escolas. “Não sabemos se serão, efetivamente, novos trabalhadores, ou apenas regularização de situações laborais.”

Os assistentes operacionais agora contratados entram nos quadros da função pública. As escolas têm dezenas de trabalhadores com vínculos precários, que podiam concorrer a este concurso e que, se forem colocados, vão largar os seus anteriores postos de trabalho.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Ummu tem 25 anos e é rosto das negociações com o Boko Haram

Com a Nigéria a enfrentar uma crise de raptos, Ummu Kalthum é uma das mais jovens — e mais bem-sucedidas — mediadoras a negociar acordos para libertar reféns do Boko Haram no país. Na última década, …

Liveblog Autárquicas. Urnas encerradas e abstenção entre 45 e 50%

Realizam-se este domingo Eleições Autárquicas em Portugal, nas quais está em jogo a eleição de 308 presidentes de câmaras municipais, os seus vereadores e assembleias municipais, bem como 3091 assembleias de freguesia. Acompanhe tudo no …

Alemanha: Sociais-democratas reclamam vitória (com "desastre" para os conservadores)

Os sociais-democratas SPD reivindicaram hoje vitória nas eleições parlamentares alemãs, numa altura em que os conservadores da CDU, força política de Angela Merkel, se aproximam de uma votação mínima histórica, de acordo com as primeiras …

Em 2018, cientistas de Wuhan terão planeado infetar morcegos com coronavírus

Em 2018, um grupo de cientistas da cidade chinesa de Wuhan, onde foi registado o primeiro caso de covid-19, estaria a planear infetar, com coronavírus modificados, morcegos que vivem em cavernas. Os cientistas terão pedido 14 …

Este batom foi lançado em 1971, mas está esgotado - e é mais uma prova do impacto económico do TikTok

O Black Honey da Clinique é o mais recente produto de maquilhagem a bombar no TikTok. Muitas marcas estão a notar o poder económico que em ser viral na aplicação e estão a tentar promover …

Portugal regista mais duas mortes e 599 casos de covid-19

Nas últimas 24 horas registaram-se mais duas mortes e 599 novos casos de covid-19 em Portugal, de acordo com o boletim epidemiológico da DGS. Portugal regista hoje duas mortes atribuídas à covid-19, assim como 599 novos …

Em 2021, Sochi voltou a ser Sochi e em Sochi ganha a Mercedes – com recorde histórico para Hamilton

Lando Norris, o jovem piloto da Mclaren, vai sair da Rússia com um misto de sensações. No fim-de-semana em que conquista a primeira pole position da carreira, perde também, de forma dramática, a hipótese de …

As pessoas que comem mais gordura láctea têm menor risco de doença cardíaca

As pessoas que fazem uma dieta com maior teor de gordura láctea têm um menor risco de desenvolver doenças cardiovasculares, revela um novo estudo. Uma equipa internacional de cientistas estudou o consumo de gordura láctea de …

Alaphilippe revalida título de campeão mundial de fundo

O francês Julian Alaphilippe revalidou neste domingo o título de campeão mundial de fundo, ao cortar isolado a meta no final da “prova rainha” dos Mundiais de ciclismo de estrada, que decorreram na região belga …

Do céu ao inferno. Adeptos do Palmeiras chamam "arrogante" a Abel Ferreira

O Palmeiras perdeu e está cada vez mais longe da liderança do Brasileirão. Os adeptos estão insatisfeitos com as exibições e chamaram "arrogante" a Abel Ferreira. O Palmeiras, treinado pelo português Abel Ferreira, perdeu na deslocação …