31 anos depois, homossexuais vão poder dar sangue nos EUA

A agência norte-americana de medicamentos (FDA) disse hoje que pretende alterar a proibição da doação de sangue por homossexuais masculinos, permitindo que o façam após abstinência de atividades sexuais durante um ano.

A Food and Drug Administration, FDA, precisou que a decisão reside nas conclusões de recentes dados científicos relacionados com a política de doação para homossexuais masculinos, e nas recomendações de comités consultivos de peritos independentes do ministério da Saúde da própria Agência, em colaboração com outras agências federais.

“A FDA vai tomar as medidas necessárias para recomendar uma alteração na proibição atual para homens que tiveram relações com outros homens em doar o seu sangue, caso o seu último relatório tenha o prazo de um ano”, indicou em comunicado a diretora do FDA, Margaret Hamburg.

A proibição que impede os homossexuais norte-americanos de doarem sangue durante toda a sua vida remonta há 31 anos, numa época em que a epidemia do Sida estava no auge e quando a medicina ainda possuía poucas informações sobre o vírus de imunodeficiência humana (VIH).

Os opositores a esta proibição argumentam que os actuais conhecimentos médicos e científicos não justificam uma medida tão extrema.

A FDA vai submeter uma proposta para a alteração destas normas já em 2015, e que será analisada previamente pelas partes envolvidas antes de ser concluída.

/Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

ADSE quer pagar reembolsos atrasados em menos de dois meses

A ADSE quer resolver os atrasos de largos meses que se verificam nos reembolsos das despesas que os beneficiários fazem no regime livre em menos de dois meses. De acordo com o semanário Expresso, a intenção …

Costa sugere a Marcelo condecoração da CGTP no 50.º aniversário da central sindical

O primeiro-ministro afirmou esta quinta-feira ter sugerido ao Presidente da República a condecoração da CGTP, numa mensagem de felicitação pelos 50 anos da central sindical em que destaca a necessidade de proteger trabalho e rendimentos …

Governo vai integrar nos quadros quase 3.000 profissionais de saúde

O Conselho de Ministros aprovou esta quinta-feira o decreto-lei que permite integrar nos quadros quase três mil profissionais do Serviço Nacional de Saúde. Em comunicado, o Governo explica que a conversão do vínculo laboral de 2.995 …

Quatro defensores dos direitos humanos, indígenas e ambientais recebem "Nobel Alternativo"

Duas advogadas, do Irão e da Nicarágua, um advogado dos Estados Unidos (EUA) e um ativista da Bielorrússia foram esta quinta-feira distinguidos, em Estocolmo, com o "prémio Nobel Alternativo" que pretende "impulsionar mudanças sociais urgentes …

PJ diz que há “condições” para alargar colaboração com Rui Pinto

A Polícia Judiciária (PJ) admitiu a possibilidade de a colaboração com Rui Pinto poder “ir além” da abertura dos discos encriptados e apreendidos ao criador do Football Leaks, reconheceu esta quinta-feira o inspetor José Amador. "Temos …

Netanyahu avisa que confinamento em Israel pode durar um ano

O primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, disse esta quinta-feira que o confinamento no país pode prolongar-se durante meses ou mesmo "um ano" após uma reunião em que foram debatidas novas restrições contra a propagação da …

FC Porto com City na Champions. Ronaldo volta a encontrar Messi

O FC Porto vai defrontar os ingleses do Manchester City, os gregos do Olympiacos e os franceses do Marselha no Grupo C da fase de grupos da Liga dos Campeões em futebol, ditou esta quinta-feira …

Cabrita pede abertura de inquérito a fuga de 17 migrantes. Cinco já terão sido apanhados

O ministro da Administração Interna pediu a abertura de um inquérito à fuga de 17 migrantes do norte de África que desembarcaram em setembro no Algarve e fugiram, durante a madrugada, do quartel em Tavira …

Governo chega a acordo com Madrid para alargar restrições a toda a comunidade

O Governo espanhol anunciou, esta quarta-feira, um acordo que estende medidas para combater a covid-19, já em vigor em partes da Comunidade Autónoma de Madrid, a toda a capital e várias localidades da periferia onde …

Ciclista suspenso por defender Trump

Quinn Simmons respondeu no Twitter a uma jornalista e a sua equipa suspendeu o atleta. Um "adeus" e uma mão negra na origem da polémica. Quinn Simmons foi campeão do mundo de ciclismo no ano passado, …