Venezuela. Oposição anuncia nova fase de mais pressão contra o regime

Rayner Peña / EPA

Juan Guaidó

O presidente do parlamento venezuelano, Juan Guaidó, disse na quarta-feira que a oposição tem mantido conversações com o governo dos Estados Unidos (EUA) e anunciou que chegou o momento de pressionar mais o regime liderado por Nicolás Maduro.

“Depois de oito meses de luta, chegou o momento, hoje, de desenvolver um processo com maior pressão”, disse, durante um evento na sede do diário El Nacional, em Caracas, citado pela agência Lusa. “Todos os mecanismos de pressão sobre o regime são a força para ganhar”, afirmou.

“Chegámos a um momento de importantes definições, a uma etapa máxima de cooperações internacionais. Vamos estender as mãos àqueles militares que se puseram do lado da Constituição, porque temos conversações, mas para a saída de [Nicolás] Maduro”, acrescentou.

As declarações de Juan Guaidó têm lugar um dia depois de o Presidente da Venezuela, Nicolás Maduro, ter afirmado que membros do seu Governo, com a sua autorização, mantêm contactos de alto nível com funcionários da administração norte-americana de Donald Trump.

O líder opositor questionou as afirmações do chefe de Estado e acusou o Presidente da Venezuela de pretender “fazer ver que ele é quem está no processo” de conversações com Washington. “O usurpador está tão desesperado que faz ver que está com o processo, quando depois o desmentem e fica mal, em ridículo”, declarou.

Juan Guaidó referiu-se também ao diálogo entre o Governo venezuelano e a oposição, que desde maio último decorria sob a mediação da Noruega. “Eles [Governo] disseram que nunca se levantariam [abandonariam o diálogo] e dias depois se levantaram”, destacou. “Não é que a Venezuela [oposição] já ganhou, é que o regime está derrotado”, frisou.

“[Donald] Trump disse que os EUA dialogam ao mais alto nível com funcionários venezuelanos e é assim, não é uma novidade”, avançou na terça-feira, Nicolás Maduro,  destacando que o seu Governo tem procurado o diálogo e a “forma do Presidente Donald Trump ouvir de verdade a Venezuela”.

“Desde há meses há contactos entre altos funcionários do Governo dos EUA, de Donald Trump, e do Governo bolivariano que eu presido, sob a minha autorização expressa, direta”, acrescentou.

Na quarta-feira, John Bolton, assessor de segurança de Donald Trump, referiu-se aos termos em que decorrem as reuniões com o regime venezuelano.

“Como o Presidente [Donald Trump] declarou, em repetidas ocasiões, para pôr fim ao roubo de recursos do povo venezuelano e à contínua repressão, [Nicolás] Maduro deve ir embora. Os únicos elementos debatidos que estão a chegar a [Nicolás] Maduro são a sua partida e eleições livres e justas”, escreveu no Twitter.

A crise política, económica e social na Venezuela agravou-se desde janeiro último, quando o presidente da Assembleia Nacional (parlamento, onde a oposição detém a maioria), Juan Guaidó, assumiu sob juramento as funções de Presidente interino.

Pelo menos quatro milhões de pessoas abandonaram a Venezuela, nos últimos anos, fugindo da crise económica, social e política que afeta o país.

TP, ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Mãe que deixou recém-nascido no caixote do lixo não quis abortar

A jovem cabo-verdiana, em prisão preventiva por suspeitas de ter abandonado o seu filho recém-nascido no lixo, teve a oportunidade de abortar, mas não quis. O Supremo Tribunal de Justiça rejeitou, esta quinta-feira, o pedido de …

Face Oculta. MP pede 12 anos e 10 meses para Manuel Godinho

O Ministério Público (MP) defendeu esta sexta-feira a aplicação de uma pena única de 12 anos e 10 meses de prisão para o sucateiro Manuel Godinho, principal arguido do processo Face Oculta, durante a audiência …

Maioria acredita que Governo vai durar quatro anos

Uma sondagem da Aximage revela que a maioria das pessoas entrevistadas acredita que António Costa vai concluir a sua legislatura, mesmo com um Governo que consideram de "estrutura exagerada". Uma sondagem da Aximage para o Jornal …

Tecnologia usada em Marte ajuda a detectar fugas de água em Gaia

Um sistema "pioneiro em Portugal" que recorre a tecnologia usada em Marte, para detectar água, está a ser utilizada pela empresa municipal Águas de Gaia, em Vila Nova de Gaia, para detectar fugas no sistema …

É segredo de Estado e custou mais de 100 milhões. "Máquina do Fisco" analisa 600 mil facturas por hora

O sistema informático que sustenta a "máquina do Fisco" já custou ao Estado mais de 100 milhões de euros e é tão secreto que nem a localização física dos servidores que o sustentam é conhecida. …

Empresário alemão investigado por suspeitas de orgias com menores em Cascais

O empresário alemão Matthias Schmelz, representante em Portugal dos aspiradores da marca Rainbow, está a ser investigado por suspeitas de lenocínio e pagar por orgias com menores na sua casa na zona de Cascais, avançou …

A nova fábrica da Tesla não vai ser no Reino Unido por causa do Brexit

O presidente executivo da Tesla admitiu que as incertezas à volta do Brexit tiveram peso na decisão de abrir a primeira fábrica da empresa na Europa antes em Berlim. A Tesla anunciou, esta terça-feira, que vai …

Esquerda chumba equiparação do comunismo ao nazismo

A resolução do Parlamento Europeu que condena em termos iguais o nazismo e o comunismo extremou esta sexta-feira as posições na Assembleia da República. A direita acusou a esquerda de ter duas medidas para avaliar as …

Mexia não vai deixar que chineses interfiram no plano estratégico da EDP

O presidente da EDP, António Mexia, garantiu que não vai deixar que nenhum acionista impeça o desenvolvimento do plano estratégico da empresa, deixando o aviso à China Three Gorges. Em entrevista concedida ao Jornal Económico, António …

Impostos indiretos subiram com Governo de Costa e são já 55% da carga fiscal

Os impostos indiretos têm vindo a aumentar em Portugal. Dados da Direção-Geral do Orçamento mostram que o peso da tributação indireta no total da receita fiscal do subsector Estado, em 2018, ascendeu a 55,4%, o …