Turquia vai às urnas em eleições presidenciais inéditas

BrookingsInst / Flickr

Recep Tayvip Erdogan, Primeiro-ministro turco e candidato à Presidência

Recep Tayyip Erdogan, Primeiro-ministro turco e candidato à Presidência

Turcos vão às urnas este domingo nas primeiras eleições presidenciais por voto direto na História do país.

As assembleias de voto abriram hoje às 8h (6h em Lisboa) na Turquia para a primeira volta das eleições presidenciais, as primeiras em que o chefe de Estado é eleito por sufrágio direto e que devem confirmar Recep Erdogan na liderança do país.

Um total de 53 milhões de eleitores é chamado a votar em mais de 165.000 assembleias de voto. As urnas encerram às 17 (15h em Lisboa).

A disputa é entre três candidatos, incluindo o atual primeiro-ministro Recep Tayyip Erdogan, o pouco conhecido diplomata Ekmeleddin Ihsanoglu e o político curdo Selahattin Demirtas. Se nenhum dos candidatos obter mais de 50% dos votos, uma segunda volta será realizada no dia 24 de agosto.

Recep Erdogan, 60, diz que, se for eleito, transformará o cargo de Presidente, em grande parte cerimonial, na potência executiva do país. Erdogan é primeiro-ministro desde 2003 e está impedido de concorrer novamente ao cargo.

O correspondente da BBC Mark Lowen, em Ancara, diz que Erdogan é uma figura que causa divisões, adorado por seus partidários por transformar a economia, mas odiado pelos críticos por um estilo de confronto e tendências islâmicas.

No seu último comício na cidade de Konya, este sábado, Erdogan prometeu desenvolver os príncipios democráticos e a economia da Turquia para criar um “líder mundial e uma potência global”.

“Não há nenhum sonho inatingível ou objetivo inatingível para esta nação”, disse.

A Turquia – cercada pelos conflitos no Iraque, Síria e Ucrânia – é uma importante aliada do Ocidente, afirma o correspondente da BBC, descrevendo que quem se tornar chefe de Estado vai assumir um país com uma posição geopolítica chave.

A oposição

Ekmeleddin Ihsanoglu, 71, é o candidato conjunto dos dois principais partidos de oposição no Parlamento, o partido de centro-esquerda CHP (Partido Republicano do Povo) e o de extrema direita MHP (Partido do Movimento Nacionalista).

Ex-secretário-geral da Organização de Cooperação Islâmica entre 2004 e este ano, Ihsanoglu prometeu defender o papel tradicional do presidente, insistindo que não cabe ao chefe de Estado se envolver no dia-a-dia da política.

Selahattin Demirtas, 41, é um político bem conhecido da minoria curda e líder do partido esquerdista HDP. Correspondentes dizem que ele tem focado sua campanha em defender a causa de oprimidos, pobres, jovens e classes trabalhadoras.

Demirtas realizou seu último comício na cidade de Izmir. “Não podemos construir a nossa união acusando um ao outro. Vamos mostrar nossas cores nas urnas amanhã com nossas identidades e crenças oprimidos”, disse.

ZAP / BBC / Lusa

PARTILHAR

RESPONDER

Liveblog ZAP. Costa: "Seguramente não foi a minha última campanha eleitoral"

Realizam-se este domingo Eleições Autárquicas em Portugal, nas quais está em jogo a eleição de 308 presidentes de câmaras municipais, os seus vereadores e assembleias municipais, bem como 3091 assembleias de freguesia. Acompanhe tudo no …

Arqueólogos desenterram (acidentalmente) ossadas com 800 anos no Peru

Os restos mortais de oito pessoas, com aproximadamente 800 anos de idade e enterrados com alimentos e instrumentos musicais na mesma câmara funerária, foram encontrados ao sul de Lima, no Peru, durante a instalação de …

Marcelo apela ao voto "por memória deste ano e meio que não esqueceremos"

O Presidente da República considerou que votar nas eleições autárquicas é mais importante do que nunca para o país recomeçar a viver e a sair das crises sanitária, económica e social. Este apelo ao voto foi …

Onde e como? Um guia para votar nas eleições autárquicas

As mesas de voto das eleições autárquicas abriram hoje às 08:00 no continente e na Madeira para a escolha dos dirigentes dos municípios e das freguesias para os próximos quatro anos. Nos Açores, as urnas abrem …

Ensino Superior: 33% dos candidatos ficaram de fora. Veja se ficou entre os colocados

Mais de 49 mil novos estudantes entraram agora para o ensino superior, tendo ficado sem colocação 33% dos candidatos à primeira fase do concurso nacional de acesso, revelam dados divulgados hoje pelo Ministério do Ensino …

Pessoas mais pobres são vistas como menos suscetíveis à dor

Um novo estudo indica que os indivíduos de classe baixa são estereotipados como insensíveis à dor física, o que pode impactar os seus cuidados médicos. “As estatísticas de saúde indicam que as pessoas ricas recebem um …

As crianças têm dez vezes mais micro-plásticos nas fezes do que os adultos

Uma equipa de cientistas da Universidade de Nova Iorque, nos Estados Unidos, usou espectrometria de massa para medir os níveis de micro-plásticos compostos de policarbonato (PC) e de polietileno tereftalato (PET) presentes nas fezes crianças …

MIT desenvolve mão robótica insuflável (que devolve o tato aos amputados)

Apesar de haver membros biónicos altamente articulados, concebidos para detetar os sinais musculares residuais e imitar roboticamente os seus movimentos pretendidos, a destreza de alta tecnologia tem um custo muito alto. Recentemente, engenheiros do Massachusetts Institute …

É agora possível os robôs mexerem-se sozinhos, graças a novos polímeros de alta energia

Através do uso de novos polímeros que armazenam mais energia e são depois aquecidos, investigadores da Universidade de Stanford conseguiram colocar manequins a mexer os braços sozinhos. Era ver robots a mexer os braços sozinhos, pelo …

"Poço do Inferno". Espeleólogos encontram serpentes, mas não demónios

No deserto da província de Al-Mahra, no leste do país, um buraco redondo e escuro de 30 metros de largura serve de entrada para uma caverna de cerca de 112 metros. Uma maravilha natural que …