97% dos cientistas diz que a culpa das alterações climáticas é da Humanidade

Alex Bradbury

A lagoa glaciar de Jökulsárlón, na Islândia

A lagoa glaciar de Jökulsárlón, na Islândia

A diretora do Centro para o Clima da Universidade Rovira i Virgili de Tarragona garante que “97% da comunidade científica que trabalha no estudo do clima entende que as alterações climáticas são reais e têm causa humana”.

A garantia de Manola Brunet foi dada esta segunda-feira durante a conferência, intitulada “A Ameaça Climática: Ciência vs Desinformação Interessada“, que proferiu numa cerimónia organizada pela Agência Estatal de Meteorologia, no Dia Meteorológico Mundial 2015, cujo lema é “Do conhecimento climático à ação pelo clima”.

Durante a sua intervenção, Brunet denunciou “o falso debate” e “a campanha de desintoxicação” de alguns grupos de interesses, que procuram negar as evidências científicas relacionadas com as alterações climáticas e “acusam a comunidade científica ao ponto de a chamar terrorista”.

A cientista acusou “os negacionistas das alterações climáticas de construírem as suas teses com base em pequenos erros que utilizam para anular toda a teoria, questionam o conhecimento científico em geral e apenas estudam períodos de tempo curto, nos quais não se observa a diferença a longo prazo no clima”.

Brunet, que também integra a comissão de Climatologia da Organização Meteorológica Mundial, insistiu em que “o debate atual não se tem que se centrar se as alterações climáticas existem ou não, mas sim no que fazer para que a situação não piore“.

Para suportar o seu argumento, apresentou informação que demonstra as alterações climáticas nos últimos 160 anos, desde que começaram os registos das estações meteorológicas, destacando que a temperatura média global já aumentou 0,8 graus centígrados desde o início do século XX.

/Lusa

PARTILHAR

6 COMENTÁRIOS

  1. As alterações climáticas a acontecer nos outros planetas do nosso sistema solar também é culpa da humanidade…
    Não abram os olhos não… Alarguem o vosso conhecimento.

  2. A humanidade não tem nada a ver com as alterações climáticas, nem as pode abrandar! O que fez a humanidade para provocar as anteriores Idades do Gelo? Nada, e elas aconteceram na mesma!

  3. Eh pá, ninguém sabia! O que estes “cientistas” descobrem. E eu a julgar que as alterações climatéricas eram provocadas pela Microsoft…
    Mas, já agora, para o Xa e o Ze, é óbvio o que dizem, mas o que está em causa aqui é a rapidez com que acontecem essas alterações nos tempos recentes, e disso não haja dúvida, sabemos de quem é a culpa, até porque os “cientistas” nos elucidaram 😉

  4. A historia quanto ao suposto aquecimento global e’ uma tragedia para o pensamento cientifico. Gente que nao e’ climatologista, que nem sequer sabe quem foi Marcel Leroux e ignora os (poucos) climatologistas lucidos como os professores Delgado Domingos e Corte Real. metem-se a falar do que nao conhecem. E jornalistas igualmente ignorantes esmeram-se a repetir as asneiradas. Para melhor esclarecimento ler “A impostura global”, em
    http://resistir.info/climatologia/impostura_global.html

  5. Parabens aos comentários que revelaram grande saber ao ignorar os absurdos dos pseudos cientistas quando buscam atribuir seus besterol como culpa da humanidade. SI a humanidade tivesse tanto poder garanto que a maioria deles já não teriam voz para a ciência.

RESPONDER

Metro do Porto compra 18 novos veículos e assegura mais 60 mil lugares por dia

A Metro do Porto assinou esta terça-feira o contrato para a aquisição, por 49,6 milhões de euros, de 18 composições à empresa chinesa CRC Tangsthan que permitirão disponibilizar mais 60 mil lugares diários, estima a …

Catarina Martins diz que Carlos Costa "não tem condições" para ser governador

Catarina Martins, líder do Bloco de Esquerda, disparou contra aqueles que considera serem "cúmplices" do "assalto ao povo angolano". Tanto a Justiça como o Governo português têm de agir, considera o Bloco de Esquerda, na sequência …

Pedro Sánchez vai reunir-se com líder do governo regional catalão

O primeiro-ministro espanhol e líder do Partido Socialista Operário Espanhol (PSOE), Pedro Sánchez, anunciou na segunda-feira que se reunirá com o líder do governo regional da Catalunha, Quim Torra, no início de fevereiro. Em entrevista à televisão …

Governo confirma que nunca avaliou impacto dos vistos gold. Só 5% foram recusados

O Ministério da Administração Interna (MAI) confirmou que não foram realizadas avaliações ao impacto dos vistos gold e que não cabe ao Serviço de Estrangeiros e Fronteiras (SEF) controlar as origens do capital investido em …

Conselho de Finanças Públicas alerta para "risco de desvio significativo" no ritmo de ajustamento estrutural

O Conselho das Finanças Públicas (CFP) alerta para um "risco de desvio significativo" do ritmo de ajustamento estrutural da economia portuguesa em 2020, avisando que a evolução programada da despesa no OE2020 "não cumpre o …

Carolina Salgado condenada a pena de quatro meses de prisão, substituída por multa de 600 euros

Carolina Salgado não cumpriu sentença do processo de difamação a Pinto da Costa. Além das 300 horas de trabalho comunitário devia ter publicado o texto da sentença no jornal e não o fez. Carolina Salgado foi …

Taiwan deteta primeiro paciente com pneumonia originária da China

A Agência Central de Notícias de Taiwan disse que uma mulher, que esteve recentemente na cidade chinesa de Wuhan, está a ser tratada e foi colocada sob quarentena, depois de se ter dirigido voluntariamente aos …

PSP investiga alegada agressão de um agente a uma mulher na Amadora

A Polícia de Segurança Pública (PSP) abriu um processo de averiguações sobre a atuação policial contra uma mulher que foi detida, no domingo, na Amadora, ocorrência que envolveu "agressões" e que resultou numa denúncia contra …

Ex-presidente da Interpol condenado a 13 anos e meio de prisão por suborno

O ex-presidente da Interpol Meng Hongwei foi condenado a 13 anos e meio de prisão por suborno, segundo uma declaração de um tribunal chinês divulgada esta terça-feira. Além da pena de prisão, foi multado em …

Condutor que atropelou mortalmente irmã de Djaló condenado a 16 anos de prisão

O Tribunal de Almada condenou, esta terça-feira, a 16 anos de prisão o condutor acusado do atropelamento mortal de uma jovem de 17 anos nas Festas da Moita, no distrito de Setúbal, em setembro de …