80 falcões viajaram no meio dos passageiros num avião (e com bilhete pago)

Falcões num aviãoUm príncipe da família real da Arábia Saudita reservou um lugar para cada um dos seus 80 falcões num voo de uma companhia de aviação. As aves de rapina viajaram instaladas no interior de um avião, lado a lado com os passageiros.

A prova deste inusitado voo com 80 falcões entre os passageiros de um avião que pertencerá à companhia Qatar Airways (facto ainda não confirmado) é uma fotografia divulgada na rede social Reddit.

“O meu amigo comandante de bordo enviou-me esta foto. Um príncipe saudita comprou bilhetes para os seus 80 falcões“, explica o utilizador do Reddit que partilhou a imagem e que assina pelo nome de Lensoo.

A imagem é surpreendente, mas nem tanto assim inusitada. A prática de viajar com falcões está inclusive, prevista no regulamento da Qatar Airways, com preços que rondam entre os 100 euros e os 580 euros por cada pássaro transportado, conforme o destino da viagem.

“É autorizado transportar um falcão a bordo da cabine de passageiros da Classe Económica de um avião e são permitidos um máximo de seis falcões dentro da cabine de Classe Económica“, explica a companhia do Qatar no seu site.

Neste caso, o elemento da realeza saudita estaria a viajar em Primeira Classe, o que justifica que pudesse levar consigo no avião 80 falcões.

Falcões num avião

Falcões sauditas têm passaporte especial

A falcoaria tem uma longa história e tradição no Médio Oriente, particularmente na Arábia Saudita, e muitos apreciadores da arte viajam para o estrangeiro para participar em competições ou caçadas.

Várias companhias europeias já se adaptaram a esta realidade, como é o caso da alemã Lufthansa que, em 2014, anunciou uma nova forma inovadora e mais segura de transportar falcões na classe VIP dos seus aviões – o chamado “Falcon Master”. “Uma solução inovadora” que proporciona às aves “uma vara segura durante todas as fases de voo, garantindo a máxima higiene, além de proteger os assentos, painéis de parede e tapetes de possíveis danos”, explica a companhia de aviação.

Na Arábia Saudita, os falcões têm inclusive um passaporte especial que tem que ser validado e devidamente carimbado pelos agentes alfandegários, registando os movimentos internacionais dos animais, tal como fazem com qualquer outro passageiro.

Emitido pelo Ministério do Ambiente e da Água, este passaporte inclui um número de identificação que deve também ser inserido numa anilha na perna da ave.

Trata-se de uma forma de combater o contrabando destes animais valiosos, tanto em tradição, como em preço – um falcão pode custar milhares de euros.

SV, ZAP //

PARTILHAR

3 COMENTÁRIOS

RESPONDER

Cria de lobo-marinho voltou a aparecer no areal do Porto Santo

A cria de lobo-marinho que tem feito do areal da ilha do Porto Santo o seu local de descanso voltou a aparecer hoje, depois de ter desaparecido desde terça-feira à noite. A bióloga Rosa Pires, do …

Há um fóssil único de tiranossauro bebé à venda no eBay (e os cientistas estão indignados)

O esqueleto "único" de um filhote de tiranossauto (Tyrannosaurus rex) com mais de 60 milhões de anos foi posto à venda na plataforma eBay nos Estados Unidos. O vendedor pede quase 3 milhões de dólares …

Agência francesa adverte: troque ibuprofeno por paracetamol

A agência francesa do medicamento ANSM fez uma advertência a médicos e pacientes sobre riscos decorrentes do uso do ibuprofeno e do cetoprofeno, que podem agravar infeções em tratamento, e pediu uma investigação a nível …

"Lendária" e misteriosa espécie de orca avistada por cientistas

Cientistas admitem o possível avistamento de uma das espécies de orca mais misteriosas da natureza. A orca é conhecida como o "Tipo D", mas muito raramente foi vista ou ouvida. A orca foi avistada no Cabo …

Nacional vs Sporting | Triunfo curto para tanto domínio

O Sporting foi à Madeira somar a sua sétima vitória consecutiva na Liga NOS. No terreno do Nacional, os “leões” ganharam por 1-0, num jogo em que o resultado não espelha a grande superioridade da …

Titã pode ter "lagos fantasmas" e cavernas

Titã, a lua e Saturno, é surpreendentemente semelhante à Terra. Tem lagos, rios e oceanos profundos (e possivelmente cavernas) que poderiam sustentar vida. Em Titã, a chuva não é água, mas sim metano líquido. Duas …

As barbas podem ter mais bactérias do que o pêlo dos cães

Uma equipa de investigadores suíços descobriu que as barbas podem ter mais micróbios prejudiciais à saúde humana do que o pêlo dos cães. Uma recente investigação realizada pela clínica Hirslanden, na Suíça, descobriu que as barbas …

Há uma cidade onde é proibido morrer

Longyearbyen, capital do arquipélago de Svalbard, na Noruega, deu o passo muito incomum de proibir a morte naquela região. Desde 1950, ninguém está legalmente autorizado a morrer na cidade. Até uma pessoa que lá tenha vivido …

Este ano já morreram 129 pessoas na estrada. O telemóvel leva as culpas

A Secretaria de Estado da Proteção Civil informou hoje que morreram 129 pessoas nas estradas portuguesas, menos uma morte do que em período homólogo de 2018 e o telemóvel ao volante tem contribuído para aumento …

Musk ganha 40 mil vezes mais que os seus empregados (mas não levanta os cheques)

Elon Musk, o criador da Tesla, ganha 40 mil vezes mais do que a média dos seus trabalhadores. Por outro lado, o multimilionário Warren Buffett recebe sete vezes menos que os seus trabalhadores. Os dados divulgados …