Os últimos cinco anos foram os mais quentes desde que há registo

Hugo Delgado / Lusa

Um relatório das Nações Unidas revelou que, entre 2015 e 2019, foram atingidos níveis históricos. Desde 1850, as temperaturas aumentaram 1,1ºC.

O período entre 2015 a 2019 é o mais quente alguma vez registado, indicou este domingo a ONU, na véspera de uma cimeira sobre o clima que se irá realizar em Nova Iorque e que irá contar com a presença de nomes como a ativista Greta Thunberg.

Segundo um relatório divulgado pela Organização Meteorológica Mundial (WMO), as temperaturas médias subiram 1,1ºC desde 1850. Só entre 2011 e 2015, registou-se um aumento de 0,2ºC.

Relativamente as emissões de gases com efeito de estufa, entre 2015 e 2019, estes aumentaram 20% relativamente aos cinco anos anteriores. Em 2019, estas foram “pelo menos tão elevadas” quanto em 2018, de acordo com os os cientistas que trabalharam neste relatório para a ONU. Espera-se que, até ao final do ano, e concentração de CO2 na atmosfera atinja um novo pico.

Com os compromissos atuais dos países para reduzirem as emissões de gases com efeito de estufa, o planeta vai estar mais quente de 2,9 a 3,4ºC até 2100. Os esforços anticarbono dos países devem ser multiplicados por cinco para conter o aquecimento a 1,5ºC, como prevê o acordo de Paris de 2015 ou, no mínimo, multiplicados por três para ficar em 2ºC, o limite máximo estipulado no texto.

“O fosso nunca foi tão grande entre o que o mundo deseja alcançar e a realidade dos planos climáticos dos países”, alerta o relatório.

Nunca a água dos oceanos esteve tão quente

Os oceanos são os mais prejudicados por este aumento da temperatura. De acordo com o relatório da WMO, mais de 90% do excesso de calor causado pelas alterações climáticas acabam na água. Em 2018, registou-se os valores mais altos de calor nos oceanos.

O nível médio do mar também subiu consideravelmente entre 2015 e 2019, acompanhando o aumento das emissões de CO2. Na última década, este aumentou de três para quatro milímetros por ano devido ao derretimento acelerado das calotas glaciares nos polos norte e sul, confirmadas por vários estudos e observações por satélite. Esta situação irá levar a um aumento do nível do mar no futuro, o que está a preocupar os cientistas da WMO.

“Como vimos esta ano com os efeitos trágicos nas Bahamas e em Moçambique, o aumento do nível do mar e as intensas tempestades tropicais levaram a catástrofes humanitárias e económicas”, refere o relatório, citado pelo Observador.

https://twitter.com/CMNUCC/status/1175778449526534147

Estes dados vêm confirmar a tendência para um aumento da temporada que já tinha sido apontada durante o verão. Na altura, a ONU informou que o mês de julho tinha sido o mais quente alguma vez registado, devido a “uma onda de calor extraordinariamente precoce e excecionalmente intensa” que estabeleceu “novos recordes de temperatura na Europa” – 2ºC acima do normal.

Esta segunda-feira, cerca de 60 líderes mundiais irão reunir-se numa cimeira sobre o clima, na véspera da Assembleia Geral das Nações Unidas, que contará com a presença do Presidente português, Marcelo Rebelo de Sousa.

ZAP // Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

França suspende tratamentos com hidroxicloroquina

O Governo francês decidiu esta quarta-feira suspender os tratamentos à base de hidroxicloroquina para pacientes infetados com a covid-19. O Executivo revogou o decreto de 11 de maio que autorizava a prescrição e a administração …

Decisão unânime. Deputados vão pedir para ver contrato de venda do Novo Banco (e para ouvir Carlos Costa)

Os deputados da comissão de orçamento e Finanças aprovaram esta quarta-feira por unanimidade o requerimento do Bloco de Esquerda para que seja entregue ao parlamento o contrato de venda do Novo Banco ao Lone Star. Segundo …

Portugal poderá receber 26,3 mil milhões de Bruxelas. 15,5 mil milhões a fundo perdido

Portugal poderá receber 26,3 mil milhões de euros em subvenções e empréstimos no âmbito do Fundo de Recuperação da União Europeia (UE), após a crise da covid-19, que ascende a um total de 750 mil …

"Taxa covid" cobrada por clínicas e hospitais privados não é ilegal (e pode alastar ao comércio)

Aumentaram, nos últimos dias, as queixas à DECO, a Associação de Defesa do Consumidor, relacionadas com o pagamento de taxas adicionais no acesso a hospitais e clínicas privadas. Taxas que se destinam a pagar os …

O Banif deixou de ser um banco em 2015, mas continua sem haver relatório obrigatório por lei

Os credores aguardam há quatro anos e meio que seja divulgado o relatório que diga qual a percentagem de recuperação a que têm direito por lei. A 20 de dezembro, completaram-se quatro anos desde que o …

FC Porto revela tempo mínimo de paragem de Marcano

O futebolista Iván Marcano, que sofreu uma uma rotura do ligamento cruzado, vai ficar afastado dos revelados pelo menos durante três meses. Em comunicado enviado à Comissão do Mercado de Valores Mobiliários (CMVM), o FC Porto …

Num voo histórico, Space X lança esta quarta-feira astronautas da NASA para o Espaço

A Space X vai lançar esta quarta-feira dois astronautas da NASA para o Espaço. Este voo tripulado será certamente histórico, assinalando momentos importantes quer para a agência espacial norte-americana quer para a empresa de Elon …

Crise no PSG. Mbappé e Di Maria dispensam 70% do salário, Neymar não abdica de um euro

Visando minimizar os impactos financeiros da covid-19, o PSG reuniu com a equipa para discutir uma redução salarial. De acordo com o francês Le Figaro, não houve consenso: Mbappé e Di Maria estão dispostos a …

Bruxelas propõe Fundo de Recuperação de 750 mil milhões de euros

A Comissão Europeia vai propor um Fundo de Recuperação de 750 mil milhões de euros para a Europa superar a crise provocada pela pandemia da covid-19. "A Comissão propõe um Fundo de Recuperação de 750 mil …

Gabriel confirma recuperação. "Pronto para voltar aos relvados"

Recorrendo às redes sociais, o médio brasileiro do Benfica Gabriel confirmou que já recuperou da lesão ocular e que se encontra pronto para voltar aos relvados. "Estou recuperado e pronto para voltar aos relvados graças …