Encontrada 12ª caverna de Manuscritos do Mar Morto (mas os textos bíblicos foram saqueados)

Casey L. Olson e Oren Gutfeld / Hebrew University

O arqueólogo Ahiad Ovadia escava cuidadosamente a caverna 12, perto de Qumran

O arqueólogo Ahiad Ovadia escava cuidadosamente a caverna Q12, perto de Qumran

Escavações numa caverna a oeste de Qumram, na costa noroeste do Mar Morto, revelaram que os Manuscritos do Mar Morto do Segundo Templo estavam ali escondidos e foram saqueados por beduínos em meados do século XX.

As escavações foram conduzidas por arqueólogos da Universidade Hebraica de Jerusalém, em Israel, que divulgou os resultados esta quarta-feira.

Os Manuscritos do Mar Morto são uma coleção de rolos de textos e fragmentos de textos encontrados em 11 cavernas de Qumran, na Cisjordânia, nas décadas de 1940 e 1950, sendo considerados a versão mais antiga do texto bíblico. O período do Segundo Templo corresponde ao ano 516 a.C.

(dr) The Schøyen Collection

Um dos Manuscritos do Mar Morto

Fragmento de um dos Manuscritos do Mar Morto

As escavações, as primeiras em Qumran ao fim de mais de 60 anos, foram feitas numa nova caverna, a décima segunda encontrada até agora com Manuscritos do Mar Morto – razão pela qual foi numerada como “Q12” pelos arqueólogos.

Nesta caverna foram descobertos frascos partidos, nos quais eram guardados os rolos, e tampas do período do Segundo Templo, que estavam escondidos em cavidades ao longo das paredes e num túnel profundo, assim como um pano que embrulhava os rolos, uma corda que amarrava os manuscritos e um pedaço de couro trabalhado de um deles.

Foi também encontrado, no túnel, um par de “cabeças” em ferro de picaretas dos anos 1950, que, segundo os arqueólogos, provam que a caverna terá sido saqueada pelos beduínos, povo nómada do norte de África, em meados do século XX.

“Não temos dúvidas de que temos aqui uma nova caverna de Manuscritos do Mar Morto”, garante ao The Times of Israel o arqueólogo Oren Gutfeld, “apenas não temos aqui os manuscritos propriamente ditos”.

A descoberta de cerâmica, lascas de sílex e pontas de seta revela, ainda, que a caverna foi usada na pré-história, nos períodos Calcolítico e Neolítico.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Novo mapa das freguesias na gaveta do Governo há dois anos

A ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública, Alexandra Leitão, voltou a garantir, na passada sexta-feira, que o Governo quer reverter a fusão de algumas das 1168 freguesias que se extinguiram em 2013. …

Juventus reforça liderança em Itália com bis de Ronaldo

Dois golos de Cristiano Ronaldo deram a vitória à Juventus, este domingo, na receção ao Parma (2-1), na 20.ª jornada da Liga italiana, com os campeões em título a reforçarem a liderança no campeonato. Frente à …

Salvini tem trunfo na manga para pedir novamente eleições antecipadas

Uma vitória da Liga nas eleições regionais de Emilia Romagna pode dar a Matteo Salvini o pretexto para exigir eleições antecipadas em Itália. Matteo Salvini continua de olhos postos no cargo de primeiro-ministro e pode voltar …

Trocar garrafas de plástico por descontos só será possível em março

O projeto-piloto para o depósito de garrafas de plástico a troco de talões de desconto nos supermercados estava previsto arrancar em janeiro. Porém, o atraso em desbloquear fundos de financiamento pode empurrar o arranque para …

Depressão Glória. Quedas de árvores, falhas de eletricidade e um ferido grave

A depressão Glória já provocou várias quedas de árvores, falhas na eletricidade e um ferido grave. Coimbra, Viseu e Castelo Branco são os distritos mais afetados. "O concelho mais afetado, neste momento, é Coimbra", afirmou o …

Ministério Público contratou ex-agente da PJ para analisar contas da Operação Tutti Frutti

As contas do caso Tutti-Frutti foram entregues a Edígio Cardoso, antigo diretor da Unidade de Perícia Financeira e Contabilística (UPFC) da Polícia Judiciária, reformado há mais de um ano. A investigação do caso Tutti-Frutti iniciou-se em …

Reconstruções em Pedrógão. Gulbenkian exige indemnização de meio milhão por suspeita de ilegalidades

A Fundação Calouste Gulbenkian exige uma indemnização de meio milhão de euros por ilegalidades na reconstrução de casas de Pedrógão. Estão em causa cinco habitações. A fundação Calouste Gulbenkian exige uma indemnização de meio milhão de …

Austrália. Depois dos incêndios, chega o granizo (e já está a provocar estragos)

A Austrália está a recuperar dos enormes incêndios dos últimos meses. No entanto, a costa oriental do país debate-se agora com chuvas intensas que tem provocado inúmeras inundações. As fortes chuvas que caíram esta segunda-feira proporcionaram …

Taxa sobre produtos poluentes rendeu 200 milhões em dois anos

A taxa aplicada sobre produtos poluentes - plástico, cartão, embalagens de vidro, entre outros -, rendeu ao Estado português 199,6 milhões de euros em dois anos, avança o Jornal de Notícias esta segunda-feira. O valor, arrecadado …

"Mito sem sentido". Santos Silva rejeita que Portugal seja "amigo especial" da China

O ministro dos Negócios Estrangeiros rejeitou, em entrevista ao Financial Times, que Portugal esteja a desenvolver uma dependência problemática relativamente à China. É um "mito sem sentido", defendeu Augusto Santos Silva. O governante falou ao …