Afinal a barba faz bem à saúde

wang-lu / Flickr

Um estudo realizado num hospital americano demonstrou que os homens com a barba feita – e não os barbudos – eram mais propensos a carregar algo desagradável nos seus rostos. 

É sabido que uma boa barba é um local propício para certos microrganismos se abrigarem, mas um novo estudo, publicado no Journal of Hospital Infection, chegou a uma conclusão inesperada.

O estudo analisou o conteúdo de bactérias dos rostos de 408 funcionários com e sem barba de um hospital americano, e concluiu que o grupo sem barba era mais de três vezes mais propenso a ser portador de uma bactéria perigosa, conhecida como Staphylococcus aureusresistente à meticilina.

Trata-se de uma fonte particularmente comum e problemática de infecções hospitalares, resistente a muitos dos antibióticos atuais.

Os cientistas sugerem que fazer a barba pode provocar pequenas abrasões na pele, e esses microcortes podem facilitar a colonização e proliferação bacteriana.

A outra explicação possível é a de que barbas combatem infecções.

Movido pela curiosidade, o apresentador britânico da BBC Michael Mosley resolveu aprofundar a questão e enviou algumas amostras de diferentes barbas para Adam Roberts, um microbiologista da Universidade College London, no Reino Unido.

O cientista conseguiu cultivar mais de 100 bactérias diferentes a partir das barbas, incluindo uma comum no intestino delgado.

De acordo com o microbiologista, isto não é preocupante – é mesmo normal.

Mas o mais interessante, no entanto, é que em algumas das placas de Petri usadas durante o estudo, algo estava claramente a matar as outras bactérias.

O suspeito mais óbvio era algum micróbio: bactérias e fungos competem uns contra os outros por comida, recursos e espaço.

Ao fazerem isso ao longo de milhares de anos, levaram ao desenvolvimento de algumas das mais sofisticadas armas contra micróbios: os antibióticos.

Barbacilina?

Provavelmente já conhece a história da penicilina, descoberta sem querer por Alexander Fleming quando o fungo Penicillium notatum foi parar ao seu laboratório e matou algumas bactérias que estava a cultivar numa placa de Petri.

Poderiam os micróbios misteriosos nas barbas de alguns homens estar a fazer algo semelhante, matando bactérias perigosas? “Possivelmente”, afirma Adam Roberts.

O microbiologista identificou os assassinos silenciosos como parte de uma espécie chamada Staphylococcus epidermidis. Quando testada contra uma forma particularmente resistente à droga de E. coli, que causa infecções do trato urinário, a espécie provou-se uma excelente lutadora.

Infecções resistentes a antibióticos matam pelo menos 700 mil pessoas por ano, e há 30 anos que não é lançado nenhum novo antibiótico.

Logo, esta informação, em conjunto com outros estudos que vêm sendo realizados, poderão fazer parte do caminho para um futuro menos mortal.

No entanto, testar um novo antibiótico é tão caro e tem uma taxa tão elevada de fracasso que é extremamente improvável que, nos próximos tempos, um novo medicamento surja a partir de estudos com barbas.

Mas ainda há esperança: a busca não vai ser interrompida.

HypeScience

PARTILHAR

1 COMENTÁRIO

RESPONDER

Alunos do ensino profissional vão poder entrar no ensino superior sem exames nacionais

Os estudantes que terminem um curso profissional ou artístico terão melhores condições de acesso ao ensino superior já no próximo ano. O ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior, Manuel Heitor, anunciou esta quarta-feira que os …

Trump indulta ex-governador que tentou "vender" lugar de Obama no Senado

O Presidente dos Estados Unidos (EUA), Donald Trump, indultou na terça-feira o ex-governador de Illinois Rod Blagojevich, preso por corrupção após ser considerado culpado de tentar "vender" o lugar de Barack Obama no Senado, depois …

"Toca a reunir" no PS para aprovar eutanásia (e 6 médicos admitem que já a praticaram)

O PS está a mobilizar os seus deputados no sentido de garantir que, desta feita, a eutanásia passará no Parlamento. Tudo indica que venha a ser aprovada numa altura em que os médicos estão divididos …

CP está a escapar à multas por falhas nos serviços

A CP - Comboios de Portugal está a escapar às multas por falhas nos serviços, como atrasos e supressões de comboios, porque ainda não entrou em vigor o contrato de serviço público assinado com o …

Marega e Pepe vão ser alvos de processos disciplinares

A Comissão de Disciplina da FPF abriu processos disciplinares a Moussa Marega e Pepe devido a alegadas agressões sobre Taarabt, no jogo com o Benfica. Os jogadores do FC Porto Moussa Marega e Pepe vão ser …

Costa arrasa proposta "forreta" de orçamento europeu

A proposta de quadro financeiro plurianual para 2021-2027 do presidente do Conselho Europeu, Charles Michel, vai morrer na praia. António Costa diz que os líderes europeus não devem ceder à pressão dos quatro países “forretas”. "Esta …

Malásia suspeita que desaparecimento do voo MH370 foi ataque suicida

O ex-primeiro ministro australiano Tony Abbott disse que altos responsáveis do governo da Malásia suspeitam há muito tempo que o desaparecimento do avião da Malasian Airlines, há quase seis anos, tenha sido um ataque suicida …

Champions. O viking norueguês, a revolta de Neymar e a lição tática do "Cholismo"

Haaland foi a estrela da noite ao marcar os dois golos da vitória do Dortmund frente ao PSG. O Atlético de Madrid conseguiu ainda quebrar a invencibilidade do Liverpool. A Liga dos Campeões está de volta …

Auditoria ao Novo Banco vai custar três milhões. É o triplo do que custou a da CGD

A auditoria especial da Deloitte ao Novo Banco vai custar cerca de três milhões de euros, segundo avança o jornal ECO. Este valor é três vezes superior ao custo da auditoria da EY à Caixa …

Passos Coelho ataca falhas de Costa (e revela que segurou Maria Luís)

O antigo primeiro-ministro Passos Coelho esteve na apresentação do livro de Carlos Moedas no El Corte Inglés, onde aproveitou para criticar António Costa. Passos preferiu falar do passado, lembrando o momento em que esteve perto …