TVI dá prémio de 25 mil euros por engano (e volta a repetir o erro)

TVI / Facebook

Leonor Poeiras e Iva Domingues no "Somos Portugal" da TVI

Leonor Poeiras e Iva Domingues no “Somos Portugal” da TVI

A TVI assume os “lapsos” na entrega de prémios monetários do concurso de chamadas de valor acrescentado, promovido durante a emissão do programa “Somos Portugal”. Por duas vezes, a estação enganou-se nos vencedores de prémios de 2500 e 25 mil euros.

O primeiro erro sucedeu no passado dia 5 de Fevereiro com João Lopes, de Guimarães, que recebeu uma chamada telefónica dos apresentadores Marisa Cruz, Iva Domingues e João Montez a informá-lo de que tinha ganho um prémio de 25 mil euros.

Só ao cabo de três dias é que a lacuna foi detectada, descobrindo-se então que João Lopes não tinha sido o vencedor do concurso de chamadas de valor acrescentado, até porque ele nem sequer tinha ligado para o número anunciado pela TVI, durante o programa, conforme avança o Correio da Manhã.

Quem fez a chamada enganou-se a digitar os números e, em vez do verdadeiro vencedor, a ligação foi parar ao telefone de João Lopes”, explica este jornal.

No passado domingo, 12 de Fevereiro, voltou a verificar-se um erro, envolvendo um prémio de 2500 euros e Alexandre Assalino, um homem de 86 anos residente na Figueira da Foz.

“Ligou-me a Leonor Poeiras a dizer que tinha ganho 2500 euros. Só que depois disseram para aguardar e no mesmo telefonema informaram-me que foi um engano“, salienta Alexandre Assalino em declarações divulgadas pelo jornal i.

A TVI assume os “lapsos”, numa nota enviada ao Correio da Manhã, e fala em “problemas pontuais”, garantindo ainda que os prémios foram atribuídos “a quem efectivamente a eles tinha direito nos termos dos regulamentos aplicáveis”.

A estação também “lamenta o sucedido e os incómodos causados aos envolvidos nestas situações” e assegura que “reformulou e automatizou os procedimentos de forma a evitar a sua repetição” e a “garantir a confiabilidade dos concursos que promove”.

Notando que “todos os sorteios decorrem com a presença e fiscalização de um agente da PSP”, a TVI lembra ainda que, “em mais de 6 anos de programa”, estes concursos com chamadas de valor acrescentado “decorreram sem qualquer problema e com elevadíssimo nível de desempenho operacional”.

ZAP //

PARTILHAR

5 COMENTÁRIOS

  1. Caro ZAP, atenção ao nível gramatical do jornalismo. Ou “repetiu” ou “voltou a fazer”. Se “voltou a repetir” então teríam sido 3 vezes pelo menos. “Voltar a repetir” é um pleonasmo e não se aplica neste caso.

    Obrigado.

    • Caro Miguel, pleonasmo é o “reforço da ideia que se pretende realçar” portanto neste caso não é significante, se voltou a repetir ou se repetiu, o problema esta mesmo no “logro” da TVI

      • É significante exactamente porque neste caso altera a realidade.
        Não me parece que as notícias devam usar esse tipo de figuras de estilo quando a sua função deve ser informar os leitores de factos e não proporcionar-lhes uma agradável leitura, principalmente se o seu uso trouxer confusão na distinção entre a verdade e o estilo linguístico, não concordaria?

  2. Deveriam ser obrigados a pagar os prémios para quem telefonaram, dessa forma certamente que em pouco tempo passariam a trabalhar como devem, já no programa da Cristina Ferreira e do Goucha que termina pouco antes das 13 horas são frequentes as vezes que o prémio ou não é atribuído no próprio dia ou fica o contacto a meio por falta de tempo unicamente porque aproveitam até há última gota para receberem chamadas, uma vergonha!

  3. Acho muito engraçado a TVI dizer que o sr João Lopes nem ligou para lá mas no jornal que 15 dias antes tinha feito uma chamada para lá ! Ora vamos lá ver uma coisa se ligou para ele é porque o computador escolheu o numero dele certo ! Ha mas agora já não é o computador que escolhe são eles que marcam o numero …. Muito engraçado TVI ao rubro !!! Sera que deram mesmo o premio mmmmm acho esta historia da TVI muito mal contadinha mas claro dão a volta a situação com uma pinta enfimmmm

RESPONDER

"Contra tudo e contra todos". Moedas fez história em Lisboa

O cabeça de lista da coligação PSD/CDS-PP/MPT/PPM/Aliança à Câmara de Lisboa, Carlos Moedas, afirmou hoje ter vencido “contra tudo e contra todos”, porque “a democracia não tem dono”, agradeceu o “voto de confiança” e comprometeu-se …

Ventura admite que “vitória não foi total” ao falhar objetivo de ficar em terceiro

O líder do Chega admitiu hoje que a “vitória não foi total” nas autárquicas de domingo, ao falhar o objetivo de ser a terceira força política, mas defendeu que se “fez história” em Portugal, recusando …

Liveblog Autárquicas. Carlos Moedas ganha Lisboa

Realizam-se este domingo Eleições Autárquicas em Portugal, nas quais está em jogo a eleição de 308 presidentes de câmaras municipais, os seus vereadores e assembleias municipais, bem como 3091 assembleias de freguesia. Acompanhe tudo no …

Contra a "vigarice" das sondagens, "o PSD teve um excelente resultado"

O PSD conseguiu todos os objectivos a que se propôs nestas eleições autárquicas, segundo Rui Rio. O presidente do PSD considera que o partido teve "um excelente resultado" contra a "vigarice" das sondagens e "contra …

Medina assume derrota em Lisboa. "É uma indiscutível vitória de Carlos Moedas"

Fernando Medina acaba de assumir a derrota nas eleições autárquicas, felicitando Carlos Moedas pela vitória na Câmara de Lisboa. "É uma indiscutível vitória pessoal e política de Carlos Moedas", sublinha Medina. "Foi um privilégio servir esta …

Costa: "PS continua a ser o maior partido autárquico nacional"

António Costa canta vitória nas eleições autárquicas, apesar de ainda não se conhecerem os resultados finais de Lisboa, Sintra e Loures. Para o secretário-geral socialista, não há dúvida de que o "PS continua a ser …

O "primeiro amarelo" para Costa e o "CDS superou todos os objectivos"

"O CDS superou todos os objectivos a que se propôs nestas autárquicas". É assim que Francisco Rodrigues dos Santos, líder do CDS-PP, canta vitória, considerando que António Costa "viu o seu primeiro cartão amarelo". Na reacção …

Pegadas provam que as Américas foram povoadas milhares de anos antes do que pensávamos

Investigadores descobriram evidências da presença de humanos nas Américas: pegadas com, pelo menos, cerca de 23.000 anos. A nossa espécie começou a migrar para fora de África há cerca de 100.000 anos. Além da Antártida, as …

Jerónimo assume que CDU ficou "aquém", mas não é "determinante para a política nacional"

Jerónimo de Sousa reconhece que os resultados da CDU, nas eleições autárquicas, ficaram "aquém" dos objectivos, mas alerta que não são "determinantes para a política nacional" e rejeita a hipótese de deixar a liderança do …

Geringonça à direita... ou à esquerda? Com Moedas e Medina taco a taco, IL e Bloco entram em jogo

Freguesia a freguesia, eis como Fernando Medina e Carlos Moedas estão a disputar a eleição para a Câmara de Lisboa. As sondagens dão um empate técnico e a Iniciativa Liberal já manifestou que está disponível …