Tony Blair ainda acredita e quer reverter o Brexit

Monika Flueckiger / swiss-image.ch / World Economic Forum

Tony Blair, ex-Primeiro-ministro britânico

O antigo primeiro-ministro britânico defende a realização de um novo referendo sobre a saída do Reino Unido da União Europeia.

Este domingo, Tony Blair confirmou, em entrevista à Radi 4 da BBC, que está a tentar reverter o Brexit. O ex-primeiro-ministro britânico afirmou que “é exatamente isto” que pretende, sem especificar no entanto como poderá reverter a situação.

Blair aponta o dedo ao Serviço Nacional de Saúde (NHS). O antigo primeiro-ministro afirma que o serviço está a desmoronar-se. “Esta é uma tragédia nacional” que prova que as garantias da Vote Leave – que garantia que a saída da União Europeia levaria a um maior financiamento da Saúde britânica – não vão concretizar-se.

É por esta razão que Tony Blair defende que os eleitores merecem voltar às urnas num novo referendo para decidir o futuro do país, já que uma das promessas, feitas durante a campanha a favor do Brexit, em 2016, não foi cumprida.

Blair refere-se a um dos slogans da campanha Vote Leave, que alegava que o Reino Unido iria investir 350 milhões de libras, até agora destinados à UE, no Serviço Nacional de Saúde, caso o Brexit vencesse.

Segundo o Expresso, depois do resultado do referendo, percebeu-se rapidamente que este argumento era falso, já que não tomava em consideração questões orçamentais como o dinheiro que o Reino Unido recebe anualmente da União por outras vias, por fazer parte do bloco.

“Quando os factos mudam, as pessoas têm direito a mudar a sua opinião“, defende o antigo líder trabalhista, acreditando que a situação do Serviço Nacional de Saúde pode levar os eleitores a mudar de atitude.

“Muitas pessoas terão votado a favor do Brexit porque lhes foi dito que, se saíssem da Europa, todo o dinheiro iria voltar aos cofres britânicos e ser investido nos serviços de saúde. Essa foi uma promessa muito específica feita pelos defensores do Brexit”, explica Tony Blair.

Na opinião do ex-primeiro-ministro, não há verba extra a vir do Brexit para a saúde e, além disso, “vamos gastar menos dinheiro nos serviços de saúde, não mais dinheiro, porque o crescimento económico desacelerou e porque temos esta grande fatura a saldar com a União Europeia”.

Durante a entrevista, Tony Blair assumiu que há pessoas que votariam novamente a favor da saída do Reino Unido, por acreditarem que “a pertença à UE é inconsistente”. No entanto, defende que um grande grupo, nomeadamente eleitores trabalhistas, só apoiaram o Brexit devido às “preocupações económicas e culturais”.

As declarações de Blair surgem na véspera da reunião, que terá lugar esta segunda-feira, de Theresa May com Jean-Claude Juncker, presidente da Comissão Europeia.

ZAP //

PARTILHAR

RESPONDER

Cientistas descobrem novo exoplaneta semelhante a Neptuno

Uma equipa internacional de colaboradores, incluindo cientistas do JPL da NASA e da Universidade do Novo México, descobriram um novo exoplaneta temperado, do tamanho de Neptuno, com um período orbital de 24 dias orbitando uma …

Feira do Livro do Porto partilha recandidatura de Moreira. "Foi erro de funcionária"

A câmara do Porto explicou que a partilha do ‘post’ sobre a recandidatura de Rui Moreira feita este domingo na página de Facebook da “Feira do Livro do Porto” se deveu a “erro de uma …

Emma, uma pequena rinoceronte, viajou para o Japão para encontrar o amor

Uma pequena rinoceronte branca de cinco anos viajou de Taiwan para o Japão. Tudo para encontrar o amor. Tal como muitos humanos, os planos de viagem de Emma acabaram por ter de ser adiados devido ao …

Países Baixos 3-2 Ucrânia | Futebol espectáculo em Amesterdão

Os Países Baixos, campeões em 1988, derrotaram hoje a Ucrânia, por 3-2, em jogo da primeira jornada do Grupo C do Euro2020 de futebol, disputado em Amesterdão. Os Países Baixos estiveram a ganhar por 2-0, com …

Esta pequena ilha nas Caraíbas já não tem restrições (e está a oferecer noites em hotéis)

A ilha de Curaçao está a suspender todas as restrições que foram implementadas no âmbito da pandemia de covid-19 e para comemorar está a oferecer estadias em hotéis para os turistas. Curaçao, um território holandês que …

10 estrangeiros do Benfica já jogaram em Europeus (duas estreias na mesma tarde)

Num espaço de seis horas, Seferović e Vertonghen juntaram-se à lista restrita. É um pouco extensa a lista de futebolistas portugueses que jogaram a fase final de um Europeu enquanto tinham contrato com o Benfica. Portugal participou …

"Clara desconexão". Empresas ganham milhões com o consumo de álcool por menores

Os jovens menores de idade consumiram 8,6% das bebidas alcoólicas vendidas em 2016, o que representa lucros de cerca de 17,5 mil milhões de dólares para as empresas. Os produtos das empresas AB Inbev, MillerCoors e …

Após 12 anos de Netanyahu no poder, Israel tem um novo primeiro-ministro

O Parlamento de Israel aprovou, este domingo, o Governo de coligação do novo primeiro-ministro Naftali Bennett, que sucede a Benjamin Netanyahu, que esteve no poder cerca de 12 anos. Dos 119 deputados presentes, de um Parlamento …

Áustria 3-1 Macedónia do Norte | Banco austríaco vale triunfo inédito

A Áustria estreou-se, este domingo, com um triunfo sobre a Macedónia do Norte, por 3-1, no Euro2020, no primeiro jogo do Grupo C da competição, disputado em Bucareste. Stefan Lainer (18 minutos), Michael Gregoritsch (78) e …

Facebook restringe conta de André Ventura

A rede social decidiu restringir, durante 24 horas, a conta do presidente e deputado único do Chega, após terem sido denunciadas duas publicações. De acordo com o Correio da Manhã, denúncias em duas publicações feitas por …