Afinal, o supervulcão de Yellowstone foi criado por uma gigantesca placa oceânica

Jon Sullivan / Wikimedia

A lagoa de Morning Glory, no Parque Nacional de Yellowstone

De acordo com um estudo recente, a história do supervulcão de Yellowstone, há muito adormecido, é diferente da que se pensava até agora.

Há muito tempo que os cientistas pensavam que o supervulcão de Yellowstone era alimentado pelo calor do núcleo da Terra, como acontece com a maioria dos vulcões. No entanto, uma recente investigação, cujo estudo foi publicado no mês de maio na Nature Geoscience, desmonta completamente essa ideia, até agora dada como certa.

“Nesta investigação, não houve qualquer evidência de calor vindo diretamente do núcleo da Terra para alimentar o vulcão de Yellowstone”, afirma Ying Zhou, professor do Departamento de Geociências da Virginia Tech College of Science e autor principal do artigo científico.

“Em vez disso, as imagens subterrâneas que capturamos sugerem que os vulcões Yellowstone foram produzidos graças a uma gigantesca placa oceânica que mergulhou sob o oeste dos Estados Unidos, há cerca de 30 milhões de anos”, esclarece o cientista.

De acordo com Zhou e a equipa, esta antiga placa oceânica partiu-se em pedaços, tendo essa fragmentação resultado em perturbações nas rochas incomuns do manto que desencadearam as erupções vulcânicas dos últimos 16 milhões de anos.

Zhou criou imagens raio-X do interior profundo da Terra e descobriu uma estrutura subterrânea anómala a uma profundidade de 250 a 400 milhas, abaixo da linha de vulcões, explica o site EurekAlert. “Esta descoberta entrava em contradição com o modelo da pluma”, explica o líder da investigação.

Estas imagens do interior da Terra mostravam que placa oceânica de Farallon, que costumava estar no lugar onde o oceano Pacífico se encontra atualmente, “encravou” sob o atual oeste dos Estados Unidos. A placa partiu-se em pedaços e um desses fragmentos começou a rasgar e a afundar na Terra profunda.

À medida que o tempo foi passando, este pedaço de placa oceânica empurrou materiais quentes que formaram os vulcões que existem atualmente na região de Yellowstone. Desde então, o conjunto de vulcões que compõem Yellowstone tem-se movido muito lentamente.

Zhou refere que as frequentes erupções de geyser não são erupções vulcânicas com magma, mas sim de água superaquecida. A última super erupção de Yellowstone aconteceu há cerca de 630 mil anos e o cientista não tem previsões de quando é que o Yellowstone poderia entrar em erupção novamente.

Da mesma forma que os humanos podem ver objetos numa sala quando a luz está acesa, os sismógrafos conseguem “ver” estruturas profundas dentro da terra quando ocorre um terramoto. As vibrações espalham-se e criam ondas quando batem em pedras. Essas ondas são detetadas por sismógrafos.

“Foi a primeira vez que esta nova ‘teoria de imagens’ foi aplicada a este tipo de dados sísmicos, o que nos permitiu ver estruturas anómalas no manto da Terra que, de outra forma, não seriam descobertas usando métodos tradicionais”, sublinhou o especialista.

No futuro, imagens mais detalhadas destas rochas incomuns encontradas permitirão fazer simulações de modo a recriar a fragmentação da gigantesca placa oceânica e testar diferentes cenários de como o sistema de fusão do magma funciona nos vulcões de Yellowstone.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Vídeo de criança vítima de bullying gera onda de apoio global

Internautas de todo o mundo, inclusive celebridades, uniram-se para dar apoio ao menino australiano, de nove anos, que sofre de bullying por causa da sua aparência. De acordo com a BBC, Yarraka Bayles partilhou o vídeo …

Descoberta nova quasipartícula: o π-ton

Foi descoberta uma nova quasipartícula no Instituto de Tecnologia de Viena. Os cientistas batizaram-na de π-ton, uma quasipartícula que contém dois eletrões e duas lacunas. Existem diferentes tipos de partículas. Um deles, as quasipartículas, são excitações …

É oficial. Friends está de volta para um episódio especial

As preces dos fãs foram finalmente ouvidas. O elenco de Friends vai reunir-se para um episódio especial exclusivo na HBO Max. Jennifer Aniston, Courteney Cox, Lisa Kudrow, Matt LeBlanc, Matthew Perry e David Schwimmer voltarão ao …

Dieta ocidental está a deixar as pessoas menos inteligentes

Uma dieta pouco saudável, à base de hambúrgueres e doces está literalmente a deixar as pessoas menos inteligentes apenas no espaço de uma semana. Esta foi a conclusão de um estudo de investigadores da Universidade …

Pedro Proença: Sociedade deve atuar no combate ao racismo

O presidente da Liga Portuguesa de Futebol Profissional (LPFP) disse, esta sexta-feira, que a sociedade portuguesa deve atuar no combate ao racismo, violência, xenofobia e intolerância. A Liga vai lançar, durante este fim-de-semana, uma campanha com …

Na última década, Coreia do Norte gastou mais de meio milhão de dólares em cavalos russos

A Coreia do Norte gastou recentemente dezenas de milhares de dólares na aquisição de 12 cavalos provenientes da Rússia, de acordo com os dados alfandegários. A Coreia do Norte gastou quase meio milhão de dólares (584.302 …

O caranguejo "supervilão" do Canadá vai ser transformado em plástico biodegradável

Uma equipa de cientistas no Canadá desenvolveu um plano para transformar uma espécie invasora de crustáceo - conhecida como como caranguejo supervilão - em copos e talheres  de "plástico", usando as suas carapaças para criar …

Covid-19. Tripulante de navio japonês pode ser o primeiro português infetado

Um português que é tripulante do navio Princess Cruises, atracado no porto de Yokohama, no Japão, pode ter sido diagnosticado "positivo" com o novo coronavírus. Contactada pela agência Lusa, a diretora-geral de Saúde, Graça Freitas, afirma …

Harry e Meghan vão deixar de poder usar a marca Sussex Royal

O duque e a duquesa de Sussex vão deixar de poder usar a marca Sussex Royal, anunciou, esta sexta-feira, um porta-voz da casa real. "Estando o duque e a duquesa focados nos seus planos de estabelecer …

Messi marca quatro e embala Barcelona para o topo da La Liga

Um póquer de Lionel Messi embalou o FC Barcelona, este sábado, para a liderança da Liga espanhola, com uma "mão cheia" de golos na receção ao Eibar (5-0). Os catalães subiram ao topo de La Liga …