Um quarto dos portugueses fuma mas mais de metade nunca tocou em tabaco

Um em cada quarto portugueses (25%) é fumador, mais dois pontos percentuais do que em 2012, 12% deixaram de fumar e quase dois terços (63%) nunca fumaram, segundo um inquérito Eurobarómetro hoje divulgado, em Bruxelas.

Na União Europeia (UE), a média de fumadores é de 26%, uma quebra de dois pontos na comparação com o inquérito de 2012.

Em Portugal, fumam mais os homens (34%) do que as mulheres (18%), em linha com a média da UE: 31% e 22%, respetivamente.

É na faixa 25-39 anos que se concentra a maior percentagem de fumadores portugueses (38%), seguindo-se a dos 40-54 (35%), a dos 15-24 (22%) e mais de 55 anos (13%).

Na UE, a faixa 40-54 é a que apresenta maior quota de fumadores (34%), seguindo-se a 25-39 (33%), 15-24 (25%) e mais de 55 (17%).

Em Portugal, 32% dos fumadores já tentaram abandonar o hábito (UE 59%), 9% dos quais no último ano (UE 19%), contra um total de 68% que responderam nunca terem tentado deixar de fumar (UE 40%).

Os cigarros de maço são o produto de tabaco mais fumado, fazendo as preferências diárias de 83% dos consumidores portugueses (UE 76%), seguindo-se os de enrolar, para 16% (UE 24%).

As cigarrilhas são fumadas diariamente por 4% dos portugueses (UE 4%), os charutos por 3% (UE 4%) e o tabaco de cachimbo por 1% (UE 1%).

Os cigarros eletrónicos são a escolha de 2% dos fumadores portugueses, em linha com a média da UE, sendo que 1% responderam ter usado e desistido (UE 3%) e 3% experimentaram e desistiram (UE 7%).

No total, 6% dos portugueses já experimentaram o cigarro eletrónico (UE 12%), mais os homens (PT 7%, UE 13%) do que as mulheres (PT 4%, UE 10%).

A maioria dos fumadores em Portugal (55%) começou na faixa entre 15 e os 18 anos, 21% começaram a fumar antes dos 15 anos e 20% entre os 19 e os 25.

Na UE, 53% dos fumadores começaram entre os 15 e os 18 anos, 22% entre os 19 e 25 e 19% antes dos 15 anos.

Em relação ao fator que determina a escolha de uma marca de cigarros, o sabor é a escolha de 93% dos fumadores portugueses (UE 87%), seguindo-se o preço (PT 90%, UE 69%), a marca (PT 84%, UE 66%), o teor de alcatrão, nicotina e monóxido de carbono (PT 71%, UE 47%) e a embalagem (PT 50%, UE22%).

O inquérito Eurobarómetro sobre as atitudes dos europeus face ao tabaco foi realizado no âmbito do Dia Mundial Sem Tabaco, que se assinala no domingo.

/Lusa

PARTILHAR

2 COMENTÁRIOS

  1. Quando ao fim de 30 anos de adição o colesterol HDL desceu até 32 e a minha médica de família me gritou que tinha dois filhos para criar e com aqueles valores corria o risco de doenças nas coronárias, enfarte , etc… pensei nos meus ricos filhinhos e tomei uma decisão naquele mesmo momento – o cigarro que tinha fumado antes da consulta… foi o último!
    A 2ª e a 3ª semana seguintes foram de muita carência e muito difíceis – criei um ambiente medonho em minha própria casa, mas com a ajuda e compreensão de todos, hoje todas temos orgulho em viver numa casa sem fumadores.
    A Dra. Helena Gonçalves receitou-me 2 pastilhas de Valdispert para conseguir dormir e ajudou bastante.
    No dia 15.Junho às 10:20 da manhã completo 4 anos sem fumar!
    Ainda hoje tenho muitas saudades de umas cigarradas e até chego a acordar com pesadelos que fui comprar cigarros… mas tenho um enorme orgulho no meu HDL a 65.
    Sempre gostei de exercício físico e consigo caminhar 7km em menos de uma hora – logo às 7.30 da manhã seja verão ou inverno – e ficar com energia para um dia de trabalho.
    Se não for pelos seus filhos
    Se não for pela sua família,
    Se não for pela sua saúde.
    Se não for pelo dinheiro.
    Que seja ao menos para provar a si mesmo que é mais forte que o vício – deixe de fumar!

  2. Também fiz o mesmo…Pensei. Quem manda mais – eu ou o vício? E já lá vão mais de 30 anos. O dinheiro que poupei já me compensou como muitos prazeres, como viajar e conhecer vários países.

RESPONDER

Boris compara Reino Unido a super-herói. "Quanto mais enfurecem o Hulk, mais forte ele fica"

O primeiro-ministro britânico comparou o Reino Unido ao super-herói da Marvel, que nunca se deixa prender, deixando subentendido o aviso de que pode ignorar a decisão do Parlamento que quer impedir uma saída sem …

Dente de rinoceronte deu aos cientistas a mais antiga informação genética já registada

Cientistas conseguiram extrair de um dente com 1,7 milhões de anos (de um rinoceronte já extinto) aquela que é a informação genética mais antiga alguma vez registada. Entre o período de há 2,5 milhões e 700 mil …

SNS "é âncora para os portugueses e sabe resistir às pressões"

A ministra da Saúde elogiou o Sistema Nacional de Saúde no dia em este cumpre 40 anos. A data só não está a ser assinalada com mais vigor devido à proximidade das eleições, explicou …

Um terço dos diplomados no curso de Aeroespacial vai trabalhar para o estrangeiro

A nota mínima de entrada no curso de Engenharia Aeroespacial do Técnico bateu um novo recorde. As oportunidades e os salários levam os diplomados para o estrangeiro. O único curso de Engenharia Aeroespacial no ensino superior …

Morreu o cantor Roberto Leal

Morreu o cantor Roberto Leal, confirmou o antigo secretário de Estado das Comunidades e da Administração Local. Tinha 67 anos e lutava contra um cancro. A notícia foi avançada pelo antigo secretário de Estado das Comunidades …

Estudo mostra que o canguru gigante tinha uma parecença com os pandas

O já extinto canguru gigante tinha uma característica muito semelhante com o panda-gigante dos dias modernos: grandes mandíbulas que lhe permitiam comer alimentos que outros animais não conseguiam. Há mais de 40 mil anos, o sudoeste …

Assunção Cristas contra o "ditador" verde e André Silva contra a "despesista" demagoga

O debate deste sábado, transmitido pela RTP3, sentou frente-a-frente os líderes do CDS e do PAN. Assunção Cristas contou quantas vezes o programa do adversário usa a palavra "proibir" e André Silva acusou os centristas …

Poluição no rio Lis arrasta-se há mais de 20 anos

A poluição na bacia hidrográfica do rio Lis arrasta-se há mais de duas décadas, com o contributo das descargas ilegais das suiniculturas, mas a construção da estação de tratamento de efluentes suinícolas tem sido adiada …

No Quénia, há meninas a faltar às aulas por não terem acesso a tampões

No Quénia, há adolescentes que não têm dinheiro para comprar pensos higiénicos ou tampões. Por isso, faltam às aulas. O Expresso conta a história de uma menina queniana, de 14 anos, que não aguentou ser humilhada …

As sestas podem ser boas amigas do coração

Fazer uma sesta uma ou duas vezes por semana pode reduzir o risco de ataque cardíaco ou AVC. No entanto, se fizer mais sestas do que o recomendado, os benefícios desaparecem. Uma equipa de cientistas decidiu …